Gravidez às 15:15

Kourtney Kardashian revela drama gestacional: ‘Assustador’

Kourtney Kardashian
Kourtney Kardashian / Reprodução / Instagram /@kourtneykardash

Kourtney Kardashian está se abrindo sobre a emergência médica que seu bebê enfrentou ainda no ventre. Em entrevista à revista “Vogue” americana, a esposa de Travis Barker, confessou que graças a uma ultrassonografia, ela soube que havia algo de errado com seu filho.

A estrela de 44 anos está vivendo os últimos dias de sua quarta gestação e afirmou que esta gravidez foi a mais complicada de todas.

Kourtney comentou sobre a cirurgia fetal realizada e disse que se sente afortunada porque o problema – ainda não especificado – foi detectado enquanto ela estava fazendo uma sessão extra de monitoramento, algo que as mulheres nos Estados Unidos, não o fazem de maneira rotineira, de acordo com ela.

“Essa experiência abriu meus olhos para um mundo totalmente novo de gravidez que eu não conhecia, e foi assustador”, confessou à publicação.

“Depois que descobri que o seguro médico normalmente cobre apenas dois ultrassons quando você está grávida… eu não fazia ideia… Sempre tive a sorte de fazer mais do que o seguro cobre, e é um daqueles ultrassons que salvou a vida do meu bebê”, justificou.

Kourtney disse que outra coisa que ela ficou surpreendida foi quando a classifacaram como ‘mãe geriátrica’ devido à sua idade avançada, porque ela teve que tomar muito mais precauções do que em gestações anteriores. Ela explicou: “Essa palavra é tão selvagem”, afirmou.

Kourtney Kardashian foi ao Instagram no mês passado compartilhar pela primeira vez as notícias sobre sua recente hospitalização. Até agora ninguém da família tinha esclarecido a emergência médica que levou Travis Barker a voltar com urgência para os Estados Unidos e cancelar a atual turnê pelo Reino Unido, do seu grupo Blink-182.

Kourtney compartilhou uma foto em preto e branco dela no que parece ser um leito hospitalar, com o marido segurando sua mão. No ventre é possível ver um curativo. A empresária contou que o bebê ainda em seu ventre, teve que passar por uma cirurgia, o que salvou sua vida.

Ela escreveu: “Serei eternamente grata aos meus incríveis médicos por salvarem a vida do nosso bebê. Sou eternamente grata ao meu marido que correu para o meu lado depois da turnê para ficar comigo no hospital e cuidar de mim depois, minha rocha. E à minha mãe, obrigado por segurar minha mão durante isso”, disse.

“Como alguém que teve três gestações muito fáceis no passado, não estava preparada para o medo de me apressar para uma cirurgia fetal urgente. Não creio que alguém que não tenha passado por uma situação semelhante possa começar a compreender esse sentimento de medo. Tenho uma compreensão e um respeito totalmente novos pelas mães que tiveram que lutar pelos seus bebés durante a gravidez”, explicou. “Louvado seja Deus. Sair do hospital com meu filho na barriga e seguro foi a mais verdadeira bênção.”

Notícias Relacionadas