Morte às 10:00

Walewska Oliveira fez ‘descoberta dolorosa’ sobre o marido antes de morrer

Walewska Oliveira com o marido, Ricardo, abraçados
Foto: Reprodução Instagram @walewska.oliveira

Walewska Oliveira morreu no dia 21 de setembro, aos 43 anos e a morte foi tratada como “suspeita” pela Polícia Civil. Na ocasião, ela teria caído do 17° andar do prédio em que morava, nos Jardins, em São Paulo. Agora, Virna, uma das melhores amigas de Walewska, fez uma revelação chocante sobre a amiga.

Em entrevista ao Sportbuzz, ela contou que o relacionamento da amiga com o marido Ricardo Mendes era bem complicado e piorou, quando a ex-jogador de vôlei descobriu que ele tinha um filho fora do casamento.

“Uma menina linda, maravilhosa, que partiu precocemente. Até me emociono. Ela viveu uma relação opressiva e não conseguiu pedir ajuda. A partir do momento que o marido pediu a separação, descobriu-se que ele tinha um filho fora do casamento. Aí ela pirou. Ela estava esperando ser mãe há muito tempo. Isso doeu muito para ela. Ela respirava o marido”, declarou.

Na entrevista, Virna chegou a pensar que a amiga iria superar a fase delicada na vida.

“As pessoas precisam aprender a pedir ajuda. Eu acho que o esporte deu tanta resiliência, tanta resistência, que ela não conseguiu pedir ajuda, porque achava que iria superar. E a gente não percebia essa doença ali da relação, né? Porque ele também, muito inteligente, na frente das amigas ele atuava”, contou.

Assista ao vídeo!

Walewska Oliveira faleceu no dia 21 de setembro, aos 43 anos. O caso foi registrado como morte suspeita no 78º Distrito Policial de São Paulo, nos Jardins. A ex-central, campeã olímpica com a seleção de vôlei nos Jogos de Pequim, em 2008, deixou as quadras no fim da temporada 2021/2022.

No documento da Polícia Civil, a jogadora teria caído do 17º andar do prédio em que morava, na região central da capital. No momento da queda, ela estava no salão de festas do local. De acordo com o relato de Ricardo, ele chegou ao apartamento do casal por volta de 17h30 e afirmou não saber que a esposa já estava no prédio.

Ainda segundo o boletim, às 18h07, Walewska enviou uma mensagem de texto para o marido falando sobre o relacionamento desgastado de ambos.

Cerac de 22 minutos depois, ele recebeu uma mensagem no grupo do prédio, o alertando sobre o falecimento da ex-jogadora de vôlei.

Na época, Ricardo chegou a esclarecer que não foi ao velório e enterro a pedido dos sogros para evitar constrangimento com Wesley Oliveira, o cunhado, que tinha dado declarações fortes sobre ele.

Walewska lançou biografia

A medalhista olímpica havia lançado sua biografia “Outras Redes”, este ano. Na obra, ela contou sua trajetória desde os 12 anos, quando saiu de casa e pegou o ônibus para o primeiro teste de vôlei no Minas, dando os primeiros passos rumo a uma carreira de conquistas.

No Praia Clube, Walewska se reafirmou como uma das maiores centrais da história do vôlei brasileiro. Na temporada 2017/2018, foi o pilar da primeira conquista do clube na Superliga. Depois, passou um ano no Osasco, mas retornou à cidade mineira para seus últimos anos como profissional.

IMPORTANTE: Se você ou alguém que você conhece está passando por dificuldades emocionais ou considerando o suicídio, ligue para o Centro de Valorização da Vida pelo número 188. O CVV realiza apoio emocional, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo por telefone, e-mail e chat 24 horas todos os dias.

Notícias Relacionadas