29/04/2020 | 01h00m - Publicado por: Luigi Civalli | Foto: Arthur Meninea/Globo

Thelma dispara: ‘Não me arrependo da união com Manu e Rafa’

Vencedora ainda falou do distanciamento de Marcela e Gizelly

Thelma dispara: ‘Não me arrependo da união com Manu e Rafa’ - Arthur Meninea/Globo

Sim, temos uma nova milionária no Brasil e ela atende pelo nome de Thelma. A vencedora do BBB20 faturou o prêmio de R$ 1,5 milhão a vencer Rafa Kalimann, que levou R$ 150 mil, e Manu Gavassi, que ficou com R$ 50 mil.

Thelma revela o que vai fazer com o prêmio de R$ 1,5 milhão

Em entrevista, Thelma avaliou sua trajetória como “observadora” e ainda rebateu os comentários de que ela seria uma “planta” no jogo.

“Quando eu entrei no BBB, eu fui tachada de planta por algumas pessoas. Eu acho que cada jogador adota sua estratégia e a minha foi observar. Eu quis primeiro analisar para fazer a minha leitura de cada pessoa que estava no jogo e, com isso, fazer as minhas escolhas, me identificar com quem eu me sentia mais segura. E depois disso começar a jogar. Do meio para o final, quando houve a prova de resistência, mostrar a minha cara e aparecer mais no jogo. Foi uma trajetória de altos e baixos, como a maioria dos jogadores, mas sempre tentando seguir um norte, nunca desviando daquilo que eu acreditava. Uma prova disso foi a minha amizade com o Babu, que foi uma pessoa com a qual eu sempre me identifiquei. A gente caminhou, durante um bom tempo, em lados opostos do jogo porque eu não concordava com o grupo do qual ele fazia parte. Mas ainda assim, eu consegui, por princípio, manter o meu respeito e minha parceria com ele”, contou.

BBB20: Rafa Kalimann surge com Manu e Thelma: ‘Nossa campeã’

Thelma ainda considera o BBB uma experiência de vida para vai levar para sempre e que isso serviu para ela evolui ainda mais como pessoa.

“Eu falei para o Tiago no programa ao vivo que eu considero o BBB uma experiência de vida. É um lugar onde a gente percebe as nossas fragilidades, o quanto a gente pode acertar, mas o quanto a gente pode errar também. Percebemos a importância de reconhecer os nossos erros. Então, eu considero o 'Big Brother' uma oportunidade para evoluir, um degrauzinho no meu processo de evolução que eu vou levar para o resto da vida”, afirmou.

BBB20: Ícaro Silva surge nu na web após Thelma vencer

Um dos fatores que mais chamaram a atenção na trajetória de Thelma foi a mudança de grupo, já que ela era próxima de Marcela e Gizelly, mas acabou se unindo com Manu e Rafa. Porém, para a vencedora, isso foi fundamental para o seu futuro no jogo.

Zé Luiz para a filha, Manu: 'Você é melhor do que jamais fui'

“Eu me identifiquei com a Marcela pela questão profissional. Querendo ou não, a gente pausou a nossa vida aqui fora e nós compartilhávamos uma angústia de saber como seria a reinserção no mercado de trabalho depois desse jogo. Esse foi o nosso primeiro contato. Mas também me identifiquei com ela pela causa feminista, que eu sempre respeitei muito. Com a Gizelly, por ser aquela pessoa divertida, uma advogada criminalista que passava uma mensagem muito forte. Só que eu percebi, quando elas se aproximaram da Ivy e do Daniel, que não valia a pena forçar a barra para fazer parte de um grupo que não quer que eu esteja nele e com o qual eu não concordava com as atitudes e com o posicionamento em relação ao Babu. Foi aí que eu olhei para a Rafa e para a Manu, que são pessoas que eu sempre considerei bem posicionadas no jogo. A minha intuição e a da Rafa sempre foram muito parecidas, os nossos votos também batiam muito. Então, por que não me aproximar delas? A Gizelly até chegou a questionar que elas eram influenciadoras e com um nível social diferente, mas eu sempre achei que aquilo não importava. A gente estava no jogo como jogadores tínhamos que seguir os nossos princípios, independentemente de classe social. Senão, elas não teriam entrado. Eu acho que eles colocaram seres pensantes para debater lá dentro justamente por isso. O jogo é de alto nível por isso. Me uni à Rafa e à Manu e não me arrependo um segundo porque eu aprendi muito com elas. A gente teve uma troca muito grande”, revelou.

Thelma ainda contou que, apesar de não estarem nos mesmos grupos no jogo, sempre manteve uma boa relação de amizade.

BBB20: Babu Santana deixa hotel com a namorada após a final

“A minha relação com o Babu sempre foi de amizade, a gente teve uma empatia muito grande. Eu conversava pouquíssimo sobre jogo com ele porque eu sentia que a gente estava em lados opostos. No começo, ele fazia parte do grupo dos meninos, depois aquela parceria com o Prior. Então, eu conversava muito mais sobre vida com o Babu. Só que, na segunda semana, ele me presenteou com uma imunidade. E eu sou uma pessoa sempre muita grata. Eu costumo dizer: ‘esqueço o que me fazem de mal, mas eu nunca me esqueço o que me fazem de bom’. Eu sempre vou tentar retribui. Algumas pessoas me questionavam em relação à proximidade com ele e eu falava que ele era meu amigo e dizia que, se ele tinha tantos problemas de convivência como eles estavam afirmando, o público iria enxergar isso e ele iria sair. As pessoas só viram o lado maravilhoso que existe no Babu depois que perceberam que ele era forte porque ele ia para os paredões e não saía. Eu questionei a Ivy também: ‘agora que o cara já voltou de sete paredões, fica fácil não votar nele’. Chamá-lo de monstro e dizer que tinha medo de conviver com ele na cozinha é muito pior do que o indicar ao paredão. Enfim, não foi difícil sustentar a minha amizade com o Babu”, lembrou a sister.

Porém, em certo momento, ela acabou tendo que votar no amigo, o que foi um golpe duro nela mesma.

“O que eu pude fazer pelo Babu foi manter a minha lealdade em relação a voto - ele nunca foi minha opção. Só votei nele quando eu tive que escolher entre ele e a Rafa, que foi uma pessoa que nunca esteve do lado oposto do jogo. Por mais que nós não estivéssemos juntas desde o começo, a gente sempre pensou muito igual. Caminhamos do mesmo lado no grupinho da Comunidade Hippie. Então, naquele momento eu tive que dar o meu voto de confiança para a Rafa. Na outra semana, eu não consegui votar novamente no Babu porque me doeu muito ter que fazer isso. Eu me considero muito leal às minhas amizades. Lá dentro eu estava num reality show e eu queria mostrar o que eu era de verdade. Se eu sou leal aqui fora, eu fiz questão de ser leal lá dentro também”, finalizou.

Hadson provoca Manu Gavassi na web, após o 3° lugar: ‘Chupa’





Notícias Relacionadas

12/05/2020 | 10h29m - Caroline Huertas

Pyong Lee faz revelações picantes sobre sexo e nudes



Instagram

Instagram

OFuxico