Música e Shows às 13:44

Milton Nascimento anuncia despedida dos palcos: “Jamais da música”

Milton Nascimento anuncia despedida dos palcos
Reprodução/Instagram@miltonbitucanascimento

Prestes a completar 80 anos, 60 deles dedicados à música, Milton Nascimento anunciou que vai se aposentar. A notícia foi dada pelo cantor e compositor durante participação no programa “Altas Horas”, do sábado, 14 de maio. “Solto a voz na estrada desde os 13 anos. Minha música me levou aos quatro cantos do mundo em seis décadas “, disse o artista em um vídeo exibido na atração de Serginho Groisman.

Leia+: “Clube da Esquina” é eleito o melhor álbum brasileiro da história

Na atração, Milton recordou nomes de personalidades de peso que o ajudaram a alavancar na carreira iniciada em Minas Gerais: Tom Jobim, Elis Regina, Quincy Jones, Agostinho dos Santos, Eumir Deodato. “Costumo dizer que sem as amizades, a minha vida jamais teria sido o que é, e nem minha carreira.

“Ao longo desses 42 discos lançados, fui indicado 9 vezes ao Grammy, premiado 5 vezes. Tornei-me cidadão do mundo sem deixar de ser brasileiro. Nos Estados Unidos, gravei meu primeiro disco internacional, firmei parcerias eternas com Herbie Hancock e Wayne Shorter,” contou.

Leia+: Contra Bolsonaro, Milton Nascimento canta música símbolo da repressão

Reprodução/Instagram@miltonbitucanascimento

Milton também não pôde deixar de falar da grande parceria feita com Lô Borges e outros amigos no disco Clube da Esquina, álbum lançado em 1972.  “Depois disso, nada foi como antes. Esse caminho rende frutos até hoje, rodamos o Brasil e o mundo com a turnê”, recordou.

“Completo 80 anos neste ano, e aos amigos e fãs dedico esta turnê, que marcará a minha despedida dos palcos. Só dos palcos mesmo, da música jamais. E como os sonhos não envelhecem, espero vocês para cantarmos juntos meus grandes sucessos. A última sessão de música está indo para os bailes da vida. Eu, como artista, aonde o povo está,” finalizou Milton Nascimento.

TURNÊ DE DESPEDIDA

Augusto Nascimento, filho adotivo, empresário e diretor artístico de Milton, contou ao jornal o Globo como será a despedida do pai. Antes de começar uma viagem para se despedir de palco europeus, Milton fará uma apresentação para 400 pessoas mais convidados no dia 11 de junho, na Cidade das Artes, na Barra, no Rio de Janeiro. Todo esse público terá adquirido NFT Milton Nascimento. NFTs (tokens não fungíveis, na sigla em inglês) são peças únicas, com certificação digital. No caso, darão direito, por exemplo, a pôsteres autografados.

Leia+: Milton Nascimento muda o visual após 25 anos. Venha ver!

À publicação, Augusto disse que os shows terão um roteiro praticamente em ordem cronológica, iniciando com “Travessia”, feita em parceria com Fernando Brant. A música ficou com o segundo lugar no Festival Internacional da Canção de 1967 e projetou a carreira de Milton na MPB.

Reprodução/Instagram@miltonbitucanascimento

Em seguida, virão na ordem canções de vários discos, de “Milton” (1970) até “Pietá” (2002). No final, entrará “Encontros e despedidas”, faixa-título do LP de 1986. “Ela é o conceito do show”, explicou o empresário.

Milton Nascimento, também presente neste entrevista ao jornal, disse ao final não ter frustrações quando passa a carreira a limpo. “Nós nunca ficamos totalmente realizados na vida. Mas não penso em nada que eu não fiz e que gostaria de ter feito”, concluiu ele.

Siga OFuxico no Google News e receba alertas sobre as principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!