Imprimir

Notícias

11/11/2019 | 08h50m - Publicado por: Flávia Almeida | Foto: Reprodução/Instagram/@heloisaperisse

Curada do câncer, Heloísa Perissé comemora: 'Optei pela vida'

Atriz fez sessões de quimio e radioterapia

Curada do câncer, Heloísa Perissé comemora: 'Optei pela vida' - Reprodução/Instagram/@heloisaperisse

Aos 53 anos, acostumada a fazer o público rir, Heloísa Perissé se emocionou durante entrevista ao Fantástico, exibida na Globo na noite de domingo (10). A atriz, diagnosticada com um câncer raro nas glândulas salivares, no último mês de agosto, falou de todo o processo e da cura para do Dr. Dráuzio Varela.

"Eu tinha uma bolinha na boca. Não doía, não sangrava. Fui ao dentista, mostrei, e uma médica tirou rapidinho e levou pra biópsia. Na hora me disse que era por precaução e que eu ficasse tranquila porque tinha só 1% de chance de ser alguma coisa. O médico falou: 'Lembra daquele 1%? Caiu pra você. Vamos fazer uma raspagem pra garantir que não vai ter mais células malignas'. Depois descobriu outra bolinha no pescoço e tive que fazer rádio e quimioterapia, as duas ao mesmo tempo. E aí começou uma guerra nuclear".

Após sete horas e meia de cirurgia, a artista teve que passar por cinco sessões de quimioterapia e mais 30 se radioterapia. 

"A primeira semana da químio meu corpo reagiu forte, mas na segunda eu fui ao chão. Um cansaço extremo, um desânimo. E nesse momento que foi a semana mais difícil pra mim eu fui passar o fim de semana no RJ, na minha casa. Eu recobrei as minhas baterias. Eu falei pro meu marido: 'A partir da terceira semana agora, coisas maravilhosas vão me acontecer'. E passaram a acontecer".

Ela destacou que a fé foi sua maior aliada. E, emocionada, chorou.

"É importante isso ser dito: não é nem o que te acontece. É o seu olhar em relação ao que está te acontecendo. É isso que muda. Quando você decide ver a beleza, quando você decide ver. É quando você diz assim: 'Deus não é contra mim, Deus é por mim. Eu não vou dizer que eu não tive altos e baixos porque isso é uma mentira. Eu tive um carrossel de emoções. Mas o que era mesmo o carro-chefe era a minha fé. Era o crer que aquilo seria resolvido. E eu optei pela vida, eu sempre optei pela vida".

As glândulas salivares são tecidos especializados na produção e secreção de saliva, formadas por dois tipos: as maiores e menores, podem desenvolver tumores benignos ou malignos.

Os principais sintomas que podem indicar um tumor nas glândulas salivares são: nódulo ou inchaço na boca, bochecha, mandíbula ou pescoço; dor contínua nestas regiões; feridas que sangram e não cicatrizam; e dificuldade para engolir. 

Heloísa Périssé celebra fim de tratamento contra o câncer





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico