Imprimir

Notícias

16/04/2020 | 15h52m - Publicado por: Michele Marreira | Foto: Divulgação/Dêssa Pires

Daphne Bozaski é a Benê de Malhação: ‘Me emociono até hoje’

Protagonista da reprise especial da edição que faturou o Emmy, atriz está escalada para viver Dolores Villar, na trama Nos Tempos do Imperador

Daphne Bozaski é a Benê de Malhação: ‘Me emociono até hoje’ - Divulgação/Dêssa Pires

Por conta da pandemia do novo coronavírus, a grade de programação da Globo foi alterada, assim como as demais emissoras, e passou a preencher seu horário de novelas com reprises especiais.

É o caso de Malhação Viva a Diferença, que retornou às tardes do canal, mostrando a rotina de cinco amigas que se conhecem de maneira totalmente inusitada. São elas: Keyla, Tina, Lica, Ellen e Benê, essa última, interpretada por Daphne Bozaski.

“Levo muitas lembranças boas de todo elenco. Além de ter sido a minha primeira novela, toda experiência de gravar uma obra aberta, foi um aprendizado que levarei para outros trabalhos”, recordou ela ao OFuxico.

A atriz que vive uma estudante autista no folhetim, destacou a cena mais tocante durante o projeto.

“O que mais me marcou foi quando a Benê conta para o pai que está no espectro autista. Era uma cena em que eu esperava muito para que chegasse, e me emociono até hoje quando assisto. Fazê-la me deu o privilégio de ter contato com muitas pessoas. É o que a torna única”, pontuou.

A artista relembrou o dia em que recebeu a notícia de que o trabalho havia conquistado o Emmy Kids Internacional, com premiação celebrada em Nova York.

“Fiquei extremamente feliz. Pois foi um trabalho feito com muita dedicação por toda equipe envolvida”, disse.

Benê de Malhação Viva a Diferença

Nos Tempos do Imperador

 

A curitibana de 27 anos, além de atuar, é uma exímia bailarina. Iniciou sua formação no balé clássico, para logo seguir com a dança contemporânea na Universidade Federal do Paraná.

Ela já estava gravando os capítulos da próxima novela das 18h, Nos Tempos do Imperador, quando a direção pausou a obra, por causa da pandemia global causada pela Covid-19. Até que tudo se normalize, Daphne aproveitou para dar detalhes de sua nova cria fictícia.

“A Dolores Villar foi criada pelo pai no recôncavo baiano. Ela o ajuda desde criança a cuidar da fazenda, então seus modos não são rebuscados. Sua irmã mais velha foge de casa, assim, este espaço vira o mundo de Dolores, que não sabe ler. O que era muito comum nas mulheres daquela época. Isso faz com que a personagem acabe agindo de modo ingênuo, o que pode causar muitos conflitos em sua vida e na de sua irmã”, adiantou.

Dolores Villar da novela Nos Tempos do Imperador

Maternidade: príncipe Caetano

 

Se a vida profissional é puro êxito, a pessoal segue cheia de desafios na vida da jovem mãe. Casada desde 2018, com o chef de cozinha Gustavo Araujo, o casal teve o primeiro filho, Caetano, que está com um ano e sete meses de idade.  

“Ter um filho é uma explosão de sentimentos. Amor por cada fase de crescimento, angústia quando ele se machuca, felicidade ao perceber que aquele ser tão pequeno tem uma personalidade própria... Incentivá-lo é o que mais fazemos. Os desafios são diários, a cada fase da criança, exige uma atitude e elas mudam muito rápido. Sempre pensamos qual é o melhor caminho para ensinar o Caetano. Mesmo assim, quando olhamos para trás, sempre vemos coisas que teríamos feito diferente com a experiência que adquirimos agora”, descreveu ela.

A realização de ser mãe do Caetano

O bebê tinha seis meses quando a profissional recebeu o convite para retornar à TV. Como será que a mãe de primeira viagem se sentiu, ao ter que deixar o filho recém-nascido para trabalhar? A culpa materna é real ou dá para conciliar a rotina e os sentimentos?

“É muito difícil quando são pequeninos, pois ainda amamentam, ficávamos 24hs juntos, então toda a rotina muda quando voltamos ao trabalho. Foram duas semanas em que ele se adaptou muito mais rápido do que eu. Agora um pouco maior, quando ainda saía para trabalhar, ele sentia falta, mas a rotina do Caetano já estava feita. Não sentia culpa por deixá-lo, ir trabalhar é outra parte que me completa. Sentia saudade do seu cheirinho, mas via o quanto ele aprendia quando estava fora. Na hora que voltava, o seu abraço já preenchia toda essa saudade”, explicou.

Em tempos de isolamento social, Daphne Bozaski concluiu dizendo como está se reinventando nas brincadeiras com o pequeno, para não cair no tédio em plena quarentena.

“Estamos preenchendo o tempo para fazermos as coisas juntos, almoçarmos com o Caetano, dando novos sabores para ele provar. Brincamos e nos afazeres de casa ele acaba nos ajudando, pega um paninho e vai limpando tudo que vê pela frente (risos). Colocamos música, dançamos... Estamos tentado manter a calma e criar uma rotina para o dia a dia com o nosso filho, tarefas de casa e o trabalho. Com a volta da Malhação colocamos na nossa programação assistir juntos”, finalizou.  

A atriz esbanjou beleza e franqueza em uma conversa exclusiva com OFuxico

Grávida, Daphne Bozaski recebe carinho de amigos de Malhação

O quinteto protagonista de Malhação

Veja os casais mais shippados de Malhação - Viva a Diferença





Notícias Relacionadas

16/04/2020 | 18h55m - Flávia Ávila

Veja quem são os famosos curados do coronavírus

16/04/2020 | 18h30m - Caroline Huertas

Gretchen aparece de lingerie em vídeo com namorado na cama



Instagram

Instagram

OFuxico