Moda e Beleza às 22:01

Transplante Capilar: Saiba tudo sobre o procedimento dos famosos!

Transplante Capilar: Saba tudo sobre o procedimento! (Instagram)
Transplante Capilar: Saba tudo sobre o procedimento! (Instagram)

Famosos como: Bruno Gagliasso, Sérgio Guizé, Lucas Lucco, Sidney Sampaio, entre muitos outros artistas realizaram o transplante capilar e obtiveram resultados positivos. Igor Rodrigues Coelho, conhecido como Igor 3k, apresentador do podcast “Flow”, por exemplo, relatou seu caso numa clínica em São Paulo, ao efetuar a cirurgia de transplante capilar. O apresentador participou de um vídeo da clínica, responsável por realizar o procedimento, e afirmou que a cirurgia atingiu um ótimo resultado.

“Melhorou bastante, mudou demais. É até meio impressionante para ser sincero. Eu via o antes e depois ali, mas ver em você mesmo é muito diferente.”, declarou.

Igor também contou sobre as mudanças e como funciona a cirurgia:

“Mudou completamente. Era muito, muito falhado aqui, muito falhado mesmo, dava muita diferença. Eu fiz a cirurgia, foi uma experiência tranquila. Cheguei lá de manhã, e saí de lá já era de noite. Colocamos bastante cabelo, ficamos o dia inteiro lá, mas não tive nenhum problema para me recuperar. Não senti dor, não aconteceu nada, só foi bem legal, foi bem tranquilo.”, conclui dando alguns detalhes do decorrer do procedimento.

Outro exemplo é o de Sérgio Guizé, ator e cantor, que contou seu relato no qual foi submetido há seis meses numa clínica em São Paulo, onde realizou o transplante capilar. Guizé conta que começou a perder cabelo aos 18 anos e passou a fazer tratamento desde então:

“Eu era cabeludo. Aí fui entrar no tiro de guerra, e para as pessoas não me zoarem, eu cortei, fiz topete, foi aí que vi que estava faltando um pedacinho. Tenho histórico de calvície na família. Procurei um médico e passei a tomar medicamentos. Há uns cinco anos, eu vinha fazendo um tratamento regular, com micro agulhamento semanalmente, até resolver fazer o transplante”

A adesão de famosos à cirurgia e resultados mais naturais fizeram a demanda crescer 30% nos últimos anos e o tabu com a prática diminuir, isso por se tratar de pessoas que estão constantemente expostas na mídia, o tratamento pode contribuir na manutenção da imagem. Além disso, ajuda também na autoestima masculina. Conforme a Sociedade Brasileira do Cabelo (SBC) explica, cerca de 42 milhões de brasileiros sofrem de alopecia, também conhecida como calvície. Atingindo diretamente a saúde mental e a autoestima das pessoas, seja por causas genéticas ou emocionais.

Contudo, apesar dos benefícios visíveis, ainda há muitas dúvidas sobre o procedimento. Por isso, conversamos com o doutor José Carlos Maruoka, médico da Clínica Pineapple Hair Brasil, especialista em transplante capilar com mais de 13 anos de experiência, para esclarecer o que realmente é mito e/ou verdade sobre os questionamentos mais pertinentes entre as pessoas.

OFuxico (OF): O transplante capilar é indicado para qualquer tipo de pessoa?

Dr. José Carlos Maruoka (DR.): O implante capilar não é recomendado para todos os casos de calvície, até por existirem graus de calvície, sendo ao todo sete graus, desde o mínimo (sem perda perceptível e/ou começando a perda leve na região frontal) até o grau mais elevado de perda total, com cerca de apenas 20% do couro cabeludo com fios. Na maioria das vezes, o procedimento é indicado para homens entre 30 e 40 anos, que apresentam calvície avançada, ou para quem tem problemas com perda de cabelo e se sentem impactados nas diversas esferas sociais, indo além da autoestima e afetando a qualidade de vida todo.

OF: O transplante capilar é considerado um procedimento caro?

DR.: Pode ser considerado, sim. No entanto, o transplante capilar é um procedimento de grande complexidade, requerendo uma equipe de excelentes profissionais. Na Pineapple Hair Brasil, por exemplo, a equipe médica é composta por técnicas de enfermagem devidamente habilitadas e treinadas para realizar cirurgias, cuidados pós-operatórios e tratamentos. As variações em relação às técnicas utilizadas, os profissionais envolvidos e a cultura da instituição escolhida, podem alterar o valor médio da cirurgia.

OF: Há complicações no período pós-operatório do transplante capilar?

DR.: O pós-operatório do transplante não apresenta complicações se as instruções dadas pelo médico forem seguidas. É normal que haja inchaço na região da testa e dos olhos, entre o 1º e o 4º dia após a cirurgia, indicada a compressa de gelo e automassagem para amenizar. Até o 15º dia, há queda da maior parte dos fios transplantados como parte essencial do processo – os folículos seguem viáveis e prontos para a nova etapa: crescimento de novos fios em cerca de 3 meses. A recuperação total leva, em média, 12 meses para ocorrer e, durante todo o tempo até o resultado completo, é necessário o acompanhamento de protocolos que visem fortalecer os fios e agilizar, com total eficácia, a recuperação.

Notícias Relacionadas