20/02/2020 | 13h11m - Publicado por: Flávia Almeida | Foto: Reprodução/Mocidade Alegre

Carnaval 2020: Mocidade Alegre exalta a orixá Yabá

Enredo traz um canto de esperança para que a humanidade melhore sua relação com o Criador

Carnaval 2020: Mocidade Alegre exalta a orixá Yabá - Reprodução/Mocidade Alegre

A Mocidade vai exaltar o poder feminino para a reconexão com o universo. O tema sintetiza a reconexão com o criador universal através da força feminina, representada por orixás da água. A ideia do enredo é mostrar um canto de esperança para que Terra volte a ser um paraíso, exaltando a sabedoria, a força e o poder feminino.

Yabás são orixás femininos da água como Iemanjá, a rainha das águas do mar, que representa a geração; e Oxum, orixá que tem sua força nas cachoeiras e representa o amor. Algumas fontes consideram Yabás outros orixás femininos que não são da água, como Iansã.

Conheça a agremiação

 

Mocidade Alegre - 4ª escola a desfilar - 01h45

Colocação em 2019: 8º lugar

Fundação: 24/09/1967

Cores oficiais: vermelho e verde

Presidente: Solange Cruz Bichara Rezende

Carnavalescos: Edson Pereira, Paulo Brasil e Márcio Gonçalves.

Mestre de Bateria: Sombra

Mestre-sala e porta-bandeira: Uilian Cesário e Karina Zamparolli

Diretor de Carnaval: Junior Dentista

Diretor de Harmonia: Carlos Magno

Rainha da Bateria: Aline Oliveira

Intérprete: Igor Sorriso

Coreógrafo da Comissão de Frente: Jhean Allex

Enredo:  Do Canto das Yabás, Renasce Uma Nova Morada

Compositores: Biro Biro, Fabio Souza, Luis Jorge, Maradona, Rafa Do Cavaco, Ratinho, Silas Augusto, Turko e Zé Paulo Sierra

Curiosidades: O destaque é a estreia do carnavalesco Edson Pereira. Aline Oliveira, há 17 anos na escola, segue como rainha de bateria. A Mocidade tradicionalmente não tem famosas na escola e valoriza meninas da comunidade.

Saiba tudo sobre o Carnaval 2020

Samba-Enredo

Olorum, supremo criador do universo
Seus olhos sofrem com meus gestos
Oh, meu Senhor
Agô, meu Pai Maior... tanto caos, destruição
No Aiyê, o tambor vai ecoar
É preciso acreditar na grandeza de Obatalá
Yaô, bela menina... yaô (ôô), a esperança
Entregue nos braços de Yemanjá
Nas águas purificar... odoyá

Deusa do amor... mamãe Oxum
Vento sopra e traz a força de Oyá
Na pureza de Ewá, um novo amanhã
A coragem vem de Obá, o saber vem de Nanã

Eh mulher 'feita' no poder da criação
Das águas, do solo, da chama sagrada
Soprando os segredos da renovação
Com a bênção de Orum, clareou, clareou
Ritual, feitiçaria no aiyê um novo dia
Santuário que das cinzas ressurgiu
Natureza em harmonia então sorriu
Lá vem elas... guerreiras... poderosas yabás...
Carregada de axé
Nossa Morada renascerá

Yabá cantou, o chão estremeceu
O corpo arrepiou, a lágrima correu
Oh, mãe rainha, te ofereço na avenida
A Mocidade, emoção da minha vida





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico