Notícias

26/05/2015 | 21h00m - Publicado por: Victória Xavier | Foto: Divulgação/Fábio Tieri/MF Models Assessoria

Aline Mineiro, do Pânico: 'Me cuido, mas não sou neurótica'

A mais nova Panicat abriu o jogo para O Fuxico e contou sobre sua entrada no programa

Aline Mineiro, do Pânico: 'Me cuido, mas não sou neurótica' - Divulgação/Fábio Tieri/MF Models Assessoria

Aline Mineiro é a mais nova Panicat do Pânico do Pânico na Band e vem conquistando os telespectadores com seu carisma e simpatia. Com suas curvas perfeitas, a modelo posou recentemente para mais um ensaio, começando de shortinho e blusa e terminando de biquíni.

Com direito a muitas caras e bocas, Aline, que anda ganhando cada vez mais espaço na atração dominical, está vendo sua carreira despontar e o sucesso crescer. Quebrando estereótipos, a panicat é amante de artes e literatura, não curte bar e balada e adora um bom programa cultural, como cinema, teatro e museu.

Em entrevista ao site O Fuxico, Aline contou um pouco sobre sua experiência no Pânico, as mudanças em sua vida e a quebra do estereótipo.

Sempre focada em seus objetivos, a modelo contou que sua contratação foi realmente uma jogada de sorte do destino, que fez com que ela encontrasse Allan Rapp, diretor do Pânico.

“Fui convidada para gravar um quadro para o Pânico e fiquei o dia inteiro na externa. Quando retornei para a emissora, juntamente com a equipe, eu quis saber se os testes para ser Panicat ainda estavam sendo realizados e me disseram que sim, foi quando resolvi fazer. O teste era basicamente tirar algumas fotos no estilo Polaroid. Quando terminei, fui chamar a produtora, mas acabei dando de cara com Allan. Pedi 2 minutos da atenção dele, falei que adorava o Pânico, o ritmo, que eu gostaria de fazer parte da equipe”, relembra ela. “O Allan me pediu que eu retornasse para que pudesse conversar também com o Emílio, que também precisa dar o aval para a contratação acontecer. Após o bate papo, o Allan me disse: ‘Bem vinda ao Pânico’, e eu fiquei extremamente feliz”.

Dona de um corpaço, a gata afirma que não é neurótica e também não se mata na academia, tudo isso graças à santa genética.

“Eu tenho uma genética muito boa, por conta disso não tenho que me dedicar muito para manter um corpo bacana. Vou de 2 a 3 vezes por semana na academia e me esforço muito para conseguir esse tempo. Por conta da dedicação ao programa, já que minha prioridade é o Pânico, acabo ficando refém dos horários, então procuro treinar no tempinho que sobra”, afirma ela.  Sempre auxiliada por um profissional, Aline conta que precisa de motivação, já que acaba ficando cansada, e também não abre mão de um bom procedimento estético.

"Tenho a ajuda do meu personal, que me ajuda e me incentiva, tento me alimentar de forma correta, eliminando doce e gordura, mas pensando mais na saúde do que no corpo em si. Vou muito em estética, para estar sempre com um corpo legal, já que toda mulher tem aquela celulite que incomoda. Tirando isso, não deixo de comer nada, não faço grandes sacrifícios, cuido de forma saudável e não neurótica.

Atualmente, um dos grandes quadros do Pânico é o Panicat’s Show, que tem sido um dos pontos altos do programa. No último domingo (24), Aline arrasou na apresentação, mas contou que para chegar no resultado final, é necessário muita dedicação.

“É uma das experiências mais loucas da minha vida. Sou atriz, então sempre estou preparada para o que der e vier, mas quem está em casa não imagina o show que, de fato, é o Panicat’s Show”, releva.

“Eles dão sempre livre arbítrio para decidir as músicas, para montar o show, e estimulam a criatividade. Esse é um dos pontos positivos do Pânico, ele te desafia a ser e dar o seu melhor”, afirma ela. “Quando fico sabendo que vai ter o Panicat’s Show, eu paro tudo e passo a focar somente nisso. Penso do ponto do qual vou partir, a mensagem que quero passar. Geralmente são 2 ensaios para pegar uma coreografia de no máximo 4 minutos e 10 segundos. São ensaios que duram o dia inteiro, uma dedicação tanto corporal quanto mental”.

Com o posto de Panicat em sua vida, a atriz confessou que os cuidados com o corpo aumentaram, mas sempre seguindo uma linha “sem neurose”.

“Sempre cuidei do meu corpo, não porque sou extremamente vaidosa, mas pelo fato de todo mundo gostar de estar com o corpo em dia. Por isso, sempre me cuidei. Porém, a figura Panicat é uma figura que as pessoas veem como algo perfeito. Tento manter meu corpo normal, com um bumbum bonito, uma perna legal, e depois que entrei passei a me preocupar mais com cabelo, com pele, frequentar mais estética. Muitas meninas queriam estar no meu lugar, preciso sempre estar o melhor do melhor”, disse.

Trabalhando com o corpo, a gata contou ao site que recebeu todo apoio de sua mãe e amigos ao tomar a decisão de ser Panicat.

“A única satisfação que devo é a Deus e à minha família. A decisão de ser Panicat partiu de mim e tive o apoio da minha mãe, pois ela sempre me diz que se eu estou feliz, ela também está. Na época ela me perguntou se era isso que eu queria e eu disse que sim. Meus amigos me também me apoiaram. Acho que o Pânico tem muito a ver com a minha personalidade, lá é minha segunda casa. Nunca me arrependi da minha decisão e pretendo ficar por muito tempo nessa família”, conta ela.

Na maioria das vezes, meninas que trabalham com o corpo tendem a ser estereotipadas como “sem conteúdo”. Quebrando qualquer tipo de opinião equivocada sobre as tão amadas Panicats, Aline comprova que, além de linda, também é recheada de conteúdo.

“Não tenho medo de ser estereotipada, pois é impossível ser estereotipada mostrando outro conteúdo. Se você mostra outro conteúdo, as pessoas passam a te distinguir”, afirma ela veementemente. “Sou formada em teatro, tenho DRT de atriz, só não dei continuidade em outros cursos por conta de tempo. Faço aulas de inglês, amo ler e gosto muito de ler sobre teatro, poesia, Mário Quintana, Carlos Drummond de Andrade, leio de tudo um pouco”, conta.

“Assisto muitas peças de teatro também, só neste mês tem umas 3 ou 4 que estão na minha lista. Eu sou uma pessoa que adora ficar sozinha, adoro encontrar com meu eu. Adoro música irlandesa, indiana, africana e clássica.  Amo viajar, pois me tira do chão, tudo que é diferente me atrai, tudo aquilo que me tira da rotina. Quando tenho um tempinho fora do Pânico, eu tento correr para o teatro, pois lá é onde eu me transporto para o palco, eu me doo para aquela história”, finaliza ela.

Linda, por dentro e por fora, cheia de cultura e carisma, Aline Mineiro caiu no lugar certo e o público só ganha em ter o privilégio de poder conhecer um pouquinho mais dessa menina-mulher de 23 anos, que veio para agregar ainda mais à família Pânico.

Carol Dias mostra corpaço nas redes sociais e deixa fãs babando
Uau! Fernanda Lacerda para tudo em praia carioca
Fernanda Lacerda mostra seu lado fashionista em novo editorial
Aline Mineiro usa look curtinho e decotado no Tomorrowland

Instagram

Instagram

  • @projota fez questão de convidar os seguidores de #OFuxico para conferir sua mais nova música de trabalho, Sr. Presidente, que já conta até com videoclipe. Confira mais!
  • Confira suposta lista de participantes de #AFazenda! Quem você gostaria que estivesse na nova edição do programa?
📷: Divulgação/Record TV
  • @anamaria16 ensina aos repórteres e aos participantes do Superchef Celebridades a fazer a melhor coxinha do Brasil 📽 @flaviacirino
  • @robertoljustus e @ticipinheiro comemoraram os oito aninhos de #RafinhaJustus, neste sábado
Foto: Manuela Scarpa/Brazil News
  • Filha caçula de @eliana é pura fofura na festa do irmão mais velho, Arthur 
Foto: Manuela Scarpa/Brazil News
  • @oceara e @misantosoficial realizaram uma festança para @valentinamunizreal. Veja tudo no #OFuxico 
Foto: Leo Franco/AgNews
  • @marinaruybarbosa e @brumarquezine arrasam na Grécia! Confira as fotos no #OFuxico 
Fotos: Reprodução/Instagram

OFuxico