Imprimir

Notícias

26/05/2020 | 09h00m - Publicado por: OFuxico | Foto: Grosby Group

Livro vai revelar porque Harry decidiu deixar a realeza

Fonte editorial afirma que o Príncipe Harry se irrita quando acusam Meghan Markle sobre essa decisão

Livro vai revelar porque Harry decidiu deixar a realeza - Grosby Group

Uma nova matéria no jornal The Sun, revela que foi o príncipe Harry quem 'tomou a decisão' de deixar a família real. Isso vai ser discutido no novo livro chamado Harry and Meghan and the Making of A Modern Royal Family (Buscando a liberdade: Harry e Meghan e a criação de uma família real moderna), do autor Omid Scobie.

O duque de 35 anos e sua esposa, a duquesa Meghan, decidiram se afastar como membros-seniores da realeza no início deste ano e se mudaram para os Estados Unidos para criar uma nova vida como filantropos. E embora Meghan, de 38 anos, tenha sido responsabilizada pela decisão do marido, a nova publicação garante que a escolha foi de Harry e que ela só apoiou a decisão do Príncipe.

Uma fonte editorial, que teve acesso ao livro que chegará ao mercado dia 11 de agosto disse ao jornal The Sun que Harry se irrita cada vez que escuta a expressão 'Megxit' (saída de Meghan), que os ingleses usaram para culpar Markle pela polêmica decisão de abandonar a realeza:

"Essa palavra 'Megxit' em particular sempre irritou o príncipe Harry. Parece que a decisão de se afastar da família real foi de Meghan. A realidade é que Harry tomou essa decisão. O livro deixará claro e explicará por que isso aconteceu. A verdade é que Harry se sentia infeliz por muito, muito tempo", justifica o informante.

"Ele queria seguir essa direção e estava considerando isso há mais de um ano. Meghan apoiou a decisão de Harry. Mas houve mais de uma ocasião em que ela perguntou se ele tinha certeza de que era o que ele queria. E ela sempre deixou claro que o apoiaria no que ele decidisse", afirma.

Harry já havia insistido antes que ele não tinha 'escolha' a não ser se afastar da vida real com Meghan e seu filho de 12 meses, Archie.

Em um discurso em um evento de caridade, apenas alguns dias após o anúncio surpresa, Harry esclareceu: "A decisão que tomei não foi algo que tomei sem pensar. Houve muitos meses de conversas após tantos anos de desafios. E sei que nem sempre eu fiz as coisas bem, mas em relação a isso, realmente não havia outra escolha", justificou na época.

De volta ao Reino Unido

Príncipe Harry e Meghan Markle têm plano de retornarem para a Inglaterra, assim que a pandemia do coronavírus passar. Segundo relatou uma fonte do Palácio de Kensington, agora que Archie já está maior, o garoto deve passar um tempo de qualidade com os primos diretos, George, Charlotte e Louis, durante férias de verão no Reino Unido. E de acordo com a revista Grazia, o convite partiu dos Duques de Cambridge, William e Kate Middleton.

Os Duques de Sussex também planejam passar um tempo com a Rainha Elizabeth II durante o verão europeu.

Katie Nicholl também contou recentemente que os planos de Harry e Meghan Markle de deixarem a Inglaterra 'estava na agenda desde o começo': "Eles queriam ser independentes.", justifica.

A autora e correspondente da Vanity Fair disse ao site 9Honey que, embora acredite que era 'inevitável' que os Duques de Sussex se mudassem a outro país: "Eles não queriam ficar em um único lugar, queriam fazer a diferença mundialmente. Eles tinham uma agenda desde o começo: serem membros da realeza internacional", disse Nicholl.

Duques de Sussex planejam voltar para o Reino Unido
Príncipe Harry se sente 'perdido' em Los Angeles
Fãs especulam tensão na Família Real. Saiba o motivo!





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico