Notícias

17/09/2015 | 18h45m - Publicado por: Luigi Civalli | Foto: Divulgação

Bruno & Barretto: ‘Largamos até mulher para poder cantar’

Dupla sertaneja ainda falou sobre o sucesso meteórico da carreira

Bruno & Barretto: ‘Largamos até mulher para poder cantar’ - Divulgação

Bruno & Barretto! Você talvez nunca tenha ouvido falar deles, até porque a carreira profissional da dupla sertaneja tem apenas cinco meses. Porém, você acha que eles estão apenas começando? Nada disso!

A dupla já alcançou o Top 5 da Crowley Brasil e o Top 12 da Billboard Brasil, duas das listas mais importantes quando o assunto é música, com a canção Farra, Pinga e Foguete e prometem muito mais, já que eles têm shows agendados até março de 2016.

Mas é fácil saber de onde vem o sucesso repentino. Com muita simplicidade e mostrando as raízes do interior do Paraná, Bruino & Barretto conversaram com OFuxico e falaram sobre esse início de carreira impressionante.

“Surpreendeu a mim, ao Barretto, aos empresários, todo mundo ficou surpreso, acho que nunca foi muito rápido nesse mundo sertanejo. E, como esse estilo tá em alta, a gente veio numa 'leva' boa e canta de uma forma mais grave, que é mais voltado para a música clássica, e a gente faz uma coisa mais extrovertida”, disse Bruno.

Barretto ainda explicou como conheceu Bruno, mostrando que a coisa foi um pouco de “armação do destino”.

“Eu sempre cantei, quando tinha uns 12, 13 anos eu cantei na igreja, mas depois disso a música deixou um pouco minha vida. Aí passou uns anos eu comecei a trabalhar, estudar e voltei a cantar meio que de brincadeira, fazendo uns covers em quermesse nas cidades e tudo mais. Aí eu postei na internet e o pessoal gostou e pediu mais vídeos. Aí comecei a fazer em casa e postar e o pessoal gostou. Até que um empresário chegou até mim e começou a fazer uma proposta para eu fazer uma coisa mais profissional, mesmo assim não aceitei porque eu falava que era uma coisa mais de hobby mesmo, mas ele disse que tinha talento, ia dar certo, então aceitei. Na época tinha um amigo meu que cantava comigo, mas ele não quis ir e ele meio que me indicou o Bruno porque tinha visto um vídeo na internet e tinha gostado dele. Aí a gente fez um teste, as vozes ‘casaram’ e estamos aí até hoje”.

Bruno acrescentou: “Não sei como acharam meu telefone nem nada para entrarem em contato, foi uma coisa de Deus mesmo. Eu, na verdade, não queria cantar não (risos). Estava quase me formando em agronomia, tinha feito quatro anos e meio já, mas aí como a coisa começou a dar certo”.

A dupla contou que teve que escolher entre o sucesso como dupla sertaneja ou construir uma família. “Eu tive que largar faculdade, largar família, largar mulher, porque eu sabia que nesse ritmo de viagens não ia dar para ficar namorando também (risos)”, disse Bruno.

“Já eu trabalhava há cinco anos em uma empresa em Alvorada do Sul, não ganhava mal, também não ganhava bem, mas larguei o emprego para me dedicar. Também tive que largar a namorada, porque é uma profissão que, se a pessoa não está preparada, causa muito ciúmes”, afirmou Barretto.

Hit de sucesso

Com a música Farra, Pinga e Foguete entre as dez mais tocadas nas rádios, Bruno revelou que não tem como transmitir a alegria que eles estão sentindo por ter o trabalho reconhecido.

“Então, é bom demais, a gente está lá no Top 5 da Crowley Brasil e Top 12 da Billboard Brasil, é prazeroso para a gente, ver que está dando resultado. Não só porque a gente está na música, se fosse qualquer outro trabalho, é muito bom ser reconhecido”.

Plateia lotada

E o reconhecimento pode ser verificado quando a dupla fez um show de encerramento na Maior Festa de Peão do Mundo, a de Barretos, em agosto deste ano.

“No dia, a gente teve dois shows. Um em Presidente Venceslau, que foi recorde de público com 25 mil pessoas, e depois fizemos o show de encerramento, a gente entrou no palco às 5h da manhã e quando eram 7h tinha gente lá dançando e pulando ainda. Foi bom demais. Realizamos um sonho”, disse Bruno.

Primeiro DVD

Com o sucesso mais do que em alta, a dupla se prepara para gravar o primeiro DVD e fizeram uma escolha atípica ao preferir a cidade de Londrina em de alguma capital.

“Eu fui criado aqui em Londrina mesmo, o Barretto, é de Alvorada do Sul, mas a gente decidiu gravar o DVD em Londrina, porque é o foco daqui da região, né? A cidade grande por aqui é Londrina e foi onde tudo começou. E vai se chamar Força do Interior, porque normalmente o pessoal surge nas capitais, nas cidades grandes e a gente quer mostrar que não é bem por aí e que o interior também tem seu público, sua força”, contou Bruno.

Diferencial

Tamanho sucesso, Bruno & Barretto disseram que o diferencial para outras duplas seria o jeito extrovertido que eles cantam, mas Bruno fez uma ressalva, elogiando o amigo.

“Na minha opinião, é que a gente é muito simples sabe? A gente não tem frescura e isso cativa as pessoas. Além disso, o Barretto tem uma voz diferenciada demais. Muita gente aí você ouve e não sabe quem canta, mas você escuta a voz do Barretto e já sabe quem é e nossas vozes casaram muito legal”, afirmou.

Ídolos

Barretto ainda contou que os ídolos deles são um pouco diferentes da maioria dos sertanejos. “A gente gosta de um pessoal das antigas como Mato Grosso e Matias, Teodoro e Sampaio, que a gente já pode cantar, mas também gostaríamos que cantar com Zezé di Camargo e Luciano, por exemplo. Esse pessoal mais novo como Munhoz e Mariano, João Neto e Frederico sempre encontramos na estrada, tomamos alguma coisa, fazemos algum churrasquinho”, disse.

Vida corrida

Com tantos shows marcados, já que a agenda não tem espaço até o mês de março do ano que vem, Bruno conta que, às vezes, eles se perdem no tempo.

“Claro que a gente se perde e bastante. A gente dorme no ônibus, então quando a gente faz a abertura do show, a gente sempre faz uma saudação para a galera da cidade, mas tem show que a gente nem sabe direito onde que está e deixa passar para não ficar feito e errar, né? Já teve vezes que a gente achou que era domingo, mas era terça, já fizemos 13 shows em 15 dias, tá tudo bem corrido, mas tá muito bom”.

Carreira no exterior

Porém, mesmo com tudo muito novo e muito corrido nestes cinco meses de carreira, Barretto sonha com uma carreira internacional, mas acredita que tudo virá no tempo certo.

A gente sabe que a música está tocando nos Estados Unidos, mas não depende só da gente, né? Mas gostaríamos sim, isso tá tudo no começou, mas quem sabe em breve a gente já não toca por lá também. O empresário falou que já tem gente querendo contratar, mas está tudo no começo ainda, indo devagar, então tudo no seu tempo”, finalizou.

Instagram

Instagram

  • @projota arrasou e mandou os parabéns ao #OFuxico pelos seus 18 anos🤗🤗🤗😍
  • @jojotodynho mandou os parabéns ao #OFuxico pelos seus 18 anos 😄😄❤
  • @gabrieldiniz fez questão de divulgar o lançamento de sua mais recente música de trabalho, Jenifer, que já conta até com videoclipe e tudo, para os seguidores de #OFuxico. Confira!
  • @avinevinny fez questão de convidar os seguidores de #OFuxico para conferir sua mais nova música, Tô Fechado Com Ela, fruto de uma parceria com @ludmilla. Confira!
  • @_antoniantonia, @leticiacolin e @giovannaantonellioficial surgiram poderosas durante evento de lingerie.
Foto: Manuela Scarpa/Brazil News
  • Linda!!! @eliana esteve na comemoração dos 50 anos do beauty artist Júnior Mendes, na noite de quarta-feira (19) na Casa Petra, no bairro de Moema, em São Paulo.
Foto: Manuela Scarpa/Brazil News
  • @cesarfilho desejou os parabéns ao #OFuxico, pelos seus 18 aninhos!

OFuxico