Imprimir

Notícias

04/08/2020 | 09h12m - Publicado por: Marcelo Mendes Barroso | Foto: Daniel Cespedes / CG Comunicação (divulgação)

Geisy Arruda lança segundo livro com histórias mais picantes

Geisy Arruda promete muito mais erotismo e histórias picantes em seu novo livro digital

Geisy Arruda lança segundo livro com histórias mais picantes - Daniel Cespedes / CG Comunicação (divulgação)

No próximo dia 5 de agosto, quarta-feira, Geisy Arruda lança seu segundo livro de contos eróticos “Desejo proibido”. Após o sucesso sua primeira publicação “O prazer da vingança” a beldade promete uma obra com muito mais histórias picantes.

Geisy Arruda para maiores: as fotos picantes da influencer

“Meu segundo livro vem cheio de histórias picantes, tem sexo no táxi, no avião, suruba com mais de 20 pessoas, sexo fora do Brasil, perda de virgindade, podolatria e BDSM. Muitas histórias são verdadeiras, porém o livro é meu diário secreto, é a forma de encontrei de expressar meus desejos mais proibidos sem ser cancelada, já que vivemos em uma sociedade tão conservadora e machista.”

O livro digital tem 105 páginas e reúne 13 histórias picantes, todas ilustradas de belos ensaios fotográficos sensuais e ousados com a própria Geisy deixando o leitor ainda mais instigado.

“Escrevi o livro durante a quarentena, foi muito difícil, pensar putaria enquanto o mundo está um caos por conta da luta contra o Coronavírus, sinto-me realizada só em ter conseguido o feito de escrever o Livro! Espero que todos gostem e gozem muito com ele”.

Geisy Arruda sensualiza no Dia dos Namorados: ‘Bundia’

Geisy na quarentena

Em entrevista a OFuxico, Geisy confessou que os dias de isolamento social têm sido bem complicados, principalmente para escrever sobre sexo, já que fica bastante deprimida com as notícias e a situação do mundo. 

"Estou há mais de 80 dias de quarentena, porque moro com meus pais, que são do grupo de risco. O isolamento social, a quarentena, tem sido um grande problema para mim, uma grande luta, porque eu sempre gostei de viajar. Inclusive, meu aniversário foi dia 5 de junho agora e eu acabei fazendo uma live proibidona para não passar essa data em vão e para que eu não ficasse triste em casa. Eu sou uma pessoa extremamente comunicativa, gosto de sair, gosto de uma hora estar aqui, outra hora estar ali, e estar trancada dentro de casa me afeta emocionalmente. Não saber do meu futuro, não termos uma vacina para a COVID-19, não termos uma previsão de fim... isso é um tormento. Mas, mesmo com tudo isso, ainda assim consegui, com muito custo - porque teve dias que não conseguia produzir nada –, escrever o meu segundo livro. Terminei na semana passada, fiz as fotos e já está na parte de produção, tratamento de fotos e tudo mais. Demorei cerca de dois meses para fazer esse segundo livro no meio da pandemia, foi bem difícil. Tinha dias que eu não conseguia pensar em nada relacionado a sexo e put*ria, porque eu estava muito triste com as notícias, com o número de mortes, enfim... Mas tinha dias que eu tomava um vinho, ficava sem ver noticiário uns dois, três dias para não absorver as notícias e tentava me concentrar para escrever. E consegui", contou ela. 

No bate-papo, ela até havia comentado que estava ansiosa para que seus leitores pudessem conferir a novidade e estava com as expectativas altas para ele. 

"Espero que as pessoas gostem, pois foi feito diferente do primeiro livro, foi feito no meio de uma pandemia... Foi bem difícil. Cada conto que finalizava era uma vitória. Estava muito triste, abatida por conta de tudo, mas consegui graças a Deus e está aí, feito com muito amor, por isso espero que todos gostem", declarou. 

Geisy Arruda comemora aniversário com doces eróticos e bolo em forma de bumbum





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico