Notícias

12/02/2006 | 16h00m - Publicado por: Claudia Dias | Foto: Fotomontagem

Yes, nós temos nossos Brad Pitt e A-Jolie: Marcelo Antonny e Mônica Torres

Yes, nós temos nossos Brad Pitt e A-Jolie: Marcelo Antonny e Mônica Torres - Fotomontagem

Os atores americanos Angelina Jolie e Brad Pitt tiveram que assumir a sua relação, para que a bela pudesse iniciar o processo que tornará o galã pai adotivo das duas crianças que ela adotou.

Jolie, que é embaixadora do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados, está fortemente engajada em campanhas mundiais em prol dos desfavorecidos. Uma das atitudes mais bonitas da estrela foi a adoção do cambojano Maddox, de quatro anos. Depois foi além, adotando Zahara, uma criança negra da Etiópia, de quase um ano.

O casal, no entanto, já delcarou que não deve parar por aí. Após o nascimento do bebê biológico dos astros, outras adoções poderão ocorrer.

No Brasil, existe um casal com as mesmas características dos astros de Hollywood: Marcelo Antonny e  Mônica Torres. Ambos são famosos, belos e optaram pela adoção de crianças menos favorecidas e de raças adversas aos seus biotipos.

Marcelo e Mônica bem que tentam evitar comparações ao casal americano, porém elas são inevitáveis. A primeira integração à família dos atores globais foi Francisco, hoje com quase quatro anos. O menino chegou à casa de Anthony com nove meses. Ele foi escolhido pela mulher do ator, Mônica Torres, que já é mãe de Isabel, filha de seu casamento com José Wilker.

Mônica se apaixonou pelo pequeno, em uma visita a um orfanato. “Foi paixão à primeira vista”, disse Marcelo, na época.

No ano passado, o galã e sua mulher decidiram dar uma irmãzinha ao pequeno. A primeira tentativa, feita em agosto, foi frustrada, pois os pais biológicos voltaram atrás. Em outubro, eles conseguiram, enfim, adotar uma menina: Stephanie, de cinco anos.

O casal obteve a guarda definitiva da criança, através da Justiça de São Paulo, mas escondeu o caso até a sua solução definitiva. O sigilo por parte da adoção ocorreu devido ao fato de Antony e Mônica terem ficado desapontados com a perda da guarda da menina Clara, de um ano.

O amor incondicional de Marcelo e Mônica já rendeu muitos elogios ao casal. O mais importante deles veio do Juiz Siro Darlan, especialista em menores, que convidou o galã para uma palestra, no ano passado, na 1ª Vara da Infância e da Juventude.

"Marcello é uma pessoa muito querida. Estimular a adoção como ele está fazendo, é muito importante", disse o magistrado.

Outros exemplos de famosos que adotaram crianças

A exemplo de Marcelo e Mônica, outros artistas optaram pela adoção. Os cantores Ângela Maria, Elba Ramalho e Zeca Pagodinho e o humorista Juca Chaves, também aumentaram as famílias, com crianças adotadas.

A filha de Elba chegou à família com um mês de idade, há três anos, quando Luã, de seu casamento com Maurício Mattar, já estava com 15. “'Minha filha é um ato de amor. É a realização do meu amor para com uma pessoa, que não nasceu necessariamente do meu útero. Ou nasceu e eu estava em um sonho que não consigo lembrar. Tenho certeza de que ela nasceu de mim, foi só colocada no útero errado”, disse Elba, emocionada, na época.

 

Regras para a adoção

A Lei diz que podem se candidatar à adoção de crianças, pessoas maiores de 21 anos, que sejam, no mínimo, 16 anos mais velhas que os adotados.
• O adotado deve ter no máximo 18 anos.
• De 18 até 21 anos, o processo de adoção é intermediado pelas Varas de Família. A partir dos 21, a adoção pode ser feita diretamente em cartório, através Escritura de Adoção.
Em tese, qualquer um pode adotar uma criança, seja solteiro, desquitado ou casado, desde que tenha condições para tal e sua idoneidade seja reconhecida pela Justiça.

A Lei não diz que homossexuais podem adotar um bebê, mas também não proíbe, ou seja, a decisão de conseguir a guarda vai depender do juiz que esteja acompanhando o processo.

Como adotar

Quem quer adotar uma criança, deve encaminhar-se à Vara da Infância e Juventude mais próxima de sua casa, levando carteira de identidade e comprovante de residência, e preencher a ficha de Inscrição para Cadastro de Adoção. Depois de ser entrevistado por um assistente social e um psicólogo, deve encaminhar o restante da documentação exigida e, com a aprovação do juiz, é só aguardar.

O casal passa pelo Estágio de Convivência, que dura o tempo que o juiz achar conveniente para julgar o caso. Nesse estágio, a criança passa por um convívio com o casal, que é avaliado periodicamente por psicólogos e assistentes sociais, através de entrevistas, visitas domiciliares e pareceres técnicos. Se a experiência for bem-sucedida, a adoção é autorizada. A partir daí, a criança passa a ter todos os direitos de um filho legítimo.

As adoções internacionais seguem o mesmo processo. Porém, cada fase é intermediada pelo órgão competente do país estrangeiro. Em Minas Gerais, adoções desse tipo são encaminhadas para a Comissão Estadual Judiciária de Adoção (Ceja), que fica em Belo Horizonte. Nesses casos, o estágio de convivência para crianças de até dois anos, é de 15 dias; para maiores de dois anos, 30 dias.

Documentos requeridos

a. carteira de identidade e CPF;
b. certidão de casamento ou de nascimento - se for o caso;
c. comprovante de residência;
d. comprovante de renda;
e.
 atestado de sanidade física e mental;
f. declaração de idoneidade moral - apresentado por duas pessoas sem relação de parentesco com o(s) requerente(s).


 

 

Instagram

Instagram

  • Repost @estherrocha : Delícia de visita com direito a um@montão se brigadeiros deliciosos que adoçou a redação e o meu coração... Esses dois lindos são os idealizadores do @empoderadxsbr , um site lindo, bem feito e do bem que é o novo parceiro de @site_ofuxico . E eu só festejando os amigos que a vida@me dá🙏😘😍
  • A @clau_music fez questão de divulgar seu mais recente videoclipe, feito para a música Pouca Pausa, para os seguidores de #OFuxico. Confira!
  • Ainda na noite da última quarta-feira (13), @danielsaboya agitou o YouTube Space, no Rio de Janeiro, comemorando, entre outras coisas, seus dez milhões de inscritos, no YouTube, sendo dono do maior canal de dança do mundo. Confira um pouco do que aconteceu, no evento!
  • Nossa deliciosa tarde de festinha junina... clima gostoso na redação.
  • @ararocha20 trouxe complemento gostoso para nosso  Almocinho festa junina na redação...
  • Almocinho festa junina na redação...
  • @joaoguilherme divulga música inédita e manda recado ao OFuxico!!!

OFuxico