Galerias

Ver mais galerias

 

Para criar seu desfile para o carnaval de 2012, a Mocidade Alegre foi buscar inspiração em Jorge Amado e seu livro A Tenda dos Milagres. A escola entrou na avenida para celebrar a Bahia em todas as suas facetas, a miscigenação de raça, a cultura e a fé.
 
 A escola apostou na tradição dos Ojuobás, representantes de Xangô na busca da justiça na Terra.
 
O enredo Ojuobá – No Céu, os olhos do rei... Na Terra, a morada dos milagres... No Coração um Obá muito Amado!, entrou forte e disposto a retratar a integração do o candomblé com a igreja católica.
 
A comissão de frente mostrou Exús e Obás, guerreiros guardiões da verdade e da justiça. O carro abre-alas evocou Xangô e suas três esposas: Oxum, Obá e Iansã.
 
A bateria,  escoltada por sua rainha, Aline de Oliveira, representou o poder do fogo de Xangô. Ela, aliás, foi a grande surpresa no desfile da Mocidade Alegre. A beldade empolgou a plateia ao ser elevada por uma plataforma durante o desfile e tocou tamborim numa altura acima da cabeça do ritmistas da bateria. 
 
A Tenda dos Milagres foi retratada no terceiro carro, que integrou o sagrado e o profano, o popular e o erudito. Integrante fiel da agremiação, o ator Cássio Scapin saiu como destaque dessa alegoria, representando um senhor de engenho.
 
A ala das baianas retratou duas festas cristãs, a procissão de Nossa Senhora da Conceição das Praias e a lavagem das escadarias da Igreja do Senhor do Bonfim.
 
Os afoxés Filhos de Gandhi e Alafin de Oyó foram lembrados e homenageados.
 
A quarta alegoria foi dedicada a duas facetas da personalidade de Jorge Amado, com seus lados sagrado e  profano.
 
O desfile terminou com a coroação do escritor como Obá de Xangô. 
 
A Mocidade fechou o desfile com 65 minutos cravados. Alguns componentes da escola localizada no Bairro do Limão, Zona Norte da capital paulista, ficaram para fora do portão, o que gerou muita confusão na dispersão.
 
Enredo: Ojuobá - No Céu, os Olhos do Rei... Na Terra, a Morada dos Milagres... No Coração, Um Obá Muito Amado!
Carnavalesco: Sidnei França e Márcio Gonçalves
Componentes: 3,5 mil
Alas: 25
Alegorias: 5
Intérprete: Clóvis Pê
Mestre-Sala e Porta-bandeira: Emerson Ramires e Adriana Gomes
Rainha da Bateria: Aline Oliveira
Quem vem: Nill Marcondes, Cássio Scarpin
Instagram

Instagram

  • Protagonista de O Tempo Não Para, @juulianapaiva está curtindo a festa de lançamento da próxima novela das 19h. Vídeo da repórter @flaviacirino
  • Em O Tempo Não Para, próxima novela das 18h, @felipessimas será Elmo, um amigo daqueles que todo mundo gostaria de ter. Vídeo da repórter @flaviacirino
  • @montaleonebruno contou à reportagem de OFuxico que sua namorada, Sasha, curtiu seu visual para a novela O Tempo Não Para, que estreia dia 31. Vídeo da repórter @flaviacirino
  • De volta às novelas após a maternidade, @castrocarol será uma capitã da Marinha em O Tempo Não Para, próxima novela das 19hh Vídeo de nossa repórter @flaviacirino
  • Amanhã, terça-feira, tem Live no Facebook do OFuxico! Fiquem ligados
  • @justinbieber foi clicado chorando ao telefone, na porta do apartamento de sua agora noiva, @haileybaldwin. Por que será que o astro estava aos prantos? Saiba tudo clicando em #OFuxico.
📷: Grosby Group
  • Edgar Vivar, o eterno Seu Barriga, do seriado Chaves,  abriu o jogo sobre como se sente, na emissora Televisa. Leia tudo sobre o assunto em #OFuxico!
📷: Manuela Scarpa/Brazil News

OFuxico