Notícias

16/08/2012 | 08h51m - Publicado por: Felipe Carvalho | Foto: Ag.News

Theodoro Cochrane estreia espetáculo em São Paulo

Marília Gabriela ficou orgulhosa do trabalho do ator em Chá com Limão

Theodoro Cochrane estreia espetáculo em São Paulo - Ag.News Abrir Galeria

 

Marília Gabriela ficou muito feliz em ver seu filho Theodoro Cochrane no espetáculo Chá com Limão que fez sua estreia para convidados na noite desta quarta-feira (15), no Teatro Geo, na zona oeste de São Paulo. O espetáculo, que conta também com Angela Dip, Gorete Milagres e grande elenco, tem a direção de Alexandre Reinecke e trata-se de uma superssátira que conta a história dos bastidores de uma produção teatral bem 'sem vergonha'.

A jornalista acompanhou de pertinho todo o trabalho de seu filho que vive Dominique, um ator extremamente inseguro, e disse que está muito orgulhosa do desempenho dele.

"Meu filho está aprovado no nascimento! Isso não é pergunta que se faça para mãe! Meu filho está muito bem, ele fez dois trabalhos maravilhosos, o cenário e a sua atuação. A peça é muito divertida e esse é o tipo de espetáculo que com o tempo só fica melhor e melhor. É muito engraçado, gostei muito."

Ela, que sempre atuou como apresentadora e jornalista, contou que começou sua carreira de atriz incentivada por Theodoro que despertou interesse pelas artes cênicas bem antes.

"Eu vim depois dele, porque morri de inveja. Theodoro sempre foi atrás disso, desde a adolescência. E depois que eu fui atrás. Foi ele mesmo que escolheu [esta profissão]."

Já o ator explicou que entrou no espetáculo após um convite do diretor, com quem já tinha trabalhado na peça Amores, Perdas e Meus Vestidos, que tinham como estrelas Taís Araújo, Arlete Salles e Carolina Ferraz. Theodoro lembrou a Reinecke que, além de cenógrafo e figurinista, também era ator e comentou que não o chamavam mais para fazer peças de teatro.

"Ele me chamou e disse que tinha uma peça de comédia, achava que eu iria bem... Era um papel que não era protagonista e daria tempo de eu trabalhar no cenário também. Eu topei e estou aqui atuando e fazendo o cenário. É um processo meio esquizofrênico porque você está encenando e, no meio da história, você olha para o cenário e pensa 'nossa, falta um prego aqui', 'isso está caindo' ou 'isso não está funcionando'. Adorei este texto que fala de uma linguagem mais metalingüística, de um fazer teatral. A gente se identifica muito porque os erros mais engraçados, que vemos nos outros, a gente coloca no palco. A gente mostra as piores partes de quem está fazendo errado no palco."

Angela Dip vive a diretora da peça de teatro. Clara é uma mulher muito paciente, porém, confusa e mal consegue se comunicar e expressar suas ideias para os atores e os técnicos. A atriz explicou que sua personagem surgiu reparando no trabalho de seu próprio diretor.

"Eu fiquei olhando como o Ale(xandre Reinecke) se sentia. Acontece isso porque o ator vai para um lado completamente diferente que você não gosta e neste caso é um ator que você não pode criticar porque é filho do produtor. Essa é a grande graça desta diretora que tem de aguentar um péssimo ator. Ela tem vários problemas e tem de estrear, né! Já fui diretora. Eu nunca passei tanto por isso, de aguentar tudo isso, trabalhei com ótimos elencos, mas a gente sabe que acontece. Já vi filmes da Broadway e outros espetáculos que contam os bastidores. Adoro o making of e sempre acho muito engraçado."

Marisa Orth, que é amiga pessoal de Angela Dip, também foi acompanhar de perto o trabalho de vários outros amigos que estão no elenco, incluindo Theodoro.

"A Gorete [Milagres] é minha amiga, a Ângela Dip é minha amiga há muito tempo. O Theodoro gosto muito dele também, somos amigos. Paulo Ivo é da minha geração, conheço ele há muito tempo. Só o menino (principal) não conhecia, mas achei ele muito bom ator. Esse espetáculo é uma supercomédia, todo mundo morre de rir. Só tem bom ator no palco, o figurino é lindo, o cenário é uma graça. Supersimples e superengraçada."

Zezé Polessa, Mara Carvalho, Íris Stefanelli e Leopoldo Pacheco também conferiram a estreia do espetáculo.

Serviço:

Chá com Limão

Teatro Geo

Rua Coropés, 88 - Pinheiros - São Paulo / Fone: (11) 3728-4925

Estreia dia 17 de agosto e vai até 30 de setembro

Sextas às 21h30, sábados às 21h e domingos às 19h

Ingresso: de R$ 60,00 a R$ 70,00

Theodoro Cochrane estreia espetáculo em São Paulo

Theodoro Cochrane estreia espetáculo em São Paulo

 

Theodoro Cochrane faz peça baseada em Suzane von Richthofen
Marília Gabriela vai com o filho Theodoro ao show de Eric Clapton
Filho de Marília Gabriela grava sua primeira cena em Ti-ti-ti

Instagram

Instagram

  • Repost @estherrocha : Delícia de visita com direito a um@montão se brigadeiros deliciosos que adoçou a redação e o meu coração... Esses dois lindos são os idealizadores do @empoderadxsbr , um site lindo, bem feito e do bem que é o novo parceiro de @site_ofuxico . E eu só festejando os amigos que a vida@me dá🙏😘😍
  • A @clau_music fez questão de divulgar seu mais recente videoclipe, feito para a música Pouca Pausa, para os seguidores de #OFuxico. Confira!
  • Ainda na noite da última quarta-feira (13), @danielsaboya agitou o YouTube Space, no Rio de Janeiro, comemorando, entre outras coisas, seus dez milhões de inscritos, no YouTube, sendo dono do maior canal de dança do mundo. Confira um pouco do que aconteceu, no evento!
  • Nossa deliciosa tarde de festinha junina... clima gostoso na redação.
  • @ararocha20 trouxe complemento gostoso para nosso  Almocinho festa junina na redação...
  • Almocinho festa junina na redação...
  • @joaoguilherme divulga música inédita e manda recado ao OFuxico!!!

OFuxico