Imprimir

Notícias

11/04/2020 | 10h00m - Publicado por: Giovanna Prisco | Foto: Divulgação/Isabella Pinheiro/Fábio Rocha/TV Globo - Reprodução/Instagram

Além de Maju: Veja famosos que já foram vítimas de racismo

Preconceito racial é crime de acordo com a constituição brasileira

Além de Maju: Veja famosos que já foram vítimas de racismo - Divulgação/Isabella Pinheiro/Fábio Rocha/TV Globo -  Reprodução/Instagram

Recentemente, o empresário Rodrigo Branco causou polêmica nas redes sociais ao afirmar que a jornalista Maju Coutinho, da Rede Globo, é péssima e só está lá porque é negra.

Como era de se esperar, o comentário foi bastante criticado na web e a apresentadora chegou a afirmar que vai processar Rodrigo por preconceito racial.

De acordo com a Lei Nº 7.716, de 5 de janeiro de 1989, é considerado crime discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional. A pena é de dois a cinco anos.

Infelizmente, Maju Coutinho não é a única a sofrer com o racismo presente em nossa sociedade.

É importante ressaltar que este tipo de comportamento precisa acabar, pois cor da pele não torna ninguém melhor do que ninguém.

A reportagem do OFuxico reuniu outros artista que já sofreram racismo.

Veja!

 

Maju Coutinho processará Rodrigo Branco por racismo

1. Glória Maria

 

A jornalista já afirmou em diversas entrevistas que teve que lutar muito contra a discriminação em sua carreira, pois foi a primeira repórter negra do Brasil.

Durante uma participação no Domingão do Faustão, da TV Globo, Glória Maria disse que isso só vai acabar quando o Brasil tiver uma educação de qualidade.

“Enquanto isso não for feito, a gente vai continuar discutindo o mesmo assunto”, disse.

Glória Maria foi a primeira repórter negra da TV brasileira e comenta sobre luta contra o racismo

2. Ludmilla

 

Durante o Prêmio Multishow de 2019, a cantora ouviu alguém a chamando de “macaca” quando subiu no palco.

Nas redes sociais, Ludmilla se pronunciou sobre o caso.

“Você não é obrigado a curtir meu som ou muito menos minha história, mas você é obrigado a me respeitar. Alguém me chama de macaca no vídeo, mas não sabemos quem foi a pessoa exatamente. Até quando isso? As coisas para mim e para a maioria dos brasileiros nunca foram fáceis. Com preconceito e julgamento pela cor da pele, vocês só complicam as coisas. A vontade de me diminuir é tanta que não pensam nas consequências dos atos. Eu só queria deixar bem claro para vocês, racistas, que apesar de a justiça ser lenta aqui e as pessoas que praticaram racismo comigo não terem sido punidas, não significa que a cobrança não vai chegar ou que ela está longe. Ainda bem que tenho um Deus e uma família que não me deixam desmoronar diante dos racistas”, disse.

Durante uma premiação, Ludmilla foi chamada de

3. Taís Araújo

 

A atriz chegou a receber diversas ofensas dos seguidores em uma foto postada em suas redes sociais.

Durante participação no programa Altas Horas, da Globo, Taís comentou sobre casos de racismo.

“Acho que o negro brasileiro passa por isso diariamente. Eu passo por isso até hoje. Qualquer coisa que eu fizer e não gostarem, vão falar 'olha aquela neguinha metida, aquela neguinha...'. É dessa maneira que vão abordar”, disse.

Taís Araújo também revelou que sofre racismo desde pequena

4. Preta Gil

 

A cantora já teve sua conta no Facebook invadida e foi atacada com diversas frases preconceituosas.

“Meu Facebook foi atacado. Estou em estado de choque, racismo é crime. Será que eles não sabem ainda? No final da vida ninguém é diferente de ninguém e em vez de nos atacarmos, deveríamos nos unir. Quero paz e justiça para mim e para todo mundo”, disse Preta Gil em suas redes sociais.

Além de sofrer ataques racistas, Preta Gil já teve suas redes sociais invadidas

5. Rihanna

 

Eva Hoeke, editora da revista holandesa Jackie chegou a referir à cantora como “v**** negra” em um de seus textos.

A pressão nas redes sociais foi tanta que Eva acabou pedindo demissão do cargo.

Em uma entrevista para a Vogue Britânica, Rihanna comentou sobre o sofrimento das pessoas negras na sociedade.

“Eu acho que a brutalidade policial é provavelmente extremamente severa na América, mas o racismo está vivo em todo lugar. Em todo lugar é o mesmo. Ou é flagrante, o que está se tornando cada vez mais normal, ou é inconsciente, quando as pessoas nem sabem que estão sendo óbvias sobre isso”, disse.

As celebridades internacionais não estão imunes, Rihanna também já foi vítima de racismo

6. Oprah Winfrey

 

A famosa apresentadora contou durante seu programa que foi vítima de racismo enquanto fazia compras na Suíça.

O vendedor afastou a bolsa que Oprah estava olhando e afirmou que o produto era muito caro para ela.

Oprah Winfrey é uma das maiores apresentadoras do mundo, mas já sofreu por causa de sua cor

7. Halle Berry

 

Em uma entrevista para o Daily Mail, a atriz afirmou que existe muito racismo na indústria do entretenimento.

“Já fui chamada de nigger (termo pejorativo para pessoas negras) na minha cara. Mas existem maneiras mais sutis com que o racismo ocorre em Hollywood. Não me importo com o que os outros dizem. Eles podem achar que não existe, mas esses normalmente são os que não são negros. A luta de uma mulher negra para achar bons papeis ainda é muito presente e uma luta que travo todos os dias”, contou Halle Berry.

Halle Berry afirmou que o fato de ser negra já a impediu de conseguir bons papéis em Hollywood





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico