Saiba tudo sobre a novela Em Família - História | Ofuxico


OFuxico - saiba tudo sobre as Celebridades e os Famosos

Envie por Email

» sair

Por: Flávia Almeida | Foto: Divulgação/TV Globo | 28/01/2014 14:35:20

Saiba tudo sobre a novela Em Família - História

Nova novela das 21h00

Saiba tudo sobre a novela Em Família - História - Divulgação/TV Globo

Em Família, por Manoel Carlos

“Gosto de contar histórias que sejam verossímeis, sem me preocupar se são ou não reais. Obviamente, tudo que se conta na ficção foi vivido por alguém, ainda que esse alguém não seja a pessoa que conta. Para mim, é gratificante quando alguém me diz que viu a novela e reconheceu a fala de um personagem como a de um parente ou de um amigo. Talvez por isso o público tenha criado uma identificação com a minha ficção. Ele sente que já viveu aquela história. Em algum lugar. Em alguma época. É assim que eu sei fazer. Assim foram todas as minhas novelas. Assim é também Em Família”.

Helena

Saiba tudo sobre a novela Em Família - História“Pela última vez eu pretendo escrever uma novela com a personagem Helena como eixo fundamental. Das onze novelas que escrevi (Em Família é a 12ª), nove tiveram Helena como protagonista. A característica principal dessa personagem é a normalidade, a imperfeição humana. Ama, odeia, erra, mente, engana e é sempre capaz tanto de perdoar como de se vingar. Pertence à classe média e é mediana em tudo.

Helena fecha um ciclo nascido por acaso em 1981, com Baila Comigo. Já anunciei esse encerramento outras vezes, mas agora cheguei aos 80
anos e prefiro parar enquanto me julgo capaz de encarar essa empreitada. Mas, que fique claro: parar de escrever, nunca!

A Helena (Julia Lemmertz) de Em Família segue a trajetória de uma mulher que foi e ainda é apaixonada por um homem. Nesse caso, o primo Laerte (Gabriel Braga Nunes). Escolhi a Julia como uma forma de homenagear e fechar esse ciclo que comecei com a mãe dela, Lílian Lemmertz”.

Onde nasce o amor

“Essa relação entre primos foi sempre muito comum. E é recorrente em minhas novelas. Talvez até por eu mesmo ter vivido um amor de adolescente com uma prima inesquecível. A novela, como o nome diz, reúne um grupo familiar: Itamar (Nelson Baskerville) e Ramiro (Oscar Magrini), irmãos que se casam com as irmãs Chica (Natália do Vale) e Selma (Ana Beatriz Nogueira). Laerte, filho único de Itamar e Selma, e Helena, uma dos três filhos de Ramiro e Chica, nascem e crescem juntos, quase sob o mesmo teto.

Na outra ponta, formando o triângulo, temos Virgílio (Humberto Martins), um homem apaixonado desde sempre por Helena, a Leninha, como é chamada pela família. Ele será marcado por uma tragédia, que unirá para sempre a sua vida à vida dos outros dois.

O público terá uma constante sensação de sentimentos sendo criados e destruídos, encontros e desencontros dos personagens e as histórias dessas vidas e dessas famílias”.

A vida em família

“Existe uma fala da Chica (Natália do Vale) sobre a irmã Juliana (Vanessa Gerbelli) que representa bem a personagem: ‘A minha irmã se casou para ter um filho. E o marido se casou para ter uma companhia’. Essa é a história dela, uma busca desenfreada por um filho, uma vontade de sentir um amor incondicional, ainda que a faça negligenciar seu casamento. O ideal entre as pessoas é que haja equilíbrio emocional, mas isso não acontece com ela.

Do outro lado, vemos Chica (Natália do Vale), que nunca foi feliz ao lado do marido Ramiro (Oscar Magrini), mas ficou casada por causa dos filhos Helena (Julia Lemmertz), Clara (Giovanna Antonelli) e Felipe (Thiago Mendonça). Quem não conhece alguém assim? Ou então como a Selma (Ana Beatriz Nogueira), que devotou a vida à felicidade do filho único. Em detrimento do marido Itamar (Nelson Baskerville)? E que pela força de uma tragédia romperá seu laço de amor e amizade mais profundo, entre ela e a irmã Chica?

A família que antes era tão unida se partirá. Helena e Chica se mudam para o Rio de Janeiro, Laerte vai morar fora do Brasil e Selma fica em Goiânia”.

Inveja, seu nome é Shirley

“Shirley (Vivianne Pasmanter), pela sua personalidade, é a personagem que mais se aproxima do conceito clássico de vilã. Ela sente uma inveja imensa do amor que Laerte devota à Helena. É infeliz porque quer, não faz nada para mudar e ainda fica de olho grande na felicidade alheia”.

Felicidade

A busca pela felicidade é uma das grandes questões da vida.  E a razão da felicidade de Helena não está nela, mas nos outros, mais precisamente, na família.

Um amor de via única

“Ricardo (Herson Capri) e Branca (Ângela Vieira) tem um relacionamento unilateral. Ela ainda o ama, mas para ele o casamento já acabou. Por isso, ele sairá de casa para viver um romance com Chica (Natália do Vale), já então viúva. Branca não vai aceitar assim fácil, sem  enlouquecer um pouco, sem fazer todo tipo de ameaça para prendê-lo à ela”.

A ciranda de Clara

“A relação entre Clara (Giovanna Antonelli), Cadu (Reynaldo Gianecchini) e o filho deles Ivan (Vitor Figueiredo) é boa e cheia de amor. Eles passam por um momento difícil no casamento, com ele desempregado, mas isso não significa que ela seja infeliz. Clara é realizada como 'mulherzinha', como ela nomeia a si mesma e às mulheres que se dedicam à família com prazer, cuidando dos deveres domésticos. Ainda assim, ela se encantará pela personalidade livre de Marina (Tainá Müller). É uma forte e bonita história de amor entre duas mulheres”.

Entre muitos amores

“Depois da tragédia que separa Laerte de Helena, ele é mandado para fora do Brasil para estudar música. Forma-se e em pouco tempo é considerado um virtuoso flautista. Vinte anos depois, volta ao Brasil, atendendo a um apelo do pai, que está doente, em companhia de Verônica (Helena Ranaldi), maestrina e pianista que o acompanha como parceira e amante eventual. Ao chegar em Goiânia, ele finalmente conhece seu filho Laerte Jr (Ronny Kriwat), apelidado de Leto, que ele teve após uma noite com Shirley (Vivianne Pasmanter).

Verônica aceita o filho, a paixão por Helena, tudo. Ela foi aluna de Laerte fora do Brasil, e é apaixonada por ele. Concorda com um papel secundário na vida dele, sofre algumas humilhações, mas não consegue libertar-se do amor que sente. Ela vai ser trocada algumas vezes, mas vai suportar tudo em nome desse amor”.

Problemas do cotidiano

“O alcoolismo é um tema com o qual sempre me preocupei. Felipe (Thiago Mendonça) será um jovem alcoólatra e poderemos ver como isso desestrutura uma família.

Outro personagem que deverá despertar muito interesse é o Benjamim (Paulo José), um personagem que sofrerá de Parkinson. Ele fará uma pessoa que tem a doença, mas luta para sair dela. O Benjamim não quer ser paparicado e também gostaria de ajudar outros idosos, vítimas da mesma enfermidade”.




Avalie esta Matéria


Tudo sobre o mundo dos famosos, novelas, festas e TV, você encontra em O Fuxico!



Publicidade



Publicidade

+ Relacionadas

+ Notícias



Acesso Rápido


Think4

É proibido o uso ou publicação deste conteúdo sem a devida autorização. Os infratores ficarão sujeitos às penas previstas por lei.
Ofuxico não envia mensagens de e-mail sobre promoções, notícias e novidades.
Ofuxico explora este site e, em particular, oferece e disponibiliza os conteúdos aos usuários visitantes do site em seu nome e por sua conta.
2000-2013 OFuxico - Todos os direitos reservados