Imprimir

Notícias

17/12/2011 | 13h00m - Publicado por: Aline Genachi | Foto: Divulgação/Rede Record

Gui Pádua se reúne com a Record para saber seu futuro

O paraquedista encerrou o contrato que firmou com a emissora ao entrar em A Fazenda

Gui Pádua se reúne com a Record para saber seu futuro - Divulgação/Rede Record

Gui Pádua teve uma passagem nada discreta em A Fazenda 4. O paraquedista esteve envolvido em diversas brigas e discussões, mas em conversa com O Fuxico, ele garantiu que não é marrento.

“Nunca fui marrento, mas eu sempre fui bateu levou. E lá dentro (no reality show) não existe o bateu levou, lá existe o apanhou, fica quieto e perdoa, porque daqui a pouco nós vamos trabalhar, almoçar e jantar juntos.”

Gui afirma que não foi xingado nas ruas ao deixar o programa e que era chamado de jogador pelas pessoas, coisa que ele assume que foi dentro da casa.

“Na rua a galera me chamava de jogador, de alguém que cutucava as feridas dos outros, mas que era verdadeiro. E foi isso que eu tentei passar no jogo. Não medi palavras na hora de botar o dedo nas feridas das pessoas. Eu fui um jogador.”

+DANI BOLINA DIZ QUE ELE É OUTRO FORA DA CASA

Ele disse ainda que a partir de sua passagem pelo reality show e dizer para quem queria ouvir que estava jogando para valer, ele acredita que o jogo dos próximos peões vai mudar.

“Eu acho que em todas as edições do programa, daqui para frente, as pessoas vão mudar dentro do jogo, elas não vão ter vergonha de assumir que estão jogando.”

Ele completa que não se arrepende de nada do que fez dentro do programa

“Não me arrependo absolutamente de nada, porque em nenhum momento eu menti. Eu simplesmente não omiti, coisa que muita gente fez e eu fui lá e falei as verdades que eu achava e mandei ver mesmo.”

O paraquedista ressalta que as pessoas não devem encarar a experiência de confinamento como uma possibilidade de aparecer na mídia ou alavancar a carreira, e sim como uma experiência de vida.

“Se você encarar o reality show como uma experiência externa, de imagem, você está ferrado. Não vá. Mas se você olhar como uma experiência de vida, você traz de lá coisas positivas para a vida aqui fora. E foi isso o que eu tentei fazer: aprender. Aprender a perdoar, a ter calma.”

Sobre seu futuro, ele disse que irá até a Record para resolver questões contratuais e saber seu futuro dentro da emissora.

“Vou ter reuniões para ver questões contratuais, para saber se eu fico na Record ou se sigo outros caminhos para terminar o ano com alguma coisa definida.”

O Fuxico: O site que é referência sobre famosos. Notícias apuradas, sempre em primeira mão.





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico