Imprimir

Notícias

16/09/2020 | 05h00m - Publicado por: OFuxico | Foto: Reprodução/Instagram

Fim de Keeping Up With the Kardashians pode ser estratégia

Há quem acredite que Kris Jenner não faz as coisas sem pensar

Fim de Keeping Up With the Kardashians pode ser estratégia - Reprodução/Instagram

A notícia de que no ano que vem terminam as transmissões do popular programa do canal E! Keeping Up With the Kardashians pode ser uma estratégia comercial da matriarca e empresária da família, Kris Jenner. Na semana passada, Kim Kardashian deixou os fãs do reality show tristes ao anunciar que em 2021 a temporada 20 será a última. 

Mas agora a revista OK! afirma que isso pode ser apenas uma estratégia de Kris Jenner para ganhar muitos milhões a mais com um novo contrato, longe das câmeras do canal E!, que já chegou a pagar em 2017, US$ 150 milhões (R$ 796 milhões) por uma renovação de quatro temporadas. 

Segundo fontes próximas à produção do show, há relatos de que gigantes do streaming, como Netflix, Apple e Amazon, estejam negociando a continuação do polêmico programa familiar. Quem der mais, leva o programa. 

"Existe uma negociação (...) Kris não dá ponto sem nó... ela sabe o que está fazendo, e pode surgir um contrato milionário para beneficiar a todos", comenta um informante. 

Recentemente Jenner falou sobre a notícia do final da série, revelando que todos estavam tristes por terminar esse ciclo. 

Kim Kardashian amplia sua marca para gestantes
Khloe Kardashian ainda chora por término de reality
Kris Jenner pode ser convidada para novo reality show

Sem spin-off

 

Ryan Seacrest, um dos produtores e criadores do reality show Keeping Up With the Kardashians, assegurou que não haverá mais programas derivados do show, que finalizará ano que vem, em sua temporada 20. 

Keeping Up With the Kardashians durou 14 anos no ar e teve muitos spin-offs como Kourtney and Kim Take Miami, Life Of Kylie, Dash Dolls, Khloe & Lamar e Rob & Chyna. 

Mas agora Seacrest disse na quarta-feira (9) que não há novos spin-offs planejados. 

Durante sua participação no programa Live With Kelly and Ryan, o apresentador refletiu sobre como o show de sucesso começou com uma câmera de vídeo comprado nas lojas Best Buy e um churrasco de família com Kim, Khloe e Kourtney e o resto do clã. 

"Kris é como uma irmã, uma grande amiga. Há cerca de 14 anos e meio, ela pretendia fazer uma série com a família, e eu estava procurando minha primeira série para produzir. Nos conhecemos e lembro que iam fazer um churrasco na casa dela. Corremos e compramos uma câmera na Best Buy. O cenário foi um churrasco em família onde as meninas deixavam transparecer sua personalidade. Houve gritos, risos, abraços, todos os ingredientes para fazer um show", relembrou o apresentador. 

"Fizemos um vídeo de sete minutos e mostramos ao canal E!, e colocamos o programa no ar semanas depois", lembrou o produtor.





Notícias Relacionadas

17/09/2020 | 11h20m - Giovanna Prisco

Kim Kardashian continua apoiando Kanye mesmo com polêmicas

16/09/2020 | 20h00m - Andreia Takano

Kim Kardashian deixa Kourtney e Disick em saia justa



Instagram

Instagram

OFuxico