Covid-19 às 01:01

Covid-19: Samuel Rosa testa positivo e Skank cancela shows

Samuel Rosa é diagnosticado com Covid-19 e Skank precisa cancelar três shows em Santa Catarina. Banda já tem novas datas.

Foto: Reprodução/TV Cultura

Com viagem pronta para Santa Catarina, o Skank precisou adiar três apresentações no estado ao longo do final de semana. Em comunicado oficial nesta terça-feira, 11 de janeiro, a banda explicou que Samuel Rosa testou positivo para Covid-19. Por isso, eles não sobem nos palcos de Florianópolis, Balneário Camboriú e Joinville nos dias 14, 15 e 16. As datas foram reagendadas para maio.

No comunicado, eles ainda afirmam que o artista está com o esquema vacinal completo, mas mesmo assim se infectou com o coronavírus. Não há informações a respeito dos sintomas que o intérprete de “Garota Nacional” está sentindo. “Samuel Rosa, vocalista do Skank, recentemente testou positivo para Covid e por conta disso, a banda cancelará os shows que seriam realizados em Santa Catarina neste final de semana. O cantor está com o sistema vacinal completo”, afirma o texto.

Leia+: Leonardo e Bruno e Marrone cancelam show em Santa Catarina

Em seguida, o Skank destaca as datas em que os shows aconteceriam e já adiantam os novos dias para cada uma das cidades. “O grupo se apresentaria dia 14, sexta-feira, em Florianópolis; dia 15, sábado, em Camboriú e dia 16, domingo, em Joinville. Os ingressos já adquiridos são válidos para novas datas. Dia 13 de maio, Florianópolis, dia 14 de maio, Balneário Camboriú, dia 15 de maio, Joinville”, explica a equipe da banda.

Após dar mais detalhes sobre contato, eles pedem que o público tome as devidas medidas de segurança e tomem a vacina, para que os eventos possam voltar a acontecer com menos incertezas. “Desde já agradecemos pela compreensão e pedimos para que todos continuem se cuidando, cuidando dos outros e tomando a vacina. Em breve, estaremos juntos!”, finaliza.

EFEITO DA ÔMICRON NOS EVENTOS

“Um evento cancelado é melhor do que uma vida cancelada. Todos nós estamos fartos desta pandemia. Todos nós queremos passar tempo com amigos e familiares. Todos nós queremos voltar ao normal”. As palavras que poderiam ter sido ditas tranquilamente por você que lê essas linhas e tem a consciência da gravidade que a nova fase da pandemia passa, foram ditas por Tedros Adhanom, diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Em entrevista coletiva no final de dezembro, ele se referiu às comemorações de final de ano. E são justamente os efeitos delas que estamos presenciando, com a alta da média móvel de casos de Covid-19, principalmente por conta da variante ômicron.

Como previsto, o avanço desta nova cepa mexeu com a programação de grandes eventos no início deste ano no país. O Globo de Ouro, por exemplo, realizado no último final de semana, foi virtual, pela primeira vez. O esperado festival de música Universo Spanta, na Marina da Glória, na Zona Sul do Rio de Janeiro, foi adiado e não teve datas remarcadas.

Já o Chaaama Festival, que estava marcado para o último final de semana em Florianópolis (SC) foi adiado para fevereiro motivado pelo aumento de casos de Covid-19. O evento teria atrações como BaianaSystem e Francisco El Hombre. Da mesma maneira, Lulu SantosDuda BeatDiogo NogueiraAnittaXamãMunhoz e MarianoSimone e SimariaIsrael e Rodolffo, e muitos outros, comunicaram que as agendas estão canceladas no momento.

“Informamos que devido ao aumento dos casos de Covid-19 e Influenza no Rio de Janeiro, a organização decidiu adiar”, disse em comunicado emitido sobre o evento com Anitta, que teria sido realizado no último dia 09 de janeiro

PRINCIPAIS NOTÍCIAS
Boninho manda recado para Zeca Camargo durante coletiva
Ronnie Von surge de roupão em ensaio
Ex-BBB Hadson Nery se revolta após ter conteúdo adulto revendido na internet

Siga OFuxico no Google News e receba alertas das principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!