Imprimir

Notícias

19/09/2017 | 12h47m - Publicado por: OFuxico | Foto: Divulgação/Globo/Renato Rocha Miranda

Conheça a história de Filhos da Pátria, da Globo - Cenografia e Produção de Arte

A nova série das 23h00

Conheça a história de Filhos da Pátria, da Globo - Cenografia e Produção de Arte - Divulgação/Globo/Renato Rocha Miranda

Cenografia e produção de arte
 

Para reproduzirem o séc. XIX, assim como a caracterização, as equipes de cenografia e produção de arte buscaram muitas referências em ilustrações de Debret, mas também ousaram.

 

"A gente pesquisou muito sobre o Rio antigo e tivemos muitas inspirações em Debret. Mas também lançamos mão de algumas licenças poéticas para brincar e ousar. Essa liberdade de criação contribui para enriquecer a história", explica a cenógrafa Cris de Lamare.

 

Uma das licenças adotada foi o uso de cor no interior das casas. Na residência dos Bulhosa, por exemplo, a cor predominante é o azul. A produção de arte, assinada por Angela Melman, também traz elementos em tom de azul e meio estonado a fim de trazer vivência ao ambiente. Aliás, a casa acompanha a transição econômica da família. No início, o lar é desleixado e com pouca decoração. Com o passar do tempo, Maria Teresa adquire objetos para enfeitar os ambientes, como castiçais e cortinas com chale, franjas e adamascados. Mas a parte estrutural continua decadente. 

 

"Maria Teresa vai virando uma nova rica e só compra supérfluos. Ela não manda pintar a casa, consertar a infiltração. Ela só pensa nas aparências", explica Cris. 

 

A casa, então, sempre conta com alguma desordem.

 

"As camas estão meio desfeitas, as toalhas de mesa estão amassadas. Sempre vai ter um cantinho de bagunça", explica Angela.

 

A produção de arte também fez uma minuciosa pesquisa sobre os hábitos alimentares no séc. XIX, pois muitas cenas da família Bulhosa acontecem durante as refeições. Os principais pratos que compõem a mesa são: canja, frango, cordeiro e ave de caça.

 

Lugar frequentado pelas mulheres em busca de modista e pelos homens em busca de damas de acompanhamento, o brechó da madame Dechirré traz realidades paralelas em um mesmo endereço. Um elemento que conduz o público a cada um desses universos é a cor.

 

"O térreo, onde as mulheres vão para encomendar roupa, é todo rosa. Ao descer as escadas, o vermelho, o vinho e o terra dominam o espaço. O brechó em si não tem muito glamour, diferentemente do bordel", explica Cris. Nas paredes do lugar, a cenografia traz tecidos e texturas dos veludos, dos bordados e dos adamascados, como uma parede de patchwork 3D.







Instagram

Instagram

  • Repost @estherrocha : Delícia de visita com direito a um@montão se brigadeiros deliciosos que adoçou a redação e o meu coração... Esses dois lindos são os idealizadores do @empoderadxsbr , um site lindo, bem feito e do bem que é o novo parceiro de @site_ofuxico . E eu só festejando os amigos que a vida@me dá🙏😘😍
  • A @clau_music fez questão de divulgar seu mais recente videoclipe, feito para a música Pouca Pausa, para os seguidores de #OFuxico. Confira!
  • Ainda na noite da última quarta-feira (13), @danielsaboya agitou o YouTube Space, no Rio de Janeiro, comemorando, entre outras coisas, seus dez milhões de inscritos, no YouTube, sendo dono do maior canal de dança do mundo. Confira um pouco do que aconteceu, no evento!
  • Nossa deliciosa tarde de festinha junina... clima gostoso na redação.
  • @ararocha20 trouxe complemento gostoso para nosso  Almocinho festa junina na redação...
  • Almocinho festa junina na redação...
  • @joaoguilherme divulga música inédita e manda recado ao OFuxico!!!

OFuxico