Imprimir

Notícias

13/07/2020 | 00h00m - Publicado por: Flávia Ávila | Foto: Reprodução/Instagram

Assim como Kanye West! Veja famosos que investiram na política

Se o marido de Kim Kardashian quer ser presidente dos Estados Unidos, outras celebridades já se aventuraram no executivo e legislativo

Assim como Kanye West! Veja famosos que investiram na política - Reprodução/Instagram

Se a corrida pela presidência dos Estados Unidos parecia ser um grande embate entre Donald Trump e Joe Biden, Kanye West decidiu chegar aparecer para pipocar isso ainda mais. Apesar de estar atrasado e ter perdido o prazo para dar o seu nome nas prévias das votações em alguns estados, ele ainda é capaz de se candidatar pois no país norte-americano não há um prazo estabelecido para concorrer ao maior cargo político da nação.

Kanye West está com foco na Presidência nos Estados Unidos

Com este anúncio, uma outra celebridade da terra de Tio Sam resolveu também ser presidente: Paris Hilton! A socialite, que é  descrita pelo público como patricinha, foi até o seu perfil no Instagram compartilhar um vídeo no qual falava do interesse em 'brigar' pela posição. 

Bom, se é verdade ou não, daí é questão de aguardar os próximos capítulos, né?!

Mas você se lembra de outras celebridades que se envolveram com a política? Elas existem e você pode ver logo abaixo. Tiririca não foi o único marco famoso brasileiro! Separamos 12 personalidades. 

Confira!

Paris Hilton diz que vai concorrer à presidência dos EUA

Arnold Schwarzenegger

 

Arnold Schwarzenegger foi governador da Califórnia

O astro austríaco de O Exterminador do Futuro foi o 38º governador do estado da Califórnia, nos Estados Unidos. Tendo ocupado a cadeira de 2003 até 2011, totalizando dois mandatos, ele teve altos e baixos e perdeu a reeleição após um período complicado na economia do país em 2008.

Tiririca

 

O comediante é deputado federal por São Paulo

"Vote Tiririca, pior que tá não fica" era o slogan da campanha do humorista para tentar uma vaga como deputado federal em 2010. E ele conseguiu, sendo eleito pelo estado de São Paulo com mias de 1,3 milhões de votos.

Entre investigações e a polêmica sobre ele ser analfabeto ou não, Tiririca continuou na Câmara Federal e conseguiu se reeleger mais duas vezes, mantendo-se como deputado federal até o momento.

Romário

 

Romário é senador pelo Rio de Janeiro

O ex-futebolista e considerado um crauqe, Romário entrou para a política brasileira em 2010, se elegendo como deputado federal pelo Rio de Janeiro.Já na eleição de 2014, ele deu um passo maior e foi eleito senador pelo estado carioca. 

Em 2018, Romário tentou o governo do Rio, mas não conseguiu, o que o fez continuar como senador.

Gilberto Gil

 

O cantor GIlberto Gil foi ministro da cultura e também vereador de Salvador

Durante o governo presidencial de Lula, de 2003 a 2008, o cantor baiano liderou o extinto Ministério da Cultura. Porém, em 1988, Gil também vereador de Salvador.

Regina Duarte

 

Regina Duarte teve uma rápida passagem pelo governo de Jair Bolsoonaro

Neste ano, o Presidente Jair Bolsonaro nomeou Regina Duarte para comandar a secretaria da Cultura em março, após a queda do ex-secretário, Roberto Alvim. Entretanto, em maio, ela anunciou sua saída da posição alegando sentir falta da família.

Para substituir Regine, o ator Mario Frias recebeu a posse da Secretaria Especial da Cultura no último dia 19 de junho.

Clodovil

 

Clodovil foi deputado federal por São Paulo

Irreverente, sem papas na língua, afilnetadas em seu programa na TV, polêmicas... O estilista paulista foi um ícone brasileiro! Antes de morrer, em 2009, ele também deixou sua marca na política. Eleito com quase 500 mil votos, Clodovil foi eleito deputado federal por São Paulo em 2006.

 

Netinho de Paula

 

Netinho de Paula foi vereador de São Paulo

O cantor e apresentador foi vereador de São Paulo por dois mandatos, de 2008 a 2016. Mas antes de concluir o segundo, em 2015, foi cassado com a alegação de infidelidade partidária e o seu suplente assumiu.

Sérgio Reis

 

Sérgio Reis já foi deputado federal por São Paulo

Ícone da música sertaneja do Brasil, Sérgio Reis teve uma passagem pela política. O cantor foi eleito deputado federal por São Paulo em 2014. Apesar de cogitar seguir para um segundo mandato, o astro não tentou a reeleição, em 2018, em razão de problemas de saúde.

Sua esposa concorreu no lugar, sem sucesso.

Agnaldo Timóteo

 

Agnaldo Timóteo foi deputado federal, vereado e tentou entrar para a política em 2014 novamente, sem sucesso

Agnaldo Timóteo tentou uma vaga como deputado federal pelo Rio de Janeiro em 2014, mas não obteve sucesso. Entretanto, essa não foi a primeira vez que o cantor teve contato com a política.

Lá nos anos 1980, mais precisamente de 1983 até 1987, ele foi deputado federal pelo estado fluminense. De 1995 a 1996, substituiu Amaral Neto, quando este morreu, na Câmara Federal. Deixou o cargo para tentar a vereança do Rio e conseguiu, ficando de 1997 até 2000.

Em seguida, transferiu-se para São Paulo, e foi vereador da metrópole de 2005 até 2010, quando licenciou-se em para concorrer a uma vaga na Câmara dos Deputados nas eleições de outubro. Porém, obteve apenas uma suplência. Foi candidato à reeleição em 2012, sem sucesso.

 

Thammy Miranda

 

Thammy Miranda tentou ser vereador de São Paulo em 2016 e, neste ano, tentará novamente

Nas eleições de 2016, Thammy Miranda, filho da cantora Gretchen, foi candidato a vereador de São Paulo e obteve 12.408 votos, no entanto, acabou como suplente da coligação e até enfrentou uma batalha judicial na tentiva de assumir o cargo quando o então vereador Camilo Cristófaro teve o mandato cassado pela Justiça (o qual recuperou a partir de uma liminar).

Neste ano, Thammy já avisou que é pré-candidato como vereador na capital paulista.

Jean Wyllys

 

Jean Wyllys foi eleito deputado federal três vezes, mas ocupar o cargo integralmente em apenas dois mandatos

Participante do Big Brother Brasil de número 5, ele foi pra final com Grazi Massafera e ganhou a edição. Ativista, principalmente pelos direitos LGBTQIA+, ele se lançou na política como deputado federal pelo Rio de Janeiro. Foi reeleito em 2014 e 2018, só que desistiu do último mandato devido as constantes ameaças e foi morar fora do Brasil, além de passar a se dedicar ainda mais à carreira acadêmica.

Silvio Santos

 

Silvio Santos já tentou ser Presidente do Brasil

O dono do SBT se lançou à Presidência da República em 1989. Poucos dias antes das eleições, a candidatura foi impugnada pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) por problemas no registro da sigla do partido pelo qual ele concorria, o Partido Municipalista Brasileiro (PMB).

Na reta final da campanha, o famoso apresentador voltou à disputa substituindo Armando Correia e como não havia tempo para mudar o nome do candidato nas cédulas, ele gravou propagandas apenas pedindo votos para o número de Armando. Silvio não conseguiu se eleger.





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico