Família às 07:00

Drew Barrymore não dá presentes às filhas no Natal e tem razão para isso

Drew Barrymore
Drew Barrymore / Reprodução / Instagram/@drewbarrymore

Drew Barrymore esclareceu que não costuma comprar presentes de Natal para suas filhas Olive, de 10 anos, e Frankie, de oito, de seu falido casamento com o ex-marido Will Kopelman. A atriz e apresentadora revelou que não gosta de presentear as filhas com coisas materiais muito caras, mas adora passar as férias com elas na praia.

Leia+: Drew Barrymore: mãe proibia doces e liberava maconha e álcool. Entenda!

Drew explicou: “Sou uma daquelas mães que não compra presentes para os filhos. Sempre as levo a algum lugar porque quero mostrar a elas uma experiência de vida.”.

A apresentadora justificou que o mais importante é a construção as lembranças que elas vão ter lá na frente:

“Construir memórias é muito importante para mim. Então, nunca coloquei presentes embaixo da árvore”, justifica.

Barrymore adora sair de férias em busca de calor e sol:

“Trabalhamos em um estúdio sem janelas durante nove meses do ano… então pensei: ‘Oh, o que é algo com um horizonte?’ Nós vamos para a praia e vamos literalmente ser como botos e golfinhos e fazer mergulho… e todas essas coisas. Normalmente eu tento fazer algo realmente cultural, mas acho que as meninas e eu estamos muito cansadas ​​do trabalho árduo e do trabalho na escola”, explica.

Leia+: Drew Barrymore abre o jogo sobre relações sexuais

Drew Barrymore se abriu sobre a época complicada em que ela estava bebendo além da conta. Em conversa sincera em sua revista “DREW”, a atriz e apresentadora de 47 anos confessa que tornou-se “livre da tortura da culpa e disfunção”, depois de desistir do álcool.

Reprodução / Instagram /@drewbarrymore

Barrymore descreveu sua decisão de parar de beber como “uma das coisas mais libertadoras em sua jornada de vida”.

“Uma das coisas mais corajosas que você pode fazer é matar aqueles dragões e finalmente mudar um ciclo terrível no qual você se viu preso. Para mim, foi parar de beber”, explica, admitindo que sua vida ‘foi transformada’ depois dessa importante decisão.

“Durante as férias, quando gastamos tanta energia tentando atingir os padrões de imagem perfeitos estabelecidos pelos ‘Norman Rockwells’ [pintor e ilustrador que mostrava seu reflexo da cultura estadunidense] do mundo, eu gostaria que você tentasse se lembrar de se dar um abraço, por assim dizer – e vou tentar também… Retire um momento, respire e se dê um aperto. Estamos todos apenas fazendo o nosso melhor aqui. E isso por si só é algo para comemorar.”, justificou em seu discurso emocionado.

Leia+: Drew Barrymore saiu com esse ator quando tinha apenas 16 anos!

A primeira vez que Drew falou sobre seu problema com o álcool foi em uma entrevista na TV no ano passado, quando disse que não bebia há mais de dois anos:

“Vou dizer algo pela primeira vez em muito tempo – não bebo álcool há dois anos e meio. Foi algo que percebi que não serve a mim e à minha vida (…) estou em uma jornada tranquila e confiante agora”, contou, afirmando que finalmente viu ‘a paz sendo alcançada onde só havia demônios’.

MÃE PERMISSIVA

Drew Barrymore revelou um fato que passou na infância e adolescência que pode ter chocado.

A atriz norte-americana afirmou, no podcast “Drew’s News”, que sua mãe a controlava em relação a comer doces na infância. Mas ignorava o consumo de maconha e álcool.

“Eu sabia que encontraria aquele garoto bufando açúcar. Eu sabia. Cuidado com o garoto que lhe diz que seus pais não o deixam comer doce. Fique de olho nesse garoto”, brincou Barrymore.

Leia+: Na seca? Veja famosos que ficaram sem sexo por anos

E completou: “Minha mãe não me deixava comer doce. Studio 54 [antiga discoteca de Nova York], maconha e álcool, tudo bem, mas não toque nesse doce”, ironizou a atriz, que escondia doces em seu armário para se deliciar escondido.

Siga OFuxico no Google News e receba alertas das principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!

Notícias Relacionadas