Imprimir

Notícias

07/03/2021 | 05h00m - Publicado por: Rita García | Foto: Reprodução/Instagram

Apresentadora acusa a Família Real de não apoiar Meghan Markle

Exigem que a rainha Elizabeth II e a realeza peçam desculpas à Duquesa de Sussex

Apresentadora acusa a Família Real de não apoiar Meghan Markle - Reprodução/Instagram

A co-apresentadora do programa The View, Sunny Hostin, criticou a família real por não proteger Meghan Markle quando ela era da realeza. Hostin acredita que todos no palácio 'deveriam se desculpar imediatamente' com a Duquesa de Sussex 'pelo abuso racial que ela sofreu no Reino Unido'.

Sunny criticou o comportamento do Palácio de Buckingham, que em vez de 'expor' alegações de anos atrás sobre o suposto 'assédio laboral' de Meghan com dois ex-funcionários, a realeza 'deveria apoiá-la'.

Em declarações com as outras apresentadoras, Whoopi Goldberg, Meghan McCain, Sara Haines e Joy Behar, depois que o Palácio lançou uma investigação sobre as acusações de comportamento intimidador de Meghan contra funcionários, Sunny disse que a realeza deveria ter feito mais pela esposa do Príncipe Harry.

Palácio de Buckingham investiga acusações de Meghan Markle

"Acho que eles estão muito preocupados - a Firma, o Palácio, a Família Real - com a entrevista de Oprah, para trazer à luz algumas alegações de dois anos e meio atrás, de Meghan supostamente intimidando os funcionários enviando e-mails às 5h da manhã", reclamou.

"Meu Deus, eu envio e-mails à 1h, 2h, 5h ... Eu teria muitos processos contra mim se fosse comportamento criminoso", afirmou Sunny, acrescentando que isso não é motivo para expor Meghan. Afinal, são e-mails, 'que você vê na hora que quiser ou quando começa o seu horário de trabalho'.

Sunny Hostin continuou: "Estou realmente chocada que fizeram isso em vez de tentar reparar essa lacuna, em vez de apoiar Meghan e Harry... acredito que [Harry] tirou sua esposa e família da Inglaterra por causa do terrível ódio racial a que ela foi submetida, e ele diz que não quer que a história se repita depois do que aconteceu com a mãe dele com a mídia. Estou surpresa que eles nem tentaram se desculpar por não protegê-la mais e, em vez disso, fizeram isso. Acho que isso diz muito sobre como é o funcionamento da família real", acrescentou.

Príncipe Harry teve medo que Meghan tivesse mesmo destino de Lady Di

A co-apresentadora, Meghan McCain, concordou, chamando algumas das alegações de bullying de "ridículas":

"Uma das coisas de que eles a acusam em seu abuso é mandar um e-mail para a equipe no início da manhã. No momento, eles estão tentando fazer Meghan Markle parecer muito, muito mal, até mesmo acusando-a de usar brincos de diamante que o Príncipe da Arábia Saudita deu a ela após o assassinato de Jamal Khashoggi. E todos esses são fatos que, suponho, são conhecidos há muitos anos, por que eles estão divulgando isso agora?", McCain questionou.

Joy Behar também está de acordo e alfinetou: “Na monarquia britânica, eles vão apenas tornar sua vida miserável, é melhor você seguir a linha. Eles não gostam quando você os enfrenta. Veja o que aconteceu com Diana, a mesma coisa, o que aconteceu. Então, estou na equipe Meghan Markle" , avisou. 

Amiga sai em defesa de Meghan Markle e mostra fotos raras

Meghan se defende

 

 
Um representante de Meghan Markle emitiu uma declaração da Duquesa de Sussex sobre essas acusações, dizendo que ela se sente triste pela campanha de difamação que o Palácio autorizou'
 
"Uma campanha de difamação calculada, baseada em informações enganosas e prejudiciais. Não é uma coincidência que as alegações distorcidas de vários anos atrás, com o objetivo de minar [a imagem da] Duquesa, estejam sendo divulgadas na mídia britânica pouco antes dela e o Duque falarem abertamente e honestamente sobre sua experiência nos últimos anos", disse o representante do casal.

A própria Duquesa fez saber, através do seu porta-voz, que está “entristecida pelo ataque” contra ela, especialmente considerando que ela tem sido “alvo de assédio” quando também apoia pessoas com experiências semelhantes:

"Ela está determinada a continuar seu trabalho, gerando compaixão em todo o mundo, e continuará a se esforçar para dar o exemplo fazendo o que é certo e bom”, concluiu o porta-voz.

 





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico