Imprimir

Notícias

15/09/2020 | 08h30m - Publicado por: Marcelo Mendes Barroso | Foto: Reprodução GNT

João Vicente de Castro revela: ‘Fiz terapia dos 8 aos 32 anos’

Ator conta sua experiência no assunto

João Vicente de Castro revela: ‘Fiz terapia dos 8 aos 32 anos’ - Reprodução GNT

No Papo de Segunda desta segunda-feira (14), apresentado no canal GNT, o assunto de início do programa foi sobre o engajamento da emissora na campanha do Setembro Amarelo, que ajuda no combate ao suicídio.

O apresentador Fabio Porchat quis saber de João Vicente de Castro o que achava sobre terapia e ele já havia feito:

“Fiz terapia dos 8 até os 31, 32 anos sei lá. Só parei porque meu analista morreu. Eduardo Rosental, que Deus o tenha, apesar dele não acreditar em Deus”, revelou o ator.

E Porchat retrucou brincando:

“E morreu falando: ‘Mas eu não te dei alta não João’”.

“Posso estar falando besteira, mas eu não acredito nem em alta em terapia. Acho que é um negócio constante”, confessou João.

Papo de Segunda vai ao ar todas as segundas, as 22h30, no GNT.

Papo de Segunda desta seman

Marco Pigossi critica reprise de Fina Estampa: 'Loucura'

Minha culpa

Recentemente, João Vicente usou sua conta no Instagram para se pronunciar sobre o racismo e reconhecer sua parcela de culpa:

"Eu peço desculpas. Não por ser branco e privilegiado. Mas por todas as vezes que fortaleci essa engrenagem que oprime, que humilha e que mata. O racismo não é apenas um policial ajoelhado sobre o pescoço de um homem preto durante dez minutos até matar. O racismo não é só a morte de João Pedro. O racismo é mais perverso que os exemplos extremos, são todas as piadas que já fiz, todas as vezes que eu não quis, sem nem mesmo perceber, abrir mão do meu conforto social, do meu protagonismo e toda vez que eu não me esforcei ao máximo para combater o racismo", disse.

Em seguida, o ator se comprometeu a ajudar na luta.

"Me comprometo exercitar minha escuta, meu lugar de cala, ouvir mais, falar menos e lutar sempre. Eu reconheço minha culpa pela omissão motivada pela falta de compreensão profunda do problema, pelo passado e me apresento para a luta comprometida contra o racismo do presente e do futuro, a elaboração de quem somos nós, brancos, os responsáveis por criar e perpetuar o racismo é o primeiro passo para combater o racismo estrutural", finalizou.

João Vicente homenageia Fábio Assunção em post no Instagram





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico