Morte às 12:00

Em 2014, Jô Soares chorou a morte de seu único filho: “Pesadelo”

jô soares no memória globo
Reprodução/MemoriaGlobo

Em 2014, Jô Soares, que morreu na madrugada desta sexta-feira, aos 84 anos, chorava a morte de seu único filho, Rafael Soares, de 50. Rafael era autista e filho do primeiro casamento de Jô com a atriz Teresa Austregésilo. Em 2013, ele passou por um tratamento contra um câncer no cérebro.

Leia+: Última aparição pública de Jô Soares ocorreu em 2021

Reprodução/CompanhiadasLetras

Jô era discreto. Não era muito de falar sobre o filho que, em 2011, chegou a participar como convidado de um programa da Rádio Globo, que era fã e costumava acompanhar pelas manhãs.

Na ocasião da morte, Jô que estava com programa no ar, abriu a atração homenageando o filho Rafael que havia partido.

“A nossa abertura hoje vai ser um pouco diferente, porque na última sexta-feira (31), eu sofri o pesadelo de todo pai, a inversão da ordem natural das coisas, a perda de um filho. Meu filho Rafael esteve no mundo durante 50 anos e foi uma criança especial. Como era autista, permaneceu menino até o fim. Passou a vida inteira na realidade do próprio mundo. Corpo de adulto e alma de criança. Adora música, tocava piano e seu amor era o rádio. O Derico, num gesto incrível, até chegou a gravar as vinhetas. E ele não tirava a rádio do ar nunca, até mesmo no aniversário dele, nem na hora de apagar a velinha. Vivia com entusiasmo e até mesmo com paixão. Tenho muito orgulho do meu filho e a Teresa, sua mãe, que foi minha grande companheira. Agradeço ao carinho de pessoas queridas, amigos e desconhecidos”.

FLÁVIA, EX-MULHER DO HUMORISTA, SE DESPEDE DE JÔ SOARES

O anúncio da morte de Jô Soares, ocorrida às 02h30 desta sexta-feira, 05 de agosto foi feito por Flavia Pedras Soares, ex-mulher de Jô, e confirmada em nota pela assessoria de imprensa do Hospital Sírio-Libanês.

Ela, que era chamada pelo artista carinhosamente de Flavinha, usou as redes sociais para lamentar a morte do apresentador. Jô estava internado no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, desde o dia 28 de julho, onde deu entrada com quadro de pneumonia.

Leia +: Claudia Raia relembra namoro com Jô Soares

“Faleceu há alguns minutos o ator, humorista, diretor e escritor Jô Soares. Nos deixou no hospital Sírio Libanês, em São Paulo, cercado de amor e cuidados. O funeral será apenas para família e amigos próximos”, anunciou Flavia.

“Assim, aqueles que através dos seus mais de 60 anos de carreira tenham se divertido com seus personagens, repetido seus bordões, sorrido com a inteligência afiada desse vocacionado comediante, celebrem, façam um brinde à sua vida.”

“A vida de um cara apaixonado pelo país aonde nasceu e escolheu viver, para tentar transformar, através do riso, num lugar melhor”, escreveu a ex-mulher do humorista.

Flavia ainda revelou os apelidos que chamava o ex-marido: “Viva você, meu Bitiko, Bolota, Miudeza, Bichinho, Porcaria, Gorducho. Você é orgulho pra todo mundo que compartilhou de alguma forma a vida com você”, escreveu ela.

Ela ainda agradeceu e usou bom humor: “Agradeço aos senhores Tempo e Espaço, por terem me dado a sorte de deixar nossas vidas se cruzarem. Obrigada pelas risadas de dar asma, por nossas casas do meu jeito, pelas viagens aos lugares mais chiques e mais mequetrefes, pela quantidade de filmes, que você achava uma sorte eu não lembrar pra ver de novo, e pela quantidade indecente de sorvete que a gente tomou assistindo.”

Por fim, Flavia se declarou ao ex-marido. “Obrigada para sempre, pelas alegrias e também pelos sofrimentos que nos causamos. Até esses nos fizeram mais e melhores. Amor eterno, sua, Bitika.”

CASADOS POR MAIS DE DEZ ANOS

Flavia Jô foram casados por mais de uma década e, em uma entrevista, o apresentador chegou a declarar que foi uma “separação que não deu certo”, pois os dois estavam sempre juntos.

Flavinha foi sua terceira esposa. Ele foi casado por vinte anos com Teresa Austregésilo, por dois anos e meio com a atriz Sylvia Bandeira. Com Teresa, Jô teve um filho, Rafael, que sofria de autismo e morreu em outubro de 2016.

Rafael vivia com a mãe no Rio e, quando estava em São Paulo, ficava no apartamento do apresentador em Higienópolis.

Siga OFuxico no Google News e receba alertas das principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!