Imprimir

Notícias

03/07/2020 | 09h50m - Publicado por: OFuxico | Foto: Reprodução/Instagram

Kate Middleton e o Príncipe William estão com a agenda cheia

Desde a saída dos Duques de Sussex da realeza, os duques de Cambridge tem acumulado compromissos

Kate Middleton e o Príncipe William estão com a agenda cheia - Reprodução/Instagram

Agora que a Duquesa Meghan e o Príncipe Harry renunciaram aos seus deveres reais, os Duques de Cambridge, Kate Middleton e o Príncipe William estão com muitos compromissos acumulados e isso, segundo a imprensa inglesa, começa a afetar sua vida como um casal. Uma fonte comentou que quando Harry decidiu se casar, tanto William como Kate sentiram alívio de que muitas das coisas que eles faziam poderiam ser delegadas aos duques de Sussex, e assim eles conseguirem passar mais tempo com os filhos. Porém, a realidade após o nascimento do pequeno Archie Harrison foi totalmente outra.

Segundo o jornal Daily Mail, agora cabe a William e Kate ficar com o trabalho que era destinado aos Sussex. O príncipe William e a duquesa de Cambridge sempre desempenharam papéis muito ativos desde que se casaram em 2011, mas o nível de dedicação aos seus deveres oficiais aumentaram significativamente.

"Kate já começou a participar de saídas sozinha, e isso aumentará nos próximos anos, o que significa muito mais tempo longe de William e também dos filhos", comentou o especialista em assuntos da realeza, Phil Dampier.

Em conversa com o jornal inglês Express, ele contou a nova realidade de Middleton e William, uma vez que termine a quarentena:

"Quando acabar a quarentena, eles devem fazer mais viagens sozinhos, ir a mais partes do país e trabalhar mais (...) Kate já fez sua primeira viagem sozinha ao Reino Unido este ano promovendo suas 'cinco grandes perguntas sobre os menores de cinco anos'. Ela também esteve ocupada lançando seu concurso de fotos com a National Portrait Gallery, e participando de seu primeiro podcast onde falou abertamente sobre sua luta como uma mãe que trabalha.", explicou Phil.

"Além disso, as viagens sozinha sem William só vão aumentar, a medida que o casal cumprirá os deveres reais que Harry e Meghan deixaram de fazer. Com tanto tempo dedicado aos seus deveres reais, que estão ficando cada vez mais cansativos, Kate terá menos tempo para ficar o lado do príncipe, que também está com uma agenda cheia", disse.

 

Carreira militar

 

De acordo com um novo documentário sobre a vida dos Duques de Cambridge, Príncipe William e Kate Middleton, chamado William and Kate: Too Good To Be True (William e Kate: Bom demais para ser verdade), do canal 5 inglês, a Rainha Elizabeth II interferiu nos planos de William de ter uma carreira alternativa quando era mais jovem. Apesar de que o príncipe William mostrou que ele é mais do que capaz de liderar uma nação em crise, depois que ele e a duquesa Kate deram um passo à frente e assumiram mais deveres reais na ausência da rainha, contam que houve um momento em que o duque pretendia seguir uma carreira militar mas foi impedido por Sua Majestade.

Segundo a revista New Idea, o comentarista da realeza Simon Vigar alegou no documentário que William estava proibido de seguir a carreira militar porque ele é o segundo na linha de sucessão do trono e não pode arriscar sua vida.

De acordo com a emissora britânica, 'William não teve permissão para se aproximar da linha de frente' porque a rainha aparentemente ordenou que ele renunciasse ao trabalho dos seus sonhos'.

Embora ele tenha treinado para ser piloto de helicóptero e tenha passado dois anos voando para emergências, quando se tratava de servir nas Forças Armadas Britânicas, ele recebeu um inabalável 'Não' da rainha Elizabeth II.

"William estava desesperado para permanecer nas forças armadas e, é claro, ele treinou para ser piloto de helicóptero", disse Simon. "Mas no final, ele não teve permissão para se aproximar da linha de frente. A chefe suprema disse que não, porque ele é o segundo na fila do trono".

O comentarista real continuou dizendo que, apesar de seus sonhos militares terem sido destruídos, o duque conseguiu encontrar um terreno comum com a monarquia, depois que ele treinou novamente suas habilidades para ajudar os outros.

"Ele se treinou como piloto de busca e salvamento em Anglesey", disse Simon.

"Ele ajudou a salvar muitas, muitas vidas, voando naquele helicóptero amarelo nas Ilhas Britânicas ... Então, isso lhe deu um papel significativo. E isso significou muito para ele", acrescentou.

William recentemente permitiu que as ambulâncias aéreas parassem e reabastecessem no jardim privado de sua casa em Londres no Kensington Palace, em meio à pandemia de coronavírus. As ambulâncias aéreas receberam sinal verde para pousar e decolar do campo Perks, que é usado como local de pouso para helicópteros da família real. Os paramédicos originalmente tinham que voar para a estação de reabastecimento mais próxima em Watford, que fica a cerca de 32 quilômetros de distância. Portanto, o novo local certamente economizou um tempo valioso.

Kate Middleton e William vão processar revista por críticas
Kate Middleton corta o cabelo dos filhos em casa





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico