Imprimir

Notícias

24/01/2017 | 18h50m - Publicado por: Mayara Martins | Foto: Reprodução/Instagram/@_carolinie

Carolinie Figueiredo fala sobre corpo na gravidez: 'Mais flácido, mais caído, mais marcado'

Em sua conta oficial do Instagram, a atriz contou tudo sobre sua experiência com a maternidade

Carolinie Figueiredo fala sobre corpo na gravidez: 'Mais flácido, mais caído, mais marcado' - Reprodução/Instagram/@_carolinie

Nesta terça-feira (24), Carolinie Figueiredo fez uma publicação em sua conta oficial do Instagram na qual a bela contou tudo sobre sua experiência com a maternidade e as mudanças que a gestação trouxe à seu corpo. 

"Nunca vou esquecer a primeira vez que vi minhas estrias sem a barriga da gravidez. Um misto de culpa, arrependimento, fracasso pessoal. Como acolher esse corpo tão diferente? As formas redondas da gravidez estão justificadas ali. Meu corpo grande e redondo combinava com a barriga. Mas quando sai o bebê, fica o vazio. Não só o emocional do pós parto, mas também o vazio. É a hora de encararmos aquele corpo novamente como sendo só nosso. E como ele tá diferente: Mais flácido, mais caído, mais marcado… ou só diferente", disse.

Para a atriz, este período de gestação foi de grandes mudanças hormonais que representaram um grande desafio.

"Também é o momento das quedas hormonais. Aqui sempre foram avalanches. É um abismo que mora dentro. Misto de contradição, amor, dedicação… mas também dúvidas, amor, choques, solidão, ausência… E saudades de mim mesma em primeiro lugar. Como amar tanto um ser que veio de mim e me amar tão pouco? Como amar tanto essa nova pessoa que saiu de minhas células, do meu material genético e amar tão pouco? Olhar esse novo corpo que surgiu, acolher como sendo nosso ou o corpo desse nosso novo momento é doloroso, é um ato diário de praticar o auto-amor, o desapego. Falo aqui de algo mais profundo. De um encontro consigo mesma. Falo de corresponder às suas novas e reais vontades e ainda suprir os desejos de um bebê que chora", contou. 

A mamãe de primeira viagem encerrou seu post falando a respeito de como ela passou a ver seu corpo após a maternidade e todas as mudanças pelos quais ele passou durante o período de gestação.

"Hoje procuro olhar pra mim e pra minha real relação com meu corpo. De forma sincera, crua, dolorida mas verdadeira. Minhas expectativas foram redimensionadas. Tento me acolher com mais carinho. Mas tudo ao meu tempo, que é individual, subjetivo, único e necessário. Meu corpo é imperfeito, não é magro, mas é o MEU CORPO, e cabe a mim lidar com ele da melhor maneira", finalizou.

 

Nunca vou esquecer a primeira vez que vi minhas estrias sem a barriga da gravidez. Um misto de culpa, arrependimento, fracasso pessoal. Como acolher esse corpo tão diferente? As formas redondas da gravidez estão justificadas ali. Meu corpo grande e redondo combinava com a barriga. Mas quando sai o bebê, fica o vazio. Não só o emocional do pós parto, mas também o vazio. É a hora de encararmos aquele corpo novamente como sendo só nosso. E como ele tá diferente: Mais flácido, mais caído, mais marcado… ou só diferente. Também é o momento das quedas hormonais. Aqui sempre foram avalanches. É um abismo que mora dentro. Misto de contradição, amor, dedicação… mas também dúvidas, amor, choques, solidão, ausência… e saudades de mim mesma em primeiro lugar. Como amar tanto um ser que veio de mim e me amar tão pouco? Como amar tanto essa nova pessoa que saiu de minhas células, do meu material genético e amar tão pouco? Olhar esse novo corpo que surgiu, acolher como sendo nosso ou o corpo desse nosso novo momento é doloroso, é um ato diário de praticar o auto-amor, o desapego. Falo aqui de algo mais profundo. De um encontro consigo mesma. Falo de corresponder às suas novas e reais vontades e ainda suprir os desejos de um bebê que chora. Sei da importância de se exercitar pra além da estética, e acolho com carinho os conselhos de quem deseja que me cuide. Mas quero dizer que se cuidar ou se exercitar é diferente de emagrecer. É diferente de entrar nos neuróticos padrões da ditadura da beleza. Essa pressão de voltar os kilos é no mínimo cruel. Na minha profissão as mulheres já saem mais magras da própria maternidade, sempre me senti um alien. Acredito que cada mulher tem seu tempo, suas demandas internas. Decidi me descolar de comparações a padrões externos, tão distantes. Hoje procuro olhar pra mim e pra minha real relação com meu corpo. De forma sincera, crua, dolorida mas verdadeira. Minhas expectativas foram redimensionadas. Tento me acolher com mais carinho. Mas tudo ao meu tempo, que é individual, subjetivo, único e necessário. Meu corpo é imperfeito não é magro, mas é o MEU CORPO, e cabe a mim lidar com ele da melhor maneira. #cantodamulherquecanta

Uma foto publicada por Carolinie Figueiredo (@_carolinie) em





Notícias Relacionadas

13/12/2018 | 15h05m - Caroline Huertas

Famosas postam nota de repúdio a João de Deus

25/04/2018 | 14h08m - Julia Teixeira

Post de Caio Blat na web gera polêmica entre famosos

30/01/2018 | 11h51m - Gabriela Margato

Carolinie Figueiredo desabafa sobre autoestima na web



Instagram

Instagram

  • @thammymiranda realiza tratamento, para não ficar careca. Vem saber mais em #OFuxico!
  • @anitta contou algumas ações que vai fazer, durante o Carnaval, para divulgar os desodorantes da Rexona by Anitta, linha fruto da parceria da cantora com a @rexonabrasil
  • Confira o vídeo da campanha da linha de desodorantes Rexona by Anitta, fruto de uma parceria de @anitta com a @rexonabrasil
  • @fernandamontenegrooficial foi homenageada com um prêmio especial da entidade pelo protagonismo em defesa da liberdade de expressão em 4 áreas: televisão, teatro, cinema e literatura. No vídeo, ela fala de como São Paulo foi importante para a carreira dela e se emociona ao agradecer pelo prêmio (via @apcapremio )
  • Durante o evento de lançamento da linha de antitranspirantes da @anitta, em parceria com a @rexonabrasil, aconteceu um aulão com @ariellemacedo e @fabiobigboss, que ensinaram a coreografia do hit da campanha, Baila Comigo
  • A família cresceu! Camila Queiroz e Klebber Toledo adotam mais duas cachorrinhas.
(Via @camilaqueiroz)
  • @bifaoo celebrou o aniversário de 30 anos com um super festão, na presença de vários famosos e com @oficialdjbraga como responsável pela trilha sonora

OFuxico