Notícias

04/03/2015 | 14h44m - Publicado por: O Fuxico | Foto: Divulgação

Saiba tudo sobre a novela Sete Vidas, da Globo - Cenografia

A nova novela das 18h00

Saiba tudo sobre a novela Sete Vidas, da Globo - Cenografia - Divulgação

O desafio da equipe de cenografia e de produção de arte de Sete Vidas comandada pelos cenógrafos Erika Lovisi e Gilson Santos, é imprimir a vivência do dia a dia dos personagens em todos os cenários da novela.

A casa em que Lígia (Debora Bloch) mora enquanto namora Miguel (Domingos Montagner) fica em uma vila de casas antigas, e cada espaço conta com objetos que marcam a personalidade dela, como lembranças de viagens. Já Irene (Malu Galli) vive em um apartamento bem funcional, pois é uma publicitária de sucesso e tem uma vida muito corrida.

Na paleta de cores dos cenários não predominam tons fortes. A maior parte da trama se passa na zona sul do Rio, em bairros como Botafogo e Urca. A cidade cenográfica retrata as paisagens desses bairros, mas sem elementos que definam quais são exatamente. É um ambiente de circulação dos personagens. A ONG de Miguel (Domingos Montagner) e o bufê de Marta (Gisele Fróes) foram criados na cidade cenográfica, mas a maior parte das locações são externas. As fachadas das casas da maioria dos personagens e algumas locações, como a agência de publicidade em que Irene trabalha e a redação de jornal de Lígia, foram criadas em ambientes reais. 

Um cenário que estará muito presente na trama é a casa de Vicente (Angelo Antonio) e Pedro (Jayme Matarazzo), uma construção da década de 50 que fica em um bairro da zona norte do Rio. É para onde Lígia se muda depois que se casa com Vicente. O ambiente ganha mais vida com a chegada de Lígia e do bebê Joaquim. Além disso, Vicente trabalha em um estúdio de som montado em casa.

Para a produção de arte, dar vivência aos ambientes significa colocar elementos usados no dia a dia e retratar hábitos comuns. Por exemplo, o saco de pão na mesa de café da manhã, o copo de requeijão e o copo de suco com gelo, para parecer ‘suado’ em cena. As contas a pagar são de verdade e não papéis reproduzidos. De acordo com a produtora de arte, Isabela Sá, esses são artifícios ainda pouco usados nas novelas. A casa de Marta (Gisele Fróes) tem muitos objetos clássicos, como porcelanas, cristais e serviços de prata.

Na ONG de Miguel, a Terra Nova, os móveis são reciclados, o carregador de celular funciona por energia solar e os lápis são feitos com jornal e não madeira. 

Saiba tudo sobre a novela Sete Vidas, da Globo - Cenografia

Instagram

Instagram

  • @guguliberato manda o recado!!! Todo mundo ligado no @powercouplebrasil , na próxima terça-feira, na @recordtvoficial Video do reporter Luigi Civalli
  • @guguliberato fala sobre sua participação no comando do @powercouplebrasil #recordtv  Video do reporter Luigi Civalli
  • @guguliberato fala sobre sua participação no comando do @powercouplebrasil #recordtv  Video do reporter Luigi Civalli
  • @guguliberato fala sobre sua participação no comando do @powercouplebrasil #recordtv  Video do reporter Luigi Civalli
  • @guguliberato fala sobre sua participação no comando do @powercouplebrasil #recordtv  Video do reporter Luigi Civalli
  • @guguliberato fala sobre sua participação no comando do @powercouplebrasil #recordtv  Video do reporter Luigi Civalli
  • Comheça os ambientes do #powercouplebrasil.  @guguliberato @powercouplebrasil #recordtv  Video do reporter Luigi Civalli

OFuxico