Imprimir

Notícias

25/10/2020 | 08h00m - Publicado por: OFuxico | Foto: Reprodução/Instagram

Kim Kardashian se desentende com as irmãs Hadid

Conflito na Armênia desencadeou problema com Bella e Gigi, segundo fontes

Kim Kardashian se desentende com as irmãs Hadid - Reprodução/Instagram

Segundo o jornal The Sun, atualmente a amizade entre Kim Kardashian e as irmãs Hadid, Gigi e Bella, está em conflito por razões políticas.

A mulher de Kanye West tem feito campanha pelo país de seus ancestros, Armênia, que na atualidade está em guerra com o Azerbaijão.

De acordo com a publicação, Kim está em desacordo com as irmãs Hadid depois de as criticar por não apoiarem a Armênia.

Uma fonte disse ao The Sun: "Bella e Gigi falaram sobre a Armênia no fim de semana passado, em um grande esforço para criar consciência sobre o conflito que está acontecendo contra o Azerbaijão".

Mas gente! Kim Kardashian receberá R$ 34,2 milhões de seu ex-segurança. Vem saber!
 

Mas parece que Kim não gostou da manifestação das modelos, e teria chamado elas de 'desinformadas'.

"As meninas receberam uma reação violenta, então apagaram as publicações", disse a fonte, e acrescentou que Kim falou com elas para descobrir quem estava do lado do Azerbaijão.

"Kim enviou uma mensagem de texto para as duas informando sobre o conflito, pois esteve criando consciência sobre a Armênia, mas Bella e Gigi não gostaram e se irritaram. Bella e Gigi deixaram de seguir Kim pouco depois", revela a fonte.

Conflito

Segundo a rede britânica BBC, tropas da Armênia e Azerbaijão estão se enfrentando desde final de setembro e centenas de pessoas, incluindo muitos civis morreram nos ataques durante a maior onda de violência na região em décadas.

A disputa gira em torno do enclave de Nagorno-Karabakh, uma pequena área que oficialmente é reconhecida como parte do Azerbaijão, mas tem população em sua maioria de etnia armênia.

A Armênia é um país de maioria cristã, enquanto Azerbaijão é majoritariamente muçulmano.

Processo milionário

E quando a gente acha que já viu de tudo, vem Kim Kardashian com mais uma! A mulher de Kanye West processou seu ex-guarda-costas, Pascal Duvier, em 2016. A socialite afirma que ele não a protegeu durante um assalto ocorrido em Paris.

Em troca de um acordo, ela pediu US$ 6,1 milhões (cerca de 34,2 milhões de reais) de Pascal Duvier e suas empresas Protect Security e Balali Investments Inc, acusados de negligência.

Na ocasião, a bonita foi mantida sob a mira de uma arma enquanto ladrões roubavam suas joias. Ela contou que foi deixada sozinha na suíte enquanto seu guarda-costas foi a uma boate na Champs-Elysées com suas irmãs, Kourtney e Kendall Jenner.

Kim foi amarrada e tinha uma arma apontada para sua cabeça e, posteriormente, colocada no banheiro do hotel, enquanto os ladrões selecionavam as peças de suas joias com diamantes, levando itens no valor que supera os 56 milhões de reais.

Kim Kardashian ganha mais no Instagram que na televisão

Kim Kardashian se une ao elenco do filme Patrulha Canina
Kloe Kardashian é detonada por bronzeado: ‘Cor de cenoura’





Notícias Relacionadas

29/10/2020 | 13h00m - OFuxico/Juliana Picanço

Kim Kardashian aluga ilha para comemorar aniversário

28/10/2020 | 16h00m - Giovanna Prisco

Khloé Kardashian sobre Covid-19: 'A tosse queimava'



Instagram

Instagram

OFuxico