Imprimir

Notícias

21/07/2020 | 00h00m - Publicado por: Raphael Araujo | Foto: Grosby Group

Ex de Johnny Depp afirma ter sido ameaçada várias vezes

Amber Heard disse em julgamento do astro contra o The Sun que foi ameaçada de morte várias vezes no casamento

Ex de Johnny Depp afirma ter sido ameaçada várias vezes - Grosby Group

O capítulo mais atual da briga judicial entre Johnny Depp e Amber Heard está se tratando de um julgamento após o ator de Piratas do Caribe processar o jornal britânico The Sun por chama-lo de “espancador de mulher” em 2018.

Na segunda-feira (20), a atriz de Aquaman compareceu a um tribunal em Londres para dar seu depoimento a favor do veículo, fazendo novas afirmações bombásticas e nada positivas sobre o astro.

Amber teria afirmado então que, em diversas ocasiões, o astro a ameaçou de morte, relatando um caso na qual Depp a segurou pelo pescoço e declarou: “Eu vou te matar e vou f*der seu cadáver”.

“Alguns incidentes foram tão graves que eu tinha medo que ele fosse me matar, intencionalmente ou apenas por perder o controle e ir longe demais. Ele ameaçou explicitamente me matar muitas vezes, especialmente mais tarde em nosso relacionamento”, afirmou Heard.

“Ele falou do nosso relacionamento estar 'vivo ou morto' e me disse que a morte era a única saída do relacionamento; a maneira como ele descreveria o que ele queria fazer comigo se eu o deixasse ou machucasse”, continuou ela.

“Por exemplo, machucando meu rosto para que ninguém mais me quisesse; e na forma de ele falar sobre outras pessoas de quem ele não gostava ou por quem se sentia ameaçado (detalhando como ele queria que alguém fosse torturado ou quão barato e fácil seria) mandar matar alguém”, concluiu Amber.

Ainda, durante seu testemunho, a atriz respondeu a perguntas sobre suas alegações de abuso feitas contra o ex-marido, na qual acusa o astro de bater nela diversas vezes entre 2013 e 2014.

Depp nega todas as acusações, chegando a declarar anteriormente em alguns momentos que na verdade a artista era quem batia nele.

Winona Ryder e Vanessa Paradis deixam caso de Depp e Heard
Entenda a batalha judicial de Johnny Depp e Amber Heard

Winona Ryder defende Johnny Depp de acusações de violento

 

Uma vez mais Winona Ryder saiu em defesa de Johnny Depp, com quem namorou no passado. A atriz insistiu que seu ex-namorado 'nunca foi violento ou abusivo com ninguém', em uma declaração de testemunha para apoiar sua defesa em seu processo de difamação em andamento.

"Entendo que é muito importante falar por minha própria experiência, pois obviamente não estava lá durante o casamento dele com Amber, mas, por minha experiência, que era tão descontroladamente diferente, fiquei absolutamente chocada, confusa e chateada quando ouvi as acusações contra ele", afirmou.

"A ideia de que ele é uma pessoa incrivelmente violenta é a coisa mais distante do Johnny que eu conheci e amei. Não consigo entender essas acusações", acrescentou Winona. "Ele nunca, nunca foi violento comigo. Ele nunca, nunca foi abusivo comigo. Ele nunca foi violento ou abusivo com alguém que eu já vi. Eu o conheço verdadeira e honestamente, apenas como um homem realmente bom - um cara incrivelmente amoroso e extremamente carinhoso, que era muito protetor comigo e com as pessoas que ele ama, e me senti muito, muito segura com ele. Não quero chamar ninguém de mentiroso, mas, pela minha experiência com Johnny, é impossível acreditar que tais alegações horríveis sejam verdadeiras. Acho extremamente perturbador, conhecendo-o como eu."





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico