Cinema e Série às 12:14

Juliette desbanca Karol Conká no ranking dos documentários mais vistos em 2021

Juliette e Karol Conká

Foto: Divulgação/ TV Globo

A Globolay divulgou na quinta-feira, 16 de Dezembro, o levantamento destacando as produções mais vistas da plataforma de stremaing, em categorias distintas. E nessa, Juliette Freire desbancou Karol Conká entre os documentários mais vistos. “Você Nunca Esteve Sozinha” foi o conteúdo mais assistido de 2021 na categoria série documental. Em segundo lugar, está o documentário da rapper, “A Vida Depois do Tombo”. Vale lembrar que o documentário da paranaense, havia sido – antes do lançamento da paraibana – uma audiência histórica da plataforma. A lista dos documentários mais vistos em 2021 segue, na ordem, com “O Caso Evandro”, “Doutor Castor” e “A Corrida das Vacinas”.

Entre os filmes estrangeiros, a liderança é de “Framing Britney Spears: A Vida de uma Estrela”, sobre Britney Spears. Na sequência estão “Milagre na Cela 7”, “11/09 – A Vida Sob Ataque”, “Infidelidade” e “Homem-Aranha: De Volta Ao Lar”.

O ranking dos longas infantis mais assistidos tem duas produções da franquia “Miraculous – As Aventuras de Ladybug”. Em terceiro lugar aparece “Turma da Mônica: Laços”.

“Pica-Pau” conquistou o primeiro lugar na lista dos conteúdos infantis mais vistos da plataforma. Na sequência, apareceram os desenhos “Patrulha Canina” e “Turma da Galinha Pintadinha”.

Veja +: Gil do Vigor também tem documentário no Globoplay

‘MULHERES DE AREIA’ DOMINA NOVELAS CLÁSSICAS

Na classificação geral do Globoplay, a novela mais sintonizada do ano foi “Verdades Secretas 2”, de Walcyr Carrasco, que já quebrou recordes de audiência. Contudo, “Mulheres de Areia” (1993), de Ivany Ribeiro, dominou a audiência das novelas clássicas mais assistidas do streaming. A novela, um dos principais sucessos da história da TV Globo, conta a história das gêmeas Ruth e Raquel, ambas vividas por Gloria Pires. Embora fisicamente idênticas, as irmãs têm caráter totalmente diferentes. A trama é um remake da novela homônima de 1973 e tem elementos de “O Espantalho” (1977), também de autoria de Ivani Ribeiro.

O ranking das novelas clássicas segue com “Vamp” (1991), de Antonio Calmon; “Renascer” (1993); “A Gata Comeu” (1985) e “Roque Santeiro” (1985).

Outra trama com gêmeas lidera o ranking das novelas estrangeiras de maior audiência do Globoplay: o clássico mexicano “A Usurpadora” (1998). A trama conta a saga de Paulina, uma jovem humilde e bondosa que é vítima de Paola Bracho, sua irmã gêmea, que a obriga trocar de lugar e ir morar em sua casa. Lá, Paulina se deixa envolver pelos problemas da família e faz de tudo para ajudá-la.

Em segundo lugar está a mexicana “Marimar” (1994), seguida pela turca “Uma Vida Nova” (2020), a mexicana “Rubi” (2020) e “Operação Pacífico” (2020), dos Estados Unidos. 

PRINCIPAIS NOTÍCIAS
Ator de ‘Sex And The City’ se defende de acusações de abusos sexuais
Audiência de ‘Verdades Secretas’ explode com romance de Angel e Giovana
Deolane Bezerra ostenta com as irmãs em novo clipe

Siga OFuxico no Google News e receba alertas das principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!