Cinema e Série às 07:00

Luca: confira motivos para assistir ao filme da Pixar no Disney+

cena do filme luca com alberto e luca tomando sorvete

Divulgação/Disney+

Desde que anunciou o Disney+, a Disney afirmou que produziria bastante conteúdo original de seus principais estúdios e franquia, não sendo diferente com a Pixar. Sempre lançando animações elogiadas pelo público e crítica, a nova aposta da Pixar se trata de “Luca”, cuja estreia acontece nesta sexta-feira (18) na plataforma de streaming, disponível a todos os assinantes.

“Luca” acompanha as aventuras do garoto Luca durante um verão inesquecível repleto de macarronadas, gelatos e passeios incríveis de scooter ao lado de seu novo amigo Alberto.

Mas toda a diversão é ameaçada por um segredo muito bem escondido: os dois são monstros marinhos de um mundo logo abaixo da superfície da água.

Pensando nisso, nós do OFuxico separamos uma lista de motivos para você conferir a “Luca” no Disney+ logo neste final de semana de estreia.

Confira!

Selo Pixar de originalidade e qualidade

Conforme citamos acima, a Pixar é um dos maiores estúdios de animação do mundo, desde seu primeiro longa, “Toy Story”, tem despontado como referência em animação de qualidade para as telonas.

Além da qualidade visual de animação 3D, que parece superar o insuperável a cada ano, os roteiros costumam ser bastante criativos e originais, sempre trabalhando uma questão humana e filosófica de maneira divertida.

“Luca” no caso é uma divertida e comovente história sobre amizade, sair da sua zona de conforto e “uma carta de amor para os verões da nossa juventude – aqueles anos de formação em que você está se descobrindo”, nas palavras do próprio diretor.

Inspiração na infância do diretor e filmes clássicos

Os personagens principais da animação, Luca (Jacob Tremblay) e Alberto (Jack Dylan Grazer), são baseados no próprio diretor (Enrico Casarosa) e seu amigo de infância, também chamado Alberto, que ele conheceu aos 12 anos de idade.

Além disso, o cenário litorâneo da Itália também vem de uma inspiração de infância do cineasta — ele cresceu em Gênova, cidade portuária na Riviera Italiana, onde se passa o filme.

Ainda, Casarosa inspirou-se, em partes, nos filmes italianos dos anos 1950, incluindo “A Estrada da Vida (La Strada)” e “A Princesa e o Plebeu (Roman Holiday)”. Pôsteres criados pela Pixar para ambos aparecem no filme.

Outras fontes de inspiração incluem mitos, lendas e tradições italianas – desde contos de dragões até a história de um polvo que toca sinos que salvou uma aldeia de um grupo de piratas.

Animação belíssima e detalhada

Mais uma vez, devemos reforçar a qualidade da Pixar em fazer animações, não sendo diferente em “Luca”, que promete mais uma revolução no mundo das animações em quesito técnico.

Por exemplo, todas as vozes de fundo de crianças no filme foram gravadas por crianças locais na Itália. Também, existem 221 e 223 controles individuais nas bocas de Luca e Alberto, respectivamente, para ajudar os animadores a criarem as expressões arredondadas na boca que usam ao longo do filme.

Ao dar vida aos personagens do longa, os artistas visuais de “Luca” deram à personagem Giulia um visual diferente, adotando uma linguagem em formas triangulares – especialmente em seu cabelo e calças. Outra curiosidade é que Luca, em sua forma de monstro marinho, tem 3.436 escamas em seu corpo.

Família e estrelas nas vozes

Como de praxe, no Brasil, a Disney costuma trazer dublagens muito bem-feitas para suas produções, e em “Luca” não será diferente!

Para deixar tudo ainda melhor, vamos contar com atores famosos no elenco de vozes, como Luís Miranda e Claudia Raia, que também dublou ao lado da própria filha, Sophia Raia. Claudia Raia dá voz a Signora Mastroianni, Sophia é a Chiara e Luís o Tio Ugo.

“Estava sentido falta de dublar, que eu adoro. É a minha grande referência de interpretação principalmente em comédia, eu tiro muita coisa da animação”, contou Claudia Raia em entrevista para a revista Quem.

“Apesar de ser uma participação, Chiara tem uma importância na narrativa… Foi exatamente o que eu queria e do tamanho que eu queria”, declarou Sophia.

Personagens interessantes e visuais incríveis

Por fim, já que foram citados ao longo desta lista, vamos falar dos principais personagens do longa, dando uma breve descrição de cada um e uma galeria de fotos em seguida com seus visuais.

Veja!

Luca Paguro: O personagem que dá nome ao filme é um inteligente e inventivo monstro marinho de 13 anos, com uma curiosidade infinita – especialmente quando se trata do misterioso mundo acima do mar. Embora ele tenha sido avisado durante sua vida inteira de que o mundo humano é um lugar perigoso, ele anseia por algo além de sua vida tranquila na fazenda, onde cria peixes-cabras dia após dia. Então, quando outro monstro marinho com uma verdadeira experiência acima da superfície leva Luca sob sua nadadeira, seus olhos se abrem para um mundo inteiro de possibilidades.

Alberto Scorfano: O melhor amigo do protagonista é um independente monstro marinho adolescente de espírito livre e com um entusiasmo desenfreado pelo mundo humano. Expressivo e gregário, ele só pensa em se divertir e convidar um monstro marinho para passear na superfície é algo óbvio para ele. Além disso, Luca é o público perfeito para o vasto – embora questionável – conhecimento de Alberto sobre todas as coisas humanas.

Giulia Marcovaldo: Giulia é uma menina aventureira, extrovertida e encantadora que ama ler e aprender. Ela passa todos os verões em Portorosso, então nunca cultivou muitas amizades, o que a torna um alvo fácil para o valentão da cidade. Mas quando conhece a dupla Luca e Alberto, que claramente precisam de um aliado, Giulia fica mais do que feliz em atender ao chamado – especialmente quando eles concordam em se juntar à garota em uma corrida local que ela deseja vencer desesperadamente.

Ercole Visconti: Valentão de Portorosso, Ercole venceu diversas vezes o campeonato de corrida da pequena cidade italiana. O personagem é um fanfarrão que usa um penteado com topete e que possui uma Vespa. Além disso, acredita que todos o amam e que adoram vê-lo comer sanduíches. Seus dois fiéis seguidores, Ciccio e Guido, o acompanham por toda parte, prontos para cumprir suas ordens.

Daniela Paguro: A amorosa mãe de Luca possui uma forte determinação em manter seu filho seguro. Ela avisa Luca regularmente sobre os perigos que existem para além do mar e monstros terrestres que lá vivem. A personagem não é fácil de lidar: se ela achar que Luca está quebrando sua regra número um – não ir perto da superfície –, fará de tudo para impedi-lo.

Lorenzo Paguro: Lorenzo é o bem-intencionado, mas às vezes distraído, pai de Luca, que é muito apaixonado pelo seu hobby de criar caranguejos premiados.

Vovó Paguro: A avó de Luca se entende muito bem com o neto. Ela vê o brilho nos seus olhos, seu desejo por mais, e celebra isso – embora secretamente. Ela sabe que quebrar algumas regras faz parte do crescimento, e fica feliz, até demais, em acobertar o neto caso o lado rebelde dele surja. Afinal, o que os pais dele não sabem, provavelmente não os matará.

Massimo Marcovaldo: O pai da Giulia é um pescador imponente e tatuado de poucas palavras e que possui um só braço. Luca e Alberto ficam intimidados com seu formidável tamanho e sua habilidade com a faca, mas Massimo tem um coração doce, especialmente com sua filha.

E ai, está animado para conferir “Luca”, novo filme da Pixar no Disney+?