Imprimir

Notícias

07/11/2017 | 15h36m - Publicado por: Luigi Civalli | Foto: Reprodução/Instagram

Madonna e Bono Vox estão envolvidos em escândalo fiscal

Rainha Elizabeth II também está na lista com mais de 127 nomes

Madonna e Bono Vox estão envolvidos em escândalo fiscal - Reprodução/Instagram
  • Amei0
  • Curti0
  • Feliz0
  • Triste0
  • Nervoso0
  • Surpreso0

No último domingo (5), a imprensa internacional noticiou uma bomba que deixou todo mundo surpreso. Nomes como o da Rainha da Inglaterra, Elizabeth II, o líder do grupo U2, Bono Vox, e a cantora Madonna estão entre os 127 personalidades internacionais ligadas a empresas em paraísos fiscais em um novo escândalo, batizado como Paradise Papers.

A investigação foi feita pelo Consórcio Internacional de Jornalismo de Investigação (ICIJ, na sigla em inglês), composto por 382 jornalistas de quase 100 veículos, que analisaram mais de 13 milhões de documentos de paraísos fiscais e que abrangem um período de 70 anos, de 1950 a 2016.

Os documentos investigados são de duas empresas, Appleby e Asiaciti Trust, e foram mostrados ao jornal alemão Süddeutsche Zeitung, procedentes de 19 países que estão na lista de paraísos fiscais da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE): Antígua e Barbuda, Aruba, Bahamas, Barbados, Bermuda, Caimán, Ilhas Cook, Dominica, Granada, Labuan, Líbano, Malta, Ilhas Marshall, São Cristóvão e Nevis, Santa Lúcia, São Vicente, Samoa, Trinidad e Tobago e Vanuatu.

Entre as celebridades citadas nos documentos, segundo o ICIJ, estão a rainha Elizabeth II, o secretário de Comércio dos Estados Unidos, Wilbur Ross, o ex-chanceler alemão Gerhard Schröder, o presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, e um importante aliado do primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau.

Segundo dados divulgados pelo ICIJ, a rainha Elizabeth II tem uma “receita privada que provém, principalmente de Lancaster, que investiu US$ 7,5 milhões na empresa Dover Street VI Cayman Fund LP em 2005”.

O ducado de Lancaster recebeu em 2008 cerca de US$ 360 mil desse investimento, recursos que foram parar em uma empresa de desenvolvimento de tecnologia de impressões digitais para telefones celulares, em farmacêuticas e em companhias de alta tecnologia.

Também estão na lista revelada agora a cantora americana Madonna, acionista de uma “companhia de suprimentos médicos em Bermudas”, registrada em 1997 e dissolvida em 2013, e o líder da banda irlandesa U2, Bono, acionista de uma empresa registrada em Malta, proprietária de um shopping na Lituânia.

De acordo com os veículos que fizeram parte da investigação, os Paradise Papers são o maior vazamento de documentos de paraísos fiscais da história, ainda mais relevantes do que os Panama Papers.







Instagram

Instagram

  • A @clau_music fez questão de divulgar seu mais recente videoclipe, feito para a música Pouca Pausa, para os seguidores de #OFuxico. Confira!
  • Ainda na noite da última quarta-feira (13), @danielsaboya agitou o YouTube Space, no Rio de Janeiro, comemorando, entre outras coisas, seus dez milhões de inscritos, no YouTube, sendo dono do maior canal de dança do mundo. Confira um pouco do que aconteceu, no evento!
  • Nossa deliciosa tarde de festinha junina... clima gostoso na redação.
  • @ararocha20 trouxe complemento gostoso para nosso  Almocinho festa junina na redação...
  • Almocinho festa junina na redação...
  • @joaoguilherme divulga música inédita e manda recado ao OFuxico!!!
  • A @gilancellotti curtiu bastante a viagem que fez ao México e mostrou que está em ótima forma. Veja! http://www.ofuxico.com.br/noticias-sobre-famosos/de-biquini-giovanna-lancelotti-mostra-boa-forma-no-mexico/2018/06/03-321805.html

OFuxico