Imprimir

Notícias

02/03/2020 | 23h30m - Publicado por: Flávia Ávila | Foto: Reprodução/Instagram

Lizzo fala de superação após sofrer com dismorfia corporal

Em entrevista à Rolling Stone, ela disse que a música a ajudou muito no processo

Lizzo fala de superação após sofrer com dismorfia corporal - Reprodução/Instagram

Depois de um ano badalado, Lizzo começou 2020 muito bem, levando três Grammys na cerimônia deste ano. Estampanado capa de importantes revistas, como a Time e a Entertainment Weekly, a cantora foi a personagem principal da Rolling Stone norte-americana recentemente, e deu uma entrevista bem honesta.

Lizzo se abre à ideia de ter filhos

Inspiração para muitas pessoas, principalmente as mulheres e o público mais jovem, Lizzo nem sempre se sentiu tão confortável assim no próprio corpo. A artista contou que passou por um período difícil em que teve dismorfia corporal. 

Durante o batepapo com o veículo, ela contou sobre a sua luta contra a desordem e a insegurança que apareceram depois de um relacionamento abusivo. Na época, a artista tinha 19 anos.

Lizzo rebola a ‘buzanfa’ de lingerie fio dental

Segundo ela, seu ex-namorado terminou o relacionamento dizendo que “por ser magro, precisava de uma garota magra e pequena”. Tal comentário fez com que ela fizesse de tudo para tentar se parecer com a atriz Zooey Deschanel.

“Eu não posso apenas acordar e ser uma garota branca. Como é possível estar apaixonada por alguém quando você não é nem você mesmo?”, questionou Lizzo, concluindo que posteriormente entendeu que não poderia ser nada além dela mesma.

Harry Styles participa de show de Lizzo em Miami

Apesar de não ter sido fácil, a estrelqa afirmou que conseguiu “chegar a um acordo com sua dismorfia corporal e evoluir” para seguir em frente e transmitir a partir de sua arte muita positividade e mensagens de apoio para que as garotas sempre busquem ser incríveis do jeito que são.

Cantora Lizzo grava vídeos em português para o Tik Tok

“Como mulher negra, faço música para as pessoas a partir de uma experiência que é de uma mulher negra. Estou fazendo música que, esperançosamente, fará com que outras pessoas se sintam bem e que me ajudará a encontrar o amor próprio. É essa a mensagem que eu quero enviar diretamente para mulheres negras, mulheres negras grandes, mulheres negras trans, etc”, ressaltou. 





Notícias Relacionadas



Instagram

Instagram

OFuxico