Imprimir

Notícias

02/03/2020 | 08h29m - Publicado por: Flávia Almeida | Foto: Reprodução/Instagram

Juju Salimeni pode ser rainha de bateria no Rio de Janeiro

Musa fitness está na mira da Mocidade Independente

Juju Salimeni pode ser rainha de bateria no Rio de Janeiro - Reprodução/Instagram

Longe da folia de Rio de Janeiro desde que deixou o posto de musa da Unidos da Tijuca, onde desfilou em 2016 e 2017, Juju Salimeni pode voltar à Passarela do Samba carioca em 2021.

De acordo com a coluna Retratos da Vida, do jornal Extra, a musa fitness é cotada para assumir o posto de rainha de bateria da Mocidade Independente de Padre Miguel, onde, este ano, reinou Giovana Angélica, oriunda da comunidade. 

Em abril, Giovana volta para Nova York, onde mora, para completar os estudos na área de Turismo e ficaria difícil se dedicar à escola como deveria, além de ser bastante dispendioso.

Juju Salimeni desabafa: 'Nenhuma crise é eterna' 

Juju Salimeni mostra corpão em foto na praia

Juju Salimeni sobre rebaixamento da X-9 Paulistana: 'Injusto'

 

Vem, Juju

 

A publicação dá como certa a troca de majestade e afirma que Juju é o sonho da diretoria da verde e branco. A loura, por sua vez, gosta da ideia. 

"Eu tenho muita vontade de voltar para o carnaval do Rio. Mas minha escola em São Paulo está no grupo de acesso e desfila no domingo", disse ela, rainha de bateria da X9 Paulistana.

 

Contato ainda não foi feito

 

Juju contou que ainda não foi procurada pela Mocidade Independente, mas caso seja formalizado o convite, tem a resposta na ponta da língua. 

"Teria que conciliar as datas, mas adoraria, sim", disse. 

Na agremiação, o nome de Juju foi ventilado e bem aceito, porque dá retorno em mídia. 

"Além do mais ela é comprometida. Na Tijuca, até se mudou para cá para poder ir aos ensaios. Tem nome e sabe sambar", conta uma fonte ligada à escola.

 

X-9 rebaixada

 

Juju Salimeni brilhou bastante durante o Carnaval 2020 de São Paulo, à frente da bateria da X-9 Paulistana. A agremiação, que estava no Grupo Especial foi rebaixada para o Acesso.

"São três anos à frente dessa bateria, três anos que fui acolhida por uma comunidade guerreira, três anos que me sinto em casa e serão mais quantos anos, se me permitirem ter essa honra! X-9 Paulistana, estarei sempre com vocês, onde vocês estiverem! Nesse momento tão injusto e triste para minha escola, deixo aqui meu amor e parceria, que se depender de mim, será eterna! Amo vocês, X-9 e Pulsação Nota Mil", escreveu ela nas redes sociais.





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico