Nascimento às 20:00

Kourtney Kardashian e Travis Barker são vistos deixando o hospital

Kourtney Kardashian, Travis Barker
Kourtney Kardashian, Travis Barker / Reprodução TV

Travis Barker e Kourtney Kardashian foram vistos saindo juntos do Hospital Cedars Sinai, em Los Angeles, na manhã de quarta-feira (8), após o nascimento de seu primeiro filho juntos, que nasceu supostamente no sábado, 4 de novembro. Os dois foram fotografados deixando o lugar, em seu Range Rover preto.

Segundo o site TMZ, a irmã de Kim Kardashian manteve-se discreta com um boné de beisebol e óculos escuros enquanto Travis dirigia o veículo.

Não está claro se o filho deles estava com eles, pois não era visível do banco de trás, relata a publicação, que também não viu nenhuma outra pessoa no carro.

Ninguém da família falou publicamente sobre o nascimento do bebê, que aparentemente se chamará Rocky 13 [Thirteen], mas Kylie Jenner esteve no hospital no começo da semana para conhecer o sobrinho e visitar a irmã.

Uma fonte contou ao programa “Entertainment Tonight” que Kourtney se sente “exultante” com o filho nos braços. A empresária de 44 anos e o marido “estão emocionados e felizes”, de que tudo tenha dado certo.

“Eles estão se sentindo extremamente felizes por Kourtney e seu bebê estarem saudáveis ​​após as complicações pelas quais Kourtney passou… agora ela se sente “grata por todos estarem seguros”.

A fonte compartilhou: “Eles reconhecem que as circunstâncias poderiam ter sido muito diferentes, então estão se sentindo extremamente agradecidos e gratos por todos estarem seguros, felizes e saudáveis.”

Antes de dar à luz, Kourtney revelou que precisou de uma cirurgia urgente para salvar a vida de seu bebê.

Finalmente o casal está com seu filho nos braços, mas segundo uma testemunha, embora eles estejam ‘nas nuvens’ agora, o final de sua gravidez foi muito “estressante”, e eles lutaram para salvar o bebê.

“A gravidez dela tomou um rumo estressante, mas agora ela está feliz por poder aconchegar seu filho”, conta o informante.

Kourtney ficou ‘aterrorizada’ quando os médicos disseram que para salvar a vida do filho, ele precisava passar por uma cirurgia ainda no ventre, o que para ela foi uma experiência muito difícil e assustadora.

Nem a empresária e nem o baterista do Blink-182 revelaram com detalhes, que tipo de cirurgia foi realizada ao bebê e por que ele corria riscos.

Notícias Relacionadas