Notícias

29/05/2006 | 14h55m - Publicado por: Carlos Ramos | Foto: Reprodução / Fotomontagem

José Wilker: 'Glória Perez é uma mulher de sorte'

José Wilker: 'Glória Perez é uma mulher de sorte' - Reprodução / Fotomontagem

José Wilker e Glória Perez têm uma relação de amizade e profissional antiga. E os dois voltam a se encontrar na minissérie Amazônia, de Galvez a Chico Mendes, na qual ele viverá o personagem Luiz Galvez Rodrigues de Arias, figura importante em toda a história que envolveu a conquista do Acre pelo Brasil, no século XIX.

Aliás, tema que voltou à mesa da discussão política internacional quando, recentemente, o presidente boliviano Evo Morales disse que o Brasil conquistou o Acre da Bolívia, em troca de um cavalo.

“A Glória é uma mulher de sorte. Ultimamente, toda vez que vai escrever alguma coisa, o tema gera polêmica internacional. Foi assim com O Clone, por causa daquela maluquice dos ataques terroristas que acontecerem nos Estados Unidos".

"A mesma coisa se deu em América. E olha a batata quente que o Bush está, com o problema dos ilegais que já estão lá ou tentam chegar na América do Norte, pela divisa do México! E agora essa história da Bolívia, no momento em que a Glória escreve sobre o Acre. Acho até que ela contratou o Evo Morales para divulgar sua minissérie antes da hora”, diverte-se José Wilker.

Profissionalmente, Wilker e Glória se encontraram em 1987, quando ele era diretor geral de dramaturgia da extinta Manchete.

“Eu levei a Glória pra lá, para escrever a novela Carmem, e acabei fazendo uma participação também como ator”, recorda.

O tempo passou, Glória retornou para a emissora líder, onde se tornou uma campeã de audiência, e Wilker trilhou o mesmo caminho, passando a atuar na Globo. E são tantos os trabalhos realizados que ele, num papo rápido e descontraído com OFuxico, revela não contabilizar o número de novelas, minisséries e especiais, nem mesmo tem certeza de todos os autores de quem já representou algum papel na telinha.

“É verdade. Não sei quantos trabalhos fiz nem de quem foram. Por isso, acho que nunca mais voltei a trabalhar com a Glória Perez. A única certeza é de que, ultimamente, estão me solicitando para papéis históricos, como recentemente na minissérie JK, da Maria Adelaide Amaral, na qual fiz o ex-presidente. Mas, esse trabalho acabou praticamente ontem. Por isso é que me lembro".

"Agora, vou ter tempo de me dedicar ao Galvez, à Glória, porque as gravações só começam no segundo semestre”, conta um sorridente e irriquieto Wilker, relevando que, às vezes, vai a um lugar, se despede das pessoas, mas tem que sair e voltar várias vezes, porque sua mulher, Guilhermina Guinle, sempre encontra alguém com quem engata um novo assunto.

Glória Perez resume Galvez

Glória Perez aproveita para corrigir o que chama de loucura, que tem saído publicado a respeito do personagem que Wilker fará em sua minissérie.        

“Li na sexta-feira, dia 26, em um jornal, que o Galvez era boliviano. Não é nada disso. O Galvez é um aventureiro espanhol que foi para o Acre e, com apoio dos seringalistas, decretou o Estado Independente do Acre”, corrige a autora, que está pra lá de feliz por contar com José Wilker – o Zé, como ela fala – no elenco de Amazônia.

Imperador do Acre

Apesar de ter sido escrito no gênero novela folhetinesca, o livro do escritor amazonense Márcio de Souza, intitulado Galvez, Imperador do Acre (que já virou peça teatral) conta de forma divertida quem foi Luiz Galvez Rodrigues de Arias, nascido em Cádiz, na Andaluzia, Espanha, e que, no início do século XIX, fundou, no norte do Reino do Brasil, o efêmero império do Acre, segundo o autor.
.
“Um aventureiro espanhol, Luiz Galvez aparece em Belém e consegue emprego como redator no jornal A Província do Pará. Logo se envolve com o cônsul da Bolívia, e acaba revelando os planos de alguns homens de negócios dos Estados Unidos, que desejavam ocupar um vasto e rico território ainda pouco conhecido, perdido entre as fronteiras do Brasil, Bolívia e Peru.

O escândalo obriga Galvez a fugir da cidade, embarcando clandestino num navio de missionários católicos. Daí em diante, não terá sossego e enfrentará índios canibais, comandará um exército de poetas e bêbados, amará muitas mulheres fascinantes e, por fim, será coroado Imperador do Acre , o reino tropical encravado nos confins da selva amazônica, onde será o supremo mandatário por escassos e alucinados meses”, conforme descreve o site www.jayrus.art.br

Instagram

Instagram

  • @aldairplayboy também colocou todo mundo para dançar, durante sua incrível apresentação, no evento no CTN, em São Paulo, que também contou com a participação de Devinho Novaes
  • @xandaviao agitou a madrugada deste sábado (18), com um super show no Centro de Tradições Nordestinas, em São Paulo. Na ocasião, ele interpretou sucessos de todas as fases do Aviões do Forró
  • @RenatoAragão fala da emoção de estar mais uma vez no #CriançaEsperanca, uma ideia que ele teve há mais de três décadas
  • @RenatoAragão fala da emoção de estar mais uma vez no #CriançaEsperanca, uma ideia que ele teve há mais de três décadas
  • Olha só o recadinho que a dupla #Sandro&Gustavo mandou para os leitores de OFuxico!
  • @projota fez questão de convidar os seguidores de #OFuxico para conferir sua mais nova música de trabalho, Sr. Presidente, que já conta até com videoclipe. Confira mais!
  • Confira suposta lista de participantes de #AFazenda! Quem você gostaria que estivesse na nova edição do programa?
📷: Divulgação/Record TV

OFuxico