Morte às 18:53

Corpo de Maurílio é enterrado em Imperatriz, no Maranhão

Corpo de Maurílio é enterrado
Reprodução/Instagram e Johann Bastos/ Brazil News

O corpo do cantor sertanejo Maurílio, que morreu aos 28 anos, depois de ser internado por conta de uma tromboembolia pulmonar, foi sepultado no fim da tarde desta quinta-feira (30) no cemitério São João Batista, em Imperatriz, no Maranhão.

De acordo com o G1, o caixão do artista deixou a sede da Câmara Municipal de Vereadores, onde estava sendo velado, e percorreu as principais ruas da cidade natal de Maurílio sob o carro do Corpo de Bombeiros.

A cantora Luiza, que fazia dupla com ele, e a namorada dela, a ex-BBB Marcela McGowan, estiveram no carro dos Bombeiros que foi até o cemitério.

Sob o caixão, foram colocadas uma foto do cantor, uma bandeira do Flamengo, time de coração do artista, e uma bandeira do município de Imperatriz.

Ainda durante o velório, Luiza se emocionou, no plenário da Câmara de Vereadores de Imperatriz fez, onde fez um breve discurso para todos os presentes.

“Eu vou continuar levando a voz do Maurílio por onde eu for. Eu vou continuar levando o sorriso do Maurílio por onde eu for. Mesmo que eu não quisesse, eu levaria o Maurílio. Eu posso cantar no maior festival ou em um buteco para cinco pessoas, mas ele vai estar comigo. A partir de hoje, eu tenho duas segundas vozes, o Maurílio e vocês. Eu nunca estive sozinha e eu nunca vou estar”,disse Luiza.

“Obrigada por estarem aqui. Tem muitas caras aqui que sempre estiveram no nosso show e isso é amizade de verdade. Eu sei que hoje é um dia difícil, mas eu gostaria de pedir a vocês a se preparem para que a gente não falar do Maurílio com pesar, porque a gente teve a oportunidade de conviver com um cara fantástico, sensacional”, finalizou.

TRAJETÓRIA

Nascido em Imperatriz, no Maranhão, Maurílio ingressou na faculdade de Ciências Contábeis, no entanto, sua verdadeira paixão era a música. E foi durante uma passagem de Luiza pela cidade natal do músico que tudo começou. Os dois tinham uma amiga em comum. “Foi no aniversário de uma amiga que o convidei para subir ao palco comigo. A sinergia foi tão boa que ali mesmo montamos a dupla. Deu certo!”, disse a cantora, à revista Quem.

Juntos, Maurílio e Luiza criaram um canal do YouTube e na plataforma começaram a publicar suas gravações. O sucesso foi imediato, com milhares de visualizações. Dali, participaram para apresentações em bares na região sudeste do Maranhão.

Em 2017, a dupla lançou o primeiro DVD da carreira. O álbum Ao Vivo em Goiânia foi produzido na cidade de Trindade, e teve como a primeira música oficial do trabalho a canção Tô Bem.

No ano seguinte, em 2018, a dupla gravou o segundo trabalho, intitulado Ao Vivo, gravado desta vez no Maranhão. Naquele mesmo ano, já com uma carreira consagrada, Maurílio e Luiza colocaram no mercado o terceiro projeto da dupla, batizado de Segunda Dose, contando com participações especiais de Alcione, Marília Mendonça, Jorge e Gabriel Diniz como convidados.

Negacionistas associam morte de Maurílio à vacina contra a Covid-19

A morte de Maurílio, parceiro de Luiza no hit “S de Saudade”, abalou mais uma vez o mundo sertanejo. Mas, tem gente que insiste em usar da dor alheia para propagar mentiras. Alguns perfis no Twitter associaram à morte do cantor, por infecção generalizada após tromboembolia pulmonar, à vacinação. Isso, porque ele tomou a segunda dose do imunizante contra a Covid-19 um mês antes de ser hospitalizado.

No Twitter, uma usuária chegou a pedir que o Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, interferisse no processo de vacinação do país inteiro. É imprescindível destacar que é este mesmo programa nacional de imunização que permite o retorno, aos poucos, das escolas, igrejas, restaurantes e outros serviços. Ademais, mais recentemente, de festas, shows e eventos em todo o país.

“Não foi UMA parada cardíaca! Maurílio teve TRÊS paradas cardíacas! O hospital confirmou! Ele tem 28 anos.. Por “COINCIDÊNCIA”(+ uma), tomou a 2ª dose da vacina há 3 semanas! O povo tá MORRENDO e tá morrendo rápido!”, afirmou uma seguidora ao ler a respeito da internação do cantor. Pouco depois, outra pessoa escreveu no microblog, associando a internação do artista à sua vacinação.

O cantor havia sido vítima desse tipo de desinformação partida do filho do presidente, Eduardo Bolsonaro. Ele ironizou ao dizer que o maranhense era mais um caso ‘isolado’ de morte após tomar o imunizante. Contudo, o próprio médico que tratava o artista afirmou que o imunizante não teve nada a ver com as paradas cardíacas, que ocorreram em meados de dezembro.

De fato, até março de 2021, o mundo inteiro relatou 11 casos de algum tipo de trombose entre 9 e 16 dias após a vacinação, de acordo com o portal especializado em saúde PEDMED. Maurílio já havia passado desse período, ademais, o médico que cuidou do artista e esclareceu as causas de sua morte também interveio e explicou a situação: o cantor tinha predisposição genética para esse tipo de doença aguda.

PRINCIPAIS NOTÍCIAS

Esposa de Maurílio emociona público com despedida
Corpo de Maurílio é velado em Imperatriz, no Maranhão
Morre o cantor sertanejo Yago, de 29 anos, em decorrência de um linfoma
Negacionistas associam morte de Maurílio à vacina

Siga OFuxico no Google News e receba alertas das principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!