Esportes às 08:16

Eder Jofre, de 85 anos, é eternizado no Hall da Fama

Eder Jofre

Foto: Divulgação

O boxe nacional tem mais um motivo para se orgulhar. No domingo, 17 de outubro, diante de várias personalidades do esporte internacional, o pugilista brasileiro Eder Jofre passou a integrar o Hall da Fama do boxe da Costa Oeste dos Estados Unidos. Acompanhado de seus filhos, Andrea e Marcel e do genro Antonio Oliveira, o ex-boxeador, um dos maiores peso galo da história, de 85 anos, foi um dos homenageados em um hotel, em Los Angeles.

No evento, Eder foi recepcionado pelo jornalista Chris Smith, autor de sua biografia “Eder Jofre: Primeiro Campeão Mundial de Boxe do Brasil” e encontrou figuras importantes como o mexicano Carlos Zarate, o norte-americano Michael Nunn e o filho de Joe Medel, um de seus maiores adversários.

Conhecido como “Galo de Ouro”, Eder, que já é integrante também do Hall da Fama de Canastota desde 1992, se juntou a nomes como Muhammad Ali, Joe Louis, Rocky Marciano, George Foreman, Sugar Ray Leonard e muitos outros. Vale destacar que ele é o único brasileiro a figurar nos dois lugares “sagrados”.

O ex-boxeador foi campeão dos pesos pena e galo de 1960 a 1965, além de ostentar o cinturão dos pesos penas de 1973 a 1974. Salve, Eder Jofre!

Veja +: Adriane Galisteu já deu um soco em Eder Jofre, confira!

HOMENAGEM FOI ADIADA POR CONTA DA PANDEMIA

A família Jofre viajou para Los Angeles na última quarta-feira, 13 de outubro, depois de esperar um ano pela solenidade. A entrada dele para o “Hall da Fama da Costa Oeste” estava, inicialmente, marcada para acontecer em 2020, mas a pandemia do novo coronavírus fez com que os organizadores remarcassem o evento.

Debilitado fisicamente e acometido pela encefalopatia traumática crônica (doença neurológica provocada por impacto na cabeça), Éder quis fazer a viagem e seus filhos consultaram o médico que o acompanha.

Além de Eder Jofre, outros nomes importantes da história do boxe foram imortalizados na cerimônia, como Oscar De La Hoya e o japonês Fighting Harada – esse, por sinal, rival de Éder nos anos 1960.

PRINCIPAIS NOTÍCIAS

Ex-mordomo de Roberto Carlos vai lançar livro sobre o cantor
Morre Ronnie Tutt, antigo baterista de Elvis Presley
Camilla de Lucas é pedida em casamento
Alex Escobar assume os esportes no ‘Fantástico’ no lugar se Tadeu Schmidt
Luiza Possi dá à luz ao segundo filho, Matteo