Imprimir

Notícias

21/05/2018 | 19h30m - Publicado por: Bárbara Contiero | Foto: Reprodução/ Youtube

Filha de Whitney Houston queria vê-la morta, diz documentário

Bobbi Kristina Brown morreu três anos depois a mãe

Filha de Whitney Houston queria vê-la morta, diz documentário - Reprodução/ Youtube
  • Amei0
  • Curti0
  • Feliz0
  • Triste0
  • Nervoso0
  • Surpreso0

O documentário Whitney, contando a vida de Whitney Houston não estreou, mas continua dando o que falar. Durante sua estreia no festival de Cannes, na quarta-feira, foi divulgado que a cantora teria sido molestada quando criança pela prima Dee Dee Warwick, agora a polêmica gira em relação a filha, Bobbi Kristina Brown e o aparente desejo da moça por matar a mãe, fazendo parecer acidente.

Segundo o Daily Mail, Bobbi queria matar a mãe, fazendo parecer acidente para nenhuma culpa cair sobre ela, mas os problemas da garota iam muito além da mãe, chegando inclusive a tentar se matar com Whitney ainda em vida. Bobbi Kristina teria cortado os pulsos com intenções suicidas duas vezes, de acordo com o polêmico namorado da garota, Nick Gordon.

Whitney sofreu com as polêmicas e abusos durante toda sua carreira, além de boa parte da vida. Tendo sido molestada quando criança pela prima Dee Dee Warwick, agredida diversas vezes pelo rapper Bobby Brown, com quem teve a filha Bobbi Kristina. A perseguição midiática a cantora continuou até seus últimos momentos. Houston foi encontrada morta pela assistente, Mary Jones.

De acordo com a jornalista Amy Kaufman, do Los Angeles Times, no documentário Mary Jones falou do momento em que encontrou Whitney morta. A assistente teria ido comprar cupcakes, a pedido da cantora e quando voltou, 30 minutos depois, Houston estava virada com a cabeça para baixo na banheira, sem vida. Tudo isso após falar sobre espiritualismo para o guarda-costas e sugerir que Mary Jones se acertasse com Jesus.

Outro tema recorrente nas notícias sobre Whitney Houston era a bissexualidade, isso foi tratado no documentário mostrando que a cantora não via a possibilidade de conseguir manter um relacionamento estável com a parceira Robyn Crawford, devido aos traumas de infância e questões envolvendo sua imagem pública. Os abusos sofridos durante seu relacionamento com Bobby Brown são mencionados durante o filme, mas o rapper aparece pouco.

Bobbi Kristina cresceu vendo a mãe se drogar e cantar, já que a pequena acompanhava a mãe durante turnês e viagens de trabalho. De acordo com a assistente de Whitney, ela só agia assim para proteger a filha e que recusava deixar a menina em casa sozinha, por conta do trauma causado pelo abuso sexual.

Bobbi Kristina Brown não teve um destino diferente da mãe, ela morreu aos 22 anos em julho de 2015, após ficar em coma por seis meses. Os legistas disseram que foi por afogamento e abuso de remédios prescritos.

Confira o trailer







Instagram

Instagram

  • Quem aqui assistiu? #LuaBlanco levou nota 0 do público, após erro técnico no #PopStar, da #TV Globo. Imediamente, o assunto virou meme na internet. 
Saiba tudo no #OFuxico
Foto: Divulgação/TV Globo
  • Em #AFazenda: E parece que a paz está bem longe da sede. Nesta madrugada, Nadja e Gabi Prado tiveram uma briga feia.  Saiba tudo no #OFuxico
Foto: Divulgação/Record TV
  • @anitta comandou show das Poderosinhas em SP e levantou uma multidão com seus hits.
Manuela Scarpa/Brazil News
  • Nos próximos capítulos de #SegundoSol, a megera Laureta perderá toda a sua fortuna
Foto: Divulgação/TV Globo
  • Entre no #OFuxico e confira oito makes de @tatafersoza que fizeram sucesso na web 
Foto: Reprodução/Instagram
  • #GabiPrado vem causando a maior revolta em #AFazenda, da #RecordTV. A peoa arranjou uma briga feia com #RafaelIlha e parece que o clima não tem previsão de melhora entre os dois.  Neste sábado, eles brigaram de novo e Rafael afirmou: 
  • #AlexandreNero curtiu circo ao lado da mulher, #Karen,  e do filho mais velho, #Noá! Que fofura
Foto: AgNews

OFuxico