10/02/2021 | 17h57m - Publicado por: Flávia Ávila | Foto: Leo Franco/AgNews

Ex-BBB Kerline organiza jantar com Flay e outros famosos

O encontro aconteceu com direito a discussão divertida sobre o segundo paredão do programa

Ex-BBB Kerline organiza jantar com Flay e outros famosos - Leo Franco/AgNews

Kerline Cardoso, primeira eliminada do Big Brother Brasil 2021, convidou outros ex-BBBs e famosos para um jantar em badalado restaurante de São Paulo na noite dessa terça-feira (9), a fim de acompanhar ao vivo o resultado do segundo Paredão do reality da TV Globo, que terminou com a eliminação de Arcrebiano, com 64,89% dos votos.

Gui Napolitano, que teve um romance com Gabi Martins, e Flay, ambos do BBB20, posaram juntinhos com seus respectivos affairs. Flay, aliás, desfilou seus corpão em um vestido preto básico colado ao corpo e sem alças.

Munik Nunes, vencedora do BBB16, também aproveitou a noite com o pessoal usando um look todo preto, composto por uma calça e um body.

Gui Napolitano e sua namorada, Catherine Bascoy; Flay e o namorado, Pedro Maia Leonel

Stéfani Bays, que esteve no De Férias com o Ex (MTV) e em A Fazenda 12 (Record TV), não deixou de marcar presença, chamando atenção com uma calça branca, blazer azul bem claro e um sutiã rendado à mostra, inovando o conceito de uso das lingeries.

Mais clássica, a atriz Giovanna Chaves desfilou sua beleza com um lindo vestido longo na cor verde, exibindo uma das pernas com a fenda lateral do modelito. Para arremetar, um maxi cinto de tom mais amarelado, marcando a cintura.

O cantor Tierry, atual namorado de Gabi Martins, foi outra personalidade 

Munik Nunes, Stéfani Bays, Kerline Cardoso e Giovanna Chaves

Saiba tudo sobre o BBB21!

Kerline, Munik e Stéfani bem protegidas com as máscaras antes de se aprontarem para o jantar

Abrindo os olhos

 

Na última terça-feira (2), Kerline acabou sendo a primeira grande eliminada do BBB21, e já está se atualizando sobre os acontecimentos do reality show.

Já em público, ela enviou à imprensa seu primeiro pronunciamento oficial após sair do programa, desabafando suas primeiras impressões fora da casa.

“Estive confinada por uma semana na experiência mais intensa da minha vida, desde que entrei na casa embarquei num turbilhão de emoções fortes que nunca havia sido apresentada antes. O Big Brother Brasil é algo muito diferente de tudo que possamos imaginar. Acho importante agora o meu lado ser ouvido”, disse ela.

“O caos começou através de uma brincadeira super desagradável que o Lucas fez comigo, durante a festa, ele diversas vezes vinha me abordar perguntando com quem eu queria ficar. Eu só queria me divertir, estava conversando, dançando, cantando, enquanto toda hora voltava a mesma abordagem invasiva, tentei levar como brincadeira por conhecer o perfil brincalhão do Lucas e retruquei brincando para me esquivar da pergunta dele que eu não queria responder e já estava mais do que claro a partir das minhas negativas em todas as outras vezes anteriores que ele insistiu”, continuou ela.

“O Lucas não aguentou a brincadeira e levou para um lado assustador. Por causa da réplica de uma brincadeira, fui comparada a Stálin e Hitler, fui chamada de dissimulada e outros nomes assustadores, isso acabou com o meu psicológico”.

“Eu não entendia de forma alguma porque uma brincadeira despretensiosa acabou me entitulando por coisas tão pavorosas, tentei ir atrás dele para entender aquilo diversas vezes, muitas não foram vistas pelo público. Eu só queria mais amor no coração!”, completou Kerline.

BBB21: Karol e Acrebiano têm primeira ‘DR’ após beijo

Falando de Karol Conká

 

Para quem estava com dúvidas, a ex-sister falou de Karol Conká em seu pronunciamento, e afirmou que a grande briga com Lucas não interfere em sua opinião.

“Em paralelo a isso, enquanto a Karol tentava me botar para cima, por trás ficava zombando da minha tristeza e eu também não sabia. Fora isso, apesar dos meus atritos com o Lucas, vejo a tortura psicológica que ela destilou contra ele e com certeza se eu tivesse visto, teria me posicionado para tentar intervir, as cenas são realmente assustadoras e tenho certeza de que a maioria da casa que também NÃO viu isso, não compactuaria”, garantiu ela.

“Lá dentro todos tem uma imagem muito diferente da Karol, todos gostam e tem um certo medo dela, sim, medo é a palavra, pela maneira que ela se impõe sobre tudo. Ela fazia e falava a maioria das coisas enquanto estavam sozinhos ou com pouca gente ao redor, eu jamais abaixaria a cabeça diante de uma violência psicológica. Estou extremamente decepcionada com a Karol Conká, não queria ter visto tudo que vi aqui fora, foi um baque horrível”, afirmou.

“Tive muitas conversas com o Lucas que infelizmente não foram ao ar e vou precisar encarar isso, só preciso através desse posicionamento que todos saibam que não estou protegendo ninguém, muito pelo contrário, só hoje tive consciência do que de fato estava acontecendo. O Lucas botou toda a casa contra mim e nem por isso fiz absolutamente nada contra ele, isso alivia a minha consciência, fui coração como sou na minha vida!”

“Por vezes ele ficou aos gritos dentro daquela casa deixando todos acuados, foi um susto. Espero que ele retome a positividade que tem por essência e tudo se estabilize, para o bem da saúde mental dele, mas entendo que passando pelo que ele passou seja extremamente difícil. Continuo acompanhando o programa e garanto que continuarei presente nessa edição até o fim, muita coisa irá acontecer, eu garanto. Me solidarizo com a família, amigos e fãs do Lucas Penteado. Violência psicológica não pode passar batido, é uma enorme irresponsabilidade!”, concluiu Kerline.

BBB21:Gilberto começa a discordar de atitudes de Karol Conká





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico