Imprimir

Notícias

10/06/2020 | 08h00m - Publicado por: OFuxico | Foto: Reprodução/Instagram

Kylie Cosmetics é transparente sobre diversidade racial

A companhia de Kylie Jenner emprega negros, brancos e mestiços

Kylie Cosmetics é transparente sobre diversidade racial - Reprodução/Instagram

Apesar do escândalo em que está envolvida atualmente por conta das acusações da revista Forbes, de que "inflou" sua fortuna para ser colocada na lista de bilionária, Kylie Jenne tem se dedicado a outros temas, segundo ela, mais importantes do que a quantia que ela tem no banco.

Kylie Jenner fura quarentena e é flagrada em balada

E esta semana a companhia de Kylie, a Kylie Cosmetics, afirmou que está 'orgulhosa' da diversidade racial dentro de sua empresa.

No domingo, a marca de beleza abriu com seus funcionários como parte do desafio #PullUpForChange, que pede às empresas que fossem transparentes sobre o número de trabalhadores negros em sua equipe.

Segundo a Kylie Cosmetics, 13% de seus funcionários se identificam como negros, percentual que chega aos 47% da empresa que se identifica como BIPOC - negros, indígenas e mestiços. Os outros 53% são brancos, enquanto todos os 100% se identificam como mulheres.

"A Kylie Cosmetics está aqui para Pull Up for Change, para nossa equipe e para a comunidade negra", escreveu a empresa no Instagram. "Estamos orgulhosos da diversidade de nossa empresa, com uma equipe de mulheres negras, brancas, asiáticas, americanas nativas, latinas e do Oriente Médio", justifica.

"À medida que nossa equipe cresce, comprometemo-nos a manter um foco contínuo na diversidade étnica no local de trabalho e no recrutamento de funcionários negros", prosseguiram. "Os números que você vê acima representam as pessoas no nosso QG Kylie Cosmetics / Kylie Skin".

Kylie Jenner deve depor por supostos documentos falsos
Casa comprada por Kylie Jenner na adolescência está à venda

Falsificação de documentos

Kylie Jenner, recentemente, viu seu nome envolvido em uma polêmica com o título de bilionária que recebeu da revista Forbes. Após a acusação do veículo, de que ela teria mentido a respeito das documentações que comprovavam sua fortuna, ela agora pode ser chamada para depor perante à Justiça.

Isso deve-se à sua empresa de cosméticos, a Kylie Cosmetics, cujo sucesso nos papéis não parece condizer com a realidade.

Segundo a imprensa internacional, a Coty, empresa do ramo da beleza, que adquiriu 51% da Kylie Cosmetics no início de 2020 por US$ 600 milhões (mais de R$ 2 bilhões), tem visto suas ações na Bolsa de Valores de Nova York caindo desde o problema com a Forbes.

A companhia está preocupada, já que teria investido na companhia de Kylie Jenner, depois de analisar a mesma papelada apresentada pela empresária à revista.





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico