Notícias

17/02/2011 | 12h01m - Publicado por: Marina Forte | Foto: Reprodução

Instituto em memória de Clodovil está em fase de implantação

Com o apoio da primeira dama do Estado, Mauricio Petiz lança um espaço em homenagem ao parlamentar

Instituto em memória de Clodovil está em fase de implantação - Reprodução

Dois anos após a morte do artista, estilista e deputado Clodovil Hernandes (PR-SP) finalmente seu desejo anunciado em testamento, que prevê a criação da Fundação Isabel Hernandes, está prestes a se concretizar. Trata-se de uma homenagem que Clô quis fazer à mãe adotiva e que deverá criar as chamadas Casas Clô.

De acordo com Mauricio Petiz, que foi amigo e assessor do parlamentar devido ao fato de a Justiça entender que a Fundação só pode ser viabilizada com o final do inventário - que ainda deve demorar para ser finalizado -, ele resolveu criar o Insituto Clodovil Hernandes, que terá sede na capital paulista.

“Como nosso País não tem memória, consultei uma equipe jurídica, que me orientou a criar o insitituto. Então, me uni a amigos e ex-funcionários do Clodovil para darmos a largada. No final do ano passado, consegui a papelada necessária e, esta semana, definirei a instalação. Só então buscarei parcerias que possam nos ajudar a transformar, posteriormente, o Intituto em Fundação, como sonhava o Clodovil”, explicou.

Em um imóvel, ainda não definido, localizado na capital paulista, Petiz pretende seguir o exemplo do Memorial JK, localizado em Brasília, e reunir objetos pessoais de Clô, aquarelas pintadas por ele e reportagens que narram sua trajetória. Com a ajuda de uma arquiteta, ele reproduzirá um estúdio de tevê, que contará ainda com fotos e imagens, que retratam sua trajetória no vídeo. Em outro espaço, ele reunirá o acervo de moda, com vestidos, croquis e muitas fotos. E, em um terceiro, haverá uma reprodução fiel do gabinete do parlamentar, em Brasília.

“Estou contando muito com a ajuda da doutora Maria Hebe [Pereira de Queiroz, inventariante dos bens de Clodovil] para concretizar esse projeto.Como os móveis do gabinete são de propridade do espólio, ela fez petição para eu usar em exposição e o juiz liberou com o intuito de preservar a memória do parlamentar. Ela não faz parte do insituto diretamente, pois está imbuída da criação da Fundação, mas tem procurado nos ajudar. Tudo está sendo feito com a conivência dela. Dividir num momento como esse só vai fracionar a memória. Prefiro agregar”, comenta Maurício.

Na tarde de terça-feira (15), aliás, Petiz foi recebido no Palácio dos Bandeirantes, pela primeira dama do Estado de São Paulo, Lu Alckmin, presidente do Fundo Social de Solidariedade, que também prometeu apoiar o projeto.

“Quando ela anunciou a implantação de uma escola de moda em parceria com entidades assistenciais, secretarias estaduais e prefeituras para ajudar as comunidades carentes percebi que  poderíamos unir forças. Afinal, Clodovil – assim como Denner – foram os precursores da moda no Brasil. Em março, vamos nos encontrar novamente para disponibilizar o acervo dele para ser apresentado das aulas criadas pela equipe dela”, adianta Petiz.

Ainda segundo o assessor, o Instituto contará com ações culturais para a  integração de adolescentee carentes. Com o apoio de profissionais de diversas áreas, Petiz pretende lançar oficinas de moda, beleza, culinária, desenho e uma série de atividades que prometem preparar adolescentes carentes para o mercado de trabalho e para a vida.

“Eu estava triste em ver que esse projeto não saíria do papel. Há dois anos, luto para que o talento do Clodovil não caia no esquecimento. Como ele, tantas outros talentos foram esquecidas, ainda em vida, em deterimento às bundas, aos BBBs da vida, que tomam espaço dessas pessoas. Nada contra eles... Mas deveríamos dar espaço principalmente aos grandes talentos. Fiquei chocado ao saber que a Lei Renault investiu na história de uma prostituta. Ainda se fosse para contar a história de uma Dona Beija, que recebia políticos e guardava segredos da nossa história, tudo bem. Mas trata-se de uma menina que poderia ter trilhado outro caminho... Porém, esse tipo de filme o Ministério Brasilieiro apóia e não o roteiro sobre a tajetória do precursor da moda no Brasil", desabafa Maurício, que além de uma produção cinematográfica, ainda pretende lançar uma biogarfia e um espetáculo teatral sobre a trajetória do polêmio Clodovil Hernandes.

 

BBB 11: A mais completa cobertura do Big Brother Brasil e tudo sobre famosos você encontra em O Fuxico!

Instagram

Instagram

  • Nesta sexta-feira (25), o cantor @micael lançou o clipe da música Sem Ela Não Dá, e aproveitou a divulgação do trabalho para agradecer o carinho dos seguidores do #OFuxico. Veja!
  • @joaoboscoevinicius fizeram questão de convidar os seguidores de #OFuxico para conferir sua mais nova música de trabalho, Super Homem Chora. Confira!
  • @xandaviao e @wesleysafadao fizeram questão de convidar os leitores de #OFuxico para conferir sua primeira parceria, feita para o hit Eu e a Torcida do Brasil, lançado nesta sexta-feira (25). Confira!
  • Princesa Charlotte demonstrou todo seu espírito de liderança durante o casamento real, ao dar uma 'bronca' em uma das daminhas de honra que queria entrar antes da hora certa. Quer saber mais? Leia em OFuxico! (📷: @kensingtonroyal)
  • Gleici Damasceno, campeã do BBB18, apareceu de visual novo. O que acharam? 😍 (📷: Reprodução / Instagram)
  • Uma das convidadas do casamento de Príncipe Harry e Meghan Markle leiloou a bolsa que ganhou de lembrança por participar da cerimônia e conseguiu cerca de R$ 116 mil pela venda. Saiba mais em OFuxico! (📷: Reprodução)
  • Quer saber tudo sobre o casamento de MC Guimê e Lexa? Venha conferir em OFuxico! (📷: Manuela Scarpa / Brazil News)

OFuxico