Imprimir

Notícias

12/08/2020 | 09h50m - Publicado por: Giovanna Prisco | Foto: Reprodução/Instagram/@aguinaldofsilva/@marcopigossi

Após críticas, Aguinaldo Silva alfineta Marco Pigossi

Autor mandou indiretas nas redes sociais

Após críticas, Aguinaldo Silva alfineta Marco Pigossi - Reprodução/Instagram/@aguinaldofsilva/@marcopigossi

Recentemente, Marco Pigossi participou de uma live nas redes sociais e criticou a reprise da novela Fina Estampa, em que ele interpretou Rafael.

Devido à pandemia do novo coronavírus, a Rede Globo interrompeu as gravações de Amor de Mãe e passou a transmitir a trama de Aguinaldo Silva, que foi ao ar originalmente de agosto de 2011 a março de 2012.

O ator afirmou que Fina Estampa deveria ser proibida de ser reprisada. Em sua conta no Twitter, Aguinaldo Silva rebateu as críticas.

"Um ator diz que Fina Estampa devia ser proibida de ser reprisada. Acho que ele quis dizer que os 50 milhões de espectadores que a veem deviam ser proibidos de gostar tanto da reprise da novela. E eu, que vivi os tempos da censura, achando que finalmente era proibido proibir", disse ele, sem citar nomes.

Aguinaldo Silva rebate críticas de Marco Pigossi

Em seguida, o autor seguiu a sua linha de pensamento.

"Aliás, deixem que lhes diga uma coisa: quando um artista que se considera libertário diz que o trabalho de mais de 150 pessoas que vivem das artes como ele devia ser proibido. Bem, alguma coisa está errada", escreveu.

Autor fez publicações nas redes sociais

Para concluir, Aguinaldo afirmou que aceita críticas, mas não censura.

"Críticas eu aceito, desde que não sejam à minha vida pessoal, que só a mim diz respeito. O que não aceito é que alguém, ainda mais um artista que se considera libertário, se manifeste a favor da censura, ou seja, de tudo de autoritário e fascista que existe por trás dela", concluiu.

Aguinaldo Silva mandou indiretas para Marco Pigossi

Entenda o caso

 

Longe da Globo desde 2018, Marco Pigossi agora resolveu ser sincerão sobre a decisão da emissora de reprisar a novela Fina Estampa, na qual interpretou Rafael. 

Em live com João Vicente de Castro no Instagram do canal GNT, o ator falou que se envergonha da trama de Aguinaldo Silva, pois acredita que algumas falas e formas que alguns assuntos são tratados não 'pegam bem' hoje em dia.

Ele falou que considera uma 'loucura' reprisá-la, por conter muitas barbaridades, mas também falou que tinha vergonha assistir a si mesmo naquela época. 

Primeiro, o galã começou a criticar sua própria atuação e aparência nas cenas, pois tinha apenas 22 anos e hoje em dia não gosta de como estava seu cabelo. 

"Essa Fina Estampa, que está passando agora, foi 2011. Eu tinha 22 anos, com umas mechas loiras no cabelo...", disse Marco Pigossi, que confessou que sente vergonha em ver seus trabalhos antigos. 

Depois, ele direcionou sua crítica ao roteiro e ao pensamento da época, que ele acredita estar muito destoante da sociedade atual. 

"Fora o que se falava. Essa novela deveria ser proibida de reprisar, porque são tantas barbaridades. É tanta barbaridade, que é uma loucura passar uma novela dessa", disparou. 

"Eu tenho vergonha de algumas coisas que são faladas na novela, de como são tratadas na novela. Tenho vergonha um pouco também da minha atuação, tenho vergonha das minhas mechas loiras. Mas faz parte. É interessante também olhar para trás", acrescentou.

Marco Pigossi decide não viver no Brasil
Marco Pigossi arrasa no inglês em vídeo da Netflix. Veja!





Notícias Relacionadas

11/08/2020 | 23h00m - Giovanna Prisco

Fina Estampa: Danielle decide enfrentar os jornalistas

11/08/2020 | 22h00m - Giovanna Prisco

Totalmente Demais: Eliza e Arthur discutem

11/08/2020 | 21h00m - Giovanna Prisco

Novo Mundo: Piatã visita memória particular de Tibiriçá



Instagram

Instagram

OFuxico