Imprimir

Notícias

19/07/2020 | 09h00m - Publicado por: OFuxico | Foto: Reprodução/Instagram

Jim Carrey revela que Reneé Zellweger foi o amor de sua vida

Os dois namoraram no passado, após se conhecerem no set de Me, Myself and Irene, em 1999

Jim Carrey revela que Reneé Zellweger foi o amor de sua vida - Reprodução/Instagram

Jim Carrey reconheceu em sua nova 'semi-biografia', Memórias e Desinformação, que sua ex-namorada Renée Zellweger foi 'o amor de sua vida', mais de duas décadas após o romance de um ano ter chegado ao fim.

O ator de 58 anos admitiu que a vencedorado Oscar foi 'realmente especial para ele', durante uma entrevista com Howard Stern no Sirius XM, depois de oferecer uma visão do relacionamento deles em sua autobiografia satírica.

Jim e Renée, de 51 anos, namoraram por um ano depois de se conhecerem durante as filmagens de "Me, Myself & Irene", e se separaram em 2000.

Jim falou abertamente sobre seu relacionamento com Renée, dizendo que até ele ficou surpreso com a revelação:

"Isso é verdade e ela era especial para mim, muito especial. Eu acho que ela é encantadora.", comentou.

Durante a entrevista, Jim Carrey também discutiu seu relacionamento com a cantora texana Linda Ronstadt, hoje com 74 anos, anos antes de chegar à fama como uma estrela de Hollywood, insistindo que ele olha com carinho para o relacionamento passado, apesar dos 11 anos de diferença de idade que havia.

Ele disse: "Agradeço às pessoas que passaram pela minha vida pelo bem que me deram e é por isso que (Ronstadt) tem um lugar especial no livro... Porque, você sabe, pode ter parecido uma espécie de ... situação de brinquedo infantil para algumas pessoas olhando de fora, mas ela me tratou com um respeito incrível.", relembra.

Apenas um ano depois de divulgar seu romance, o casal se separou em 2000 e Renée se casou com o músico Kenny Chesney em 2005, mas se divorciaram apenas quatro meses depois.

Ela também namorou Bradley Cooper e o músico Doyle Bramhall II, de quem se separou no ano passado.

Enquanto isso, Jim foi casado com Melissa Womer de 1987 a 1995, e Lauren Holly por um ano em 1996, e também namorou Jenny McCarthy por cinco anos até 2010.

Jim Carrey afirma que críticas ao 1º trailer ajudaram Sonic



Biografia em forma de sátira

O ator Jim Carrey vai publicar este mês sua semi-autobiografia chamada Memoirs and Misinformation (Memórias e Desinformação), co-escrito pela autora de Mergers and Acquisitions, Dana Vachon. E segundo o comediante o livro é uma sátira a Hollywood sobre um ator chamado Jim Carrey, cuja carreira fictícia se parece muito com a do comediante canadense. Carrey descreveu o livro na Amazon: "Nada disso é real, mas é tudo verdadeiro".

E falando sobre suas próprias memórias, Jim Carrey acredita que tem um famoso que vai ficar furioso com ele: Tom Cruise. O ator não explica em que contexto Cruise aparece na história, mas Jim assegurou que Tom vai querer bater nele quando o vir.

"Estamos apenas nos divertindo com algumas coisas de Hollywood", Carrey acrescentou. "Eu conheço Tom Cruise. Ele pode até me bater, mas eu, vou levar um soco por essa peça de arte. Eu acho que ele vai amar", afirma.

O nome da estrela de Missão Impossível não aparece no livro por questões legais, porém ele é representado por um personagem que se chama Laser Jack Lightning.

Conversando com o jornal New York Times, Carrey explicou: "Jim Carrey nesse livro é uma representação - ele é o avatar de alguém na minha posição. Do artista, da celebridade, da estrela. O mundo e todos os seus excessos, a fome, o foco e a vaidade. Algumas coisas são bem atuais. Você só não vai saber qual é qual. Mas até as qualidades fictícias do livro revelam a verdade".

Segundo a publicação, que teve acesso a parte do conteúdo do livro, 'Memoirs and Misinformation fala sobre o Carrey fictício em meio a uma crise existencial, viciado na Netflix, Youtube e TMZ, com fixação em desaparecer e no eventual fim do mundo".





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico