Imprimir

Notícias

16/12/2019 | 18h37m - Publicado por: Julia Teixeira | Foto: Divulgação

Esposa de Asa Branca: 'Ele não aguenta mais'

Famoso locutor de rodeios teve que ser novamente internado, em São Paulo, após piora no quadro de saúde

Esposa de Asa Branca: 'Ele não aguenta mais' - Divulgação

Lutando contra uma recidiva de um câncer, na região da mandíbula, Asa Branca voltou a ser internado, esta semana, em São Paulo.

Durante conversa com a reportagem do A Tarde é Sua, programa comandado por Sônia Abrão, na RedeTV!, Sandra dos Santos, esposa do famoso locutor de rodeios, contou que ele teria até pedido para morrer, por conta de tal problema de saúde.

“Os médicos disseram que a infecção dele está muito forte, tanto a pulmonar, que é a pneumonia, quanto o câncer. O câncer já tomou tudo, até a coluna cervical. A carótida dele está toda envolvida pelo câncer e para os médicos não tem mais o que fazer, agora a gente só espera a vontade de Deus, que Deus faça o que for melhor para ele. A médica disse que talvez ele passe o Natal na sua casa, se a infecção ceder. Ela disse: 'na minha expectativa, ele tem mais um mês de vida'. Ele não aguenta mais, ele mesmo já pede para morrer. Ele pede para Deus toda hora: 'Tira meu sofrimento, não aguento mais sofrer'. Espero que ele faça uma passagem com todos os espíritos protetores protegendo ele”, chegou a dizer a mulher de Asa Branca, durante a entrevista.

Ainda de acordo com informações divulgadas na atração, o locutor teve febre de mais de 40 graus e as injeções de morfina já não estão mais fazendo efeito, no atual estado de saúde de Asa Branca.

Recentemente, ele, aliás, aproveitou uma melhora no quadro para marcar presença no evento de lançamento de sua biografia, que aconteceu em São Paulo.

Internação em setembro

Asa Branca já tinha sido internado, em setembro deste ano, devido a complicações em decorrência de um câncer na garganta.

A mulher do locutor de rodeios, Sandra Santos, falou à Rede TV sobre o delicado estado do marido, na ocasião.

"Não vejo solução. Estava marcada a cirurgia de retirada da válvula, aí adiou. Disseram que tem um segundo plano, mas não sei qual é", disse.

Sandra explicou ainda que o delicado procedimento teria de retirar parte do rosto de Asa Branca, que não poderia ser reconstruído por cirurgia, mas foi cancelado pelo estado de saúde crítico de saúde.

Asa Branca tentou tratamento nos Estados Unidos, mas piorou e teve que voltar para o Brasil. No estágio avançado em que a doença está, a quimioterapia foi descartada.

"Seria uma quimio fraca só iria maltratá-lo e não iria matar o câncer", enfatizou Sandra.

Principal locutor de rodeios nos anos 90, Asa Branca tinha sempre o mesmo ritual antes de trabalhar. Tomava de uma a quatro doses de uísque misturado com água, sem gelo, rezava um Pai-Nosso, uma Ave-Maria e fazia o sinal da cruz. Só então entrava em seu helicóptero MD 500 e pedia para o piloto "arrebentar", seguindo rumo ao centro da arena de rodeio. Já na descida, o homem de 1,90 metro e voz grave começava a agitar a plateia ainda no ar, com um microfone sem fio. Pedia a todos os presentes que ficassem em pé. Muitos tiravam o chapéu e o balançavam com as mãos. Depois da aterrissagem, o caubói caído dos céus se ajoelhava diante do público, que em alguns casos chegava a 50 mil pessoas.

"Boa noite, meu Deus, boa noite, minha Nossa Senhora", anunciava o maior locutor da história do rodeio nacional.

É grave o estado de saúde de Asa Branca





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico