Imprimir

Notícias

18/12/2020 | 08h30m - Publicado por: Marcelo Mendes Barroso | Foto: Reprodução Play Plus

A Fazenda: Finalistas falam pela primeira vez

Peões conversam com Mion sobre momentos vividos no programa

A Fazenda: Finalistas falam pela primeira vez - Reprodução Play Plus

Assim que terminou a transmissão da final de A Fazenda, com a vitória de Jojo Todynho, os quatro finalistas participaram da Cabine de Descompressão, comandada por Marcos Mion no Play Plus. Confira os principais trechos da conversa.

Jojo conversa com Mion

Jojo, qual a sensação de ganhar a Fazenda?

“Eu tô em choque, eu ainda eu ainda nem conseguir raciocinar, mas eu estou muito grata a Deus e a todos que votaram. E isso aqui para mim, eu tenho nome: superação. Superei meus limites, não perdi a lucidez da minha força. Que eu pude conseguir me conter no momento que eu queria explodir. E pedi a Deus em silêncio força, discernimento, mansidão, sabedoria inteligência emocional.”

Quem mais colocou à prova esse controle?

“Eu mesma. Porque eu queria saber se eu ia conseguir e eu consegui. Eu sou meu maior desafio. O que vem não são obstáculos, nem pedras. O que vem é aprendizado.  

Tem ideia do que vai fazer com o dinheiro?

“Eu tenho uma ideia que é montar um projeto para poder beneficiar todas as crianças lá do meu bairro. Quero fazer tudo para eles o que eu tive na minha infância. Eu queria fazer balé, mas como não tinha dinheiro para fazer, fiz luta que era melhor. Quero botar balé, reforço escolar, aula de natação que eu aprendi nadar um pouquinho. Eu quero botar coisas que possam direcionar eles futuramente e as nossas crianças são o futuro do nosso Brasil. Então se tiver alguém que possa proporcionar isso para eles. Eu quero fazer parte disso.”

Biel na Cabine de Descompressão

Biel, qual sua sensação de passar pela provação da Fazenda e sair de cabeça erguida?

Eu acho que eu fui até muito repetitivo nas minhas defesas de volta de Roça dizendo, que já tinha superado todas as minhas expectativas. Eu cheguei a bloquear marcações no Instagram pouquinho antes de confinar, com toda a postagem e toda a lista que eu via nos comentários. Tudo me jogava muito para baixo. Tudo me desanimava muito e tudo me fazia não acreditar em mim mesmo para vir aqui e dar a cara a tapa, por mais que eu tivesse a consciência de que eu estava pronto para vir aqui, quando eu recebi o convite.

Então eu queria ser exemplo para as pessoas. Porque eu costumo dizer que a gente compartilha que a gente tem dentro da gente. E se as pessoas estão compartilhando isso tudo é porque talvez dentro dele seja esse o trauma, seja essa ferida, seja esse machucado.”

Qual o momento mais difícil?

“Logo no primeiro dia ter ido para a Baia. Lugar que ninguém quer estar. Só não fui mais votado porque acabei votando no Rodrigão. Eu tive que, já na primeira votação, me defender, tendo que escolher alguém para votar no primeiro dia, sem nem conhecer. Sem ter a oportunidade de trocar uma ideia com a pessoa. Saber que ele era. Quando a gente caiu naquela Baia, a gente só pensava em se defender, porque a gente já tinha sido alvo no primeiro dia.  Eu não queria jogar.

Eu queria eu queria ser quem eu fui desde o começo assim como a pessoa que eu lhe mostrei quando eu voltei da primeira roça era minha intenção. Eu não podia também sair rapidamente. Precisava mostrar uma consistência na pessoa que eu me tornei. Ter ido pra Baia e ter sido foco logo na primeira semana me deixou desesperado, e justifica aqui muitas atitudes minhas que não condizem com a pessoa que eu me tornei a partir do momento que voltei da primeira roça”

Stéfani responde as perguntas de Mion

Stéfani, qual foi seu maior desafio?

“Meu maior desafio era eu mesma. Porque eu pensei muito antes de aceitar. Até falei para minha mãe que eu não ia aceitar. A gente brigou um pouco por causa disso, porque meu maior medo dentro da fazenda era eu mesma, a minha personalidade. Já sempre fui muito criticada pelo meu jeito explosiva, impulsiva, de falar o que pensa sem pensar, mas consegui chegar em terceiro lugar. Eu sou muito feliz, nem sei explicar quanto”

Qual foi o momento mais difícil para você?

“Foi o início. Pensei várias vezes tocar o sino. Fui para o reservado me esconder, rezei muito pedi muito para Deus força, porque eu queria muito tocar o sino. Eu falei que ia ser muito difícil que qualquer momento eu ia ter um surto muito grande, porque estava difícil me controlar um pouco. Aprender eu aprendi muito a me controlar já tô saindo uma outra pessoa. Então o início do programa foi muito difícil, depois quando as meninas saíram, então nem fala. A vontade de tocar o sino aumentou, mas graças a Deus ele me deixou ficar.”

Lipe diz como foi o confinamento

Lipe, qual era seu objetivo inicial?

“Meu objetivo iniciar a ficar um mês, porque eu tinha certeza de que, caso eu ficasse mais um mês, eu tinha alguma chance de chegar a final. Sei que no do primeiro mês eu era um alvo muito fácil, porque o que a gente mais viu na internet, em qualquer comentário era: primeiro ou segundo eliminado. Já foi uma grande vitória chegar aqui na final, independente da posição. Então tive a essa estratégia e foi o momento que eu joguei muito, quando o primeiro mês, eu tentei ficar fora de qualquer holofote para tentar passar o primeiro mês.

Eu fui uma pessoa que errei, não escondo isso de ninguém, mas eu tinha meu lado bom que ninguém conhecia. Então precisava mostrar isso.”

No começo você e o Biel pagaram pelo que viram lá fora. Quando isso mudou?

“Cara, eu acho que quando as pessoas foram conhecendo a gente de fato. Tive uma conversa com a Jojo que ela perguntou: ‘Me explica isso direito’. Aí ei expliquei tudo ela falou: ‘Poxa, eu tinha visto outra coisa’.

Mion dá seu ponto de vista sobre o quarteto

E quase no final, Mion contou que ficou muito contente em ver as aproximações de Biel com Jojo e Stéfani com Lipe. E deu seu ponto de vista porque isso aconteceu:

“Quando a gente se deixa levar por influências externas. Quando já chega achando que a gente tem que dar conta do que a expectativa das outras pessoas, espera da gente. Quando a gente tem amigos e amigas tocando terror na nossa orelha fingindo que é para o nosso bem ou até acreditando que é para nosso bem, mas não passa de preconceito.

Principalmente no caso de vocês, que são figuras muito ativas no mundo da web, quando a gente tem comentários de internet exigindo uma postura de vocês. Todos ficam armados a coisa mais legal de ter visto vocês chegarem até o final do confinamento e ficando cada vez mais isolados sem a influência não só do mundo externo do Twitter, mas tinha nenhum dos outros participantes, foi porque todos vocês puderem se enxergar. Todos vocês se olharam com olhar puro. Um olhar sem influências. Aí vocês começar a perceber que tem muito mais em comum do que vocês imaginam.

Vocês dois (falando para Jojo e Biel), porque foi lindo abraço que vocês deram e eu espero que isso seja uma coisa que vocês levem daqui para frente e toda vez que chamava o Biel de peste e eu via esses dois juntos, eu dizia: ‘Eles têm tudo para dar certo’

“Jojo, já ficou 103 dias com um boy?”, brincou Biel.

E encerrando, Jojo fez um pedido especial a Mion:

“Me promete uma facetime com o Romeu?”

“Ele está louco para esse momento. Toda vez que você mandava um beijo ele dizia: ‘Papai ela mandou um beijo pra mim!’”, respondeu o apresentador.

A Fazenda: Jojo Todynho é a campeã da 12ª temporada do reality





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico