Música às 08:00

Detonautas lança ” Álbum Laranja”, disco repleto de críticas políticas

detonautas em nova foto promocional

(Reprodução: Instagram)

O Detonautas Roque Clube lança desde 2020 singles que são crônicas do que acontece no Brasil. Desta vez, oito singles serão reunidos ao lado de três músicas inéditas (“Clareiras”, “Bandeira do Brasil” e “Carta ao Futuro” versão acústica) para formar o “Álbum Laranja”, o sétimo disco de estúdio da banda, que conta com participações de Gabriel, o Pensador e Gigante no Mic.

Veja+: Casa nova! Agora o Detonautas é da Sony Music Brasil

“Kit gay”, “Político de Estimação”, “Mala Cheia”, e “Micheque” são alguns dos nomes das canções que já dão o tom do que esperar do “Álbum Laranja”, que terá sua capa toda nessa cor, numa alusão clara a LPs clássicos da história do rock, como o álbum branco dos Beatles ou o álbum preto do Metallica. . São músicas lançadas com temas que abrangem interesses do povo brasileiro, seja com temática social ou política, como os últimos lançamentos durante o período de isolamento social.

“Carta ao futuro” é um exemplo claro. Seu videoclipe é uma animação que conta, de maneira lúdica, o sentimento dos brasileiros diante do obscurantismo negacionista que tomou conta do país. O desastre na gestão da saúde em plena pandemia, as alegorias fascistas e as tentativas de golpear e enfraquecer a democracia são retratadas e simbolizadas por zumbis que aterrorizam Brasília, acompanhados de um forte aparato repressivo e seitas obscurantistas, segundo explica a banda.

Veja+: Tudo sobre “Fica Bem” do Detonautas, lançada na quarentena

Já “Micheque” chega com tom bem humorado e faz contundente sátira sobre o episódio do envolvimento de Michelle Bolsonaro com os R$ 89 mil em cheques depositados por Fabrício Queiroz na conta da primeira-dama. Notícia amplamente divulgada e também satirizada nas redes sociais de todo o país. “Micheque” conta com a participação do ator Marcelo Adnet, com áudio de uma imitação do humorista com uma fala do Presidente Jair Bolsonaro. Enquanto “Bandeira brasileira” mostra uma mistura de rock com ritmos nacionais.

Como, felizmente, nem tudo são trevas, também há espaço para o otimismo no “Álbum Laranja”. “Fica bem” é, nas palavras de Tico Santa Cruz “Uma música que fiz no início da quarentena. Cheguei a postar nas redes sociais uma versão violão e voz, no mesmo dia em que criei. As pessoas gostaram tanto que resolvemos gravar com a banda completa. Emociona, arrepia e faz chorar de alegria”. “Clareiras”, a nona faixa, também tem uma pegada pra cima, com a esperança de um mundo melhor, com mais liberdade.

O “Álbum Laranja” procura mostrar o turbilhão ao qual o povo brasileiro está sendo submetido há algum tempo com contundência, humor e uma pitada de otimismo.

Lista das faixas:

1 – Micheque

2 – Kit Gay

3 – Roqueiro Reaça

4 – Mala Cheia

5 – Político de estimação

6 – Bandeira Brasileira

7 – Carta ao Futuro

8 – Racismo é Burrice

9 – Clareiras

10 – Fica Bem

11 – Carta ao Futuro (acústico)

ANIVERSÁRIO DE TICO SANTA CRUZ EM LIVE

Para comemorar o aniversário de 43 anos de Tico Santa Cruz, o grupo fez durante o ano passado uma live show na quarta-feira, 30 de setembro de 2020, às 20 horas, diretamente do Teatro dos Grandes Atores (situado na Barra da Tijuca, RJ), com cobrança de ingresso.

No repertório, muitos sucessos da banda com arranjos intimistas foram tocados, como “O Dia Que Não Terminou”, “Olhos Certos”, “Você Me Faz Tão Bem”, ‘Retorno de Saturno” e as mais recentes “Fica Bem” e “Ilumina o mundo”, esta última, fala sobre a valorização da vida.

No palco, o show aconteceu com a formação completa do Detonautas, com Tico Santa Cruz (vocal), Renato Rocha (violão/guitarra), Fábio Brasil (bateria), DJ Cleston (percussão e programações), Phil (violão/guitarra) e André Macca (baixo).

“Nesse momento de tanta dificuldade, diante de tantas incertezas, celebrar o aniversário fazendo o que mais amo na vida, em cima do palco, com meus irmãos de vida, será um presente inesquecível que quero celebrar com os nossos fãs e quem gosta de mim”, declarou Tico.

SATIRIZANDO O GOVERNO

Micheque está disponível pela Sony Music nas plataformas digitais, e faz contundente sátira sobre o recente episódio da política brasileira: o envolvimento de Michelle Bolsonaro com os R$ 89 mil em cheques depositados por Fabrício Queiroz na conta da primeira-dama.

Notícia amplamente divulgada e satirizada nas redes sociais de todo o país, a canção conta com a participação do ator Marcelo Adnet, com áudio de uma imitação do humorista com uma fala do Presidente Jair Bolsonaro.

A arte de capa do single Micheque é assinada pela equipe da Sony Music Brasil.

“Todos temos o benefício da dúvida. Somos inocentes até que se prove o contrário. A música é um questionamento a respeito de uma questão importante. Como foi que esse dinheiro entrou na conta de uma pessoa tão próxima ao Presidente. Basta que ele responda e acabam as especulações”, declarou Tico Santa Cruz, líder da banda, sobre a faixa.