Imprimir

Notícias

18/02/2020 | 00h04m - Publicado por: Andreia Takano | Foto: AgNews

Débora Falabella vai com namorado no Prêmio APCA

Atriz posou no tapete vermelho com Gustavo Vaz

Débora Falabella vai com namorado no Prêmio APCA - AgNews

Na noite de segunda-feira (17), Débora Falabella posou no tapete vermelho do Prêmio APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes) ao lado do namorado, Gustavo Vaz. Discretos em relação ao romance, Débora e Gustavo ficaram juntinhos à noite toda.

O casal assumiu o romance em dezembro de 2019. A atriz estava solteira desde maio, quando terminou o relacionamento com Murilo Benício. 

Débora Bloch, Carol Duarte, Bruno Mazzeo e Júlio Andrade também estavam no evento.

Débora Falabella se declara ao novo namorado com poesia
Relembre os piores embates de Carminha e Nina em Avenida Brasil
Débora Falabella celebra retorno de Avenida Brasil na Globo
Débora Falabella aparece de biquíni às margens do Rio Negro

 

Débora Falabella e Gustavo Vaz

Recentemente, o Grupo 3 de Teatro, formado pelos atores Débora Falabella, Gabriel Paiva e Yara de Novaes, realizou uma curta temporada da peça Neste Mundo Louco, Nesta Noite Brilhante, da autora Silvia Gomez, no Teatro Vivo, localizado no bairro do Morumbi, zona sul de São Paulo.

Com Débora e Yara em cena, dirigidas por Gabriel, a peça aborda o encontro entre duas mulheres em uma estrada brasileira, após uma delas ser violentada.

Diversos famosos estiveram presentes, entre eles, a atriz Flávia Garrafa; o ator Daniel de Oliveira; a atriz Cynthia Falabella (irmã de Débora Falabella); a atriz e diretora Rachel Ripani, e outros.

Daniel de Oliveira, Flávia Garrafa e Cynthia Falabella (irmã de Débora) prestigiaram a reestreia de Neste Mundo Louco, Nesta Noite Brilhante

Na trama, enquanto aviões de várias partes do mundo decolam e aterrissam, a vigia do KM 23 de uma rodovia abandonada encontra jogada no asfalto uma garota que delira após ser violentada naquela noite estrelada.

"Terminei este texto no final do ano passado, mas ele começou a se materializar mesmo em 2015, dia após dia, diante do aumento dos casos de estupro e violência contra a mulher no Brasil, histórias que temos visto tomar as notícias. Acho que a peça é um desabafo, alegoria, uma resposta artística a essa realidade, buscando falar dela em outra camada: escrevo sobre um encontro entre duas mulheres num KM abandonado do Brasil. Uma delas acaba de ser violentada e, no delírio da violência, fala”, revelou Silvia.

“Busco no delírio um diálogo com a realidade impossível de alcançar. De que sintoma complexo do nosso tempo e do nosso país as estatísticas falam? Não tenho respostas exatas, mas muita perplexidade e perguntas que procuro elaborar na cena absurda. Escrevi pensando no Grupo 3, pois há muito tempo queria criar algo só para eles, que são minha turma de Belo Horizonte, MG, com a qual comecei e troco há mais de 20 anos", completou.

Grupo 3 de Teatro no palco de Neste Mundo Louco, Nesta Noite Brilhante





Notícias Relacionadas

11/12/2020 | 23h00m - Giovanna Prisco

A Força do Querer: Ruy quer se vingar de Irene

11/12/2020 | 01h00m - Michele Marreira

Relembre os personagens de Maria Fernanda Cândido na TV

10/12/2020 | 23h00m - Michele Marreira

A Força do Querer: Cai a ficha de Joyce sobre Irene



Instagram

Instagram

OFuxico